Milionário (cantor)

Cantor sertanejo

Romeu Januário de Matos (Monte Santo de Minas, 9 de janeiro de 1940), mais conhecido pelo nome artístico Milionário é um cantor brasileiro de música sertaneja.[1][2]

Milionário
Milionário em 2016
Nome completo Romeu Januário de Matos
Pseudônimo(s) Milionário, O Garganta de Ouro, Lenda
Nascimento 9 de janeiro de 1940 (83 anos)
Monte Santo de Minas, Minas Gerais
Residência Mogi Guaçu, São Paulo
Nacionalidade Brasil Brasileiro
Ocupação
Carreira musical
Período musical 1970 - 2018
Gênero(s) Música sertaneja
Instrumento(s) Violão
Gravadora(s) Chantecler/Continental (uma divisão da Warner Music Brasil)
Afiliações

Primeiros anos e formação da duplaEditar

Milionário fez parte da importante dupla sertaneja Milionário & José Rico. Conheceram-se em 1970, quando os dois se encontraram no Hotel dos Artistas, na cidade de São Paulo. Ao serem apresentados, José Rico disse seu nome a Romeu, pois já tinha o apelido de José Rico, nome esse dado quando criança por um padre da cidade de Terra Rica, no Paraná, onde cantava no coral da igreja. Romeu tinha o nome artístico de Tubarão. Formaram então a dupla "Tubarão e José Rico", porém, um dia, ao assistir a uma propaganda do Baú da Felicidade no Programa Silvio Santos, o "Baú Milionário", Romeu então teve a ideia de alterar o nome de Tubarão para Milionário, dando início então à dupla Milionário & José Rico, no ano de 1973. O cantor Milionário possuiu uma chácara aonde reside em Mogi Guaçu e um sítio para pescar em Borborema ambos no interior do estado de São Paulo

CarreiraEditar

Além de vários discos e DVD's, a dupla Milionário e José Rico atuou no cinema em dois filmes: Na Estrada da Vida, de Nelson Pereira dos Santos, e Sonhei com Você, de Ney Sant'Anna, filho de Nelson.

Em 1991, Milionário se separou de José Rico e, em 1992, formou a dupla Milionário & Mathias, que emplacou o sucesso "Na Segunda Feira à Noite" em todo Brasil.[3]

Em 1993, formou a dupla Milionário & Robertinho, que teve curta duração.

Após a morte de José Rico, o cantor Milionário, em 2016, passou a fazer dupla com Marciano, que até então fazia carreira solo após separar-se de João Mineiro em 1993.[4][5] A dupla estava junta até o falecimento de Marciano, em 18 de janeiro de 2019, vítima de infarto.[6]

Em 2019, Milionário foi internado no Hospital Beneficência Portuguesa, em São José do Rio Preto, no interior de São Paulo, após reclamar de fortes dores nas pernas. Após dois dias no hospital, ele recebeu alta no dia 31 de outubro.[7][8]

Referências

  1. «Milionário & José Rico - Dados Artísticos». Dicionário Cravo Albin. Consultado em 3 de abril de 2020 
  2. «Milionário e José Rico: a história das gargantas de ouro e 10 sucessos marcantes | Blog Rodeo West». 4 de janeiro de 2017 
  3. «Milionário & Mathias - Dados Artísticos». Dicionário Cravo Albin. Consultado em 3 de abril de 2020 
  4. Emiliana, Cecília (1 de maio de 2016). «Remanescentes de duplas do sertanejo raiz, Milionário e Marciano se juntam em nova formação.». Uai. Consultado em 1 de dezembro de 2018 
  5. Braziliense, Correio; Braziliense, Correio (26 de abril de 2016). «ícones do gênero musical, Milionário e Marciano se unem no projeto Lendas» 
  6. «Lenda do sertanejo, cantor Marciano morre aos 67 anos». entretenimento.uol.com.br. Consultado em 18 de janeiro de 2019 
  7. Cantor Milionário é internado no interior de São Paulo | Movimento Country, 3 de novembro de 2019, consultado em 3 de abril de 2020 
  8. Região, Diário da (31 de outubro de 2019). «Cantor Milionário fica internado em hospital de Rio Preto» 
  Este artigo sobre um músico é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.