Nine

freguesia do município de Vila Nova de Famalicão, Portugal
 Nota: Para outros significados, veja Nine (desambiguação).

Nine é uma povoação portuguesa sede da Freguesia de Nine do Município de Vila Nova de Famalicão, freguesia com 3,96 km² de área[1] e 3019 habitantes (censo de 2021)[2], tendo, por isso, uma densidade populacional de 762,4 hab./km².

Portugal Portugal Nine 
  Freguesia  
Nine
Nine
Nine
Gentílico ninense
Localização
Nine está localizado em: Portugal Continental
Nine
Localização de Nine em Portugal
Coordenadas 41° 27' 53" N 8° 32' 38" O
Município Vila Nova de Famalicão
Código 031227
Administração
Tipo Junta de freguesia
Características geográficas
Área total 3,96 km²
População total (2021) 3 019 hab.
Densidade 762,4 hab./km²
Outras informações
Orago Santa Maria

A freguesia é servida pela Estação Ferroviária de Nine.[3]

História

editar

As primeiras referências a Nine, em termos de documentação surgem nas inquirições de 1220. "Sancta Maria de Nini" era a designação naquela época. Caracterizado em tempos mais antigos, por uma comunidade de agricultores, com várias "Grandes Casas Agrícolas" que congregava rendeiros e um elevado número de serviçais que se dedicavam a criação de gado e ao cultivo de milho e vinha, não estivéssemos localizados em plena região minhota.

A antiga freguesia de Santa Maria de Nine foi reitoria de apresentação da mitra e comenda da Ordem de Cristo, no termo de Barcelos. Em meados do século XIX, mas propriamente em 1852, consta já na comarca e no concelho de Vila Nova de Famalicão.

Recuando à primeira metade do século XVII, o número e a configuração dos lugares que constituem a freguesia de Nine sofrem alterações que se prendem particularmente com o aumento ou diminuição geográfica. A titulo de curiosidade, foram extintos os lugares de Friães (antiga Igreja), da Cancela e do Monte e surgiram novos lugares: Lugar da Estação e da Igreja.

Falar de Nine incita-nos a falar da sua estação de caminhos de ferro, construída na época da expansão da linha férrea do Norte, durante um período forte de emigração para o Brasil, mais tarde restaurada em 1920. 

O primeiro troço construído foi o que assegurou a ligação entre Porto e Braga, instaurado em Maio de 1875. 

No referido percurso, foram estabelecidas as estações intermédias de Rio Tinto, Ermesinde, S. Romão, Trofa, Famalicão, Nine e Tadim. Só em 1884, se completou o assentamento de carris para a circulação de comboios nesta área nortenha. A linha entre Nine e Braga era em via única até 2004, ano em que o Campeonato de Futebol da UEFA foi organizado em Portugal e que grande obras foram feitas para finalmente ter uma via dupla permitindo assim comboios ir nos dois sentidos e cruzar.

Na altura da inauguração, em serviço combinado com os comboios, surgiram novos percursos, nomeadamente, Barcelos, Viana do Castelo, Valença, Alto Minho e Galiza. Ainda hoje, a freguesia ocupa uma posição de entroncamento do ramal de Braga e da continuação da Linha do Norte. Esta situação contribuiu para a introdução de uma nova profissão: o ferroviário, constituindo um grupo social marcante até aos nossos dias.

Nos terrenos desta estação podemos encontrar primitivas oficinas de reparação dos comboios e algumas locomotivas a vapor, que circularam nestas linhas até finais do séc. XIX.

A propósito do topónimo "NINE" importa recordar as histórias que acompanham os imaginários colectivos desta comunidade, criando e fortalecendo laços de identidade entre as consciências individuais. Seguindo este raciocínio, o topónimo "NINE" teve origem britânica. 

Diversos ingleses trabalhavam na construção da linha férrea do norte e desconhecendo a designação desta localidade, decidiram contar o número de estações por onde passavam. Iniciando o percurso em Braga, como forma de orientação. Assim, "NINE" seria a nona estação, daí advém "Nine" que traduzido para o português significa "NOVE".

Outro "mito" relativo à toponímia da freguesia deriva do facto da sua Estação de Caminho de Ferro ter sido construída, para permitir o transbordo de passageiros entre a Linha do Minho e o Ramal de Braga no término deste último, situado a 9 milhas terrestres (14,5 km) da Estação de Braga.

Demografia

editar

A população registada nos censos foi:[2]

População da Freguesia de Nine
AnoPop.±%
1864 761—    
1878 806+5.9%
1890 820+1.7%
1900 937+14.3%
1911 1 108+18.2%
1920 1 215+9.7%
1930 1 422+17.0%
1940 1 934+36.0%
1950 1 803−6.8%
1960 2 178+20.8%
1970 2 301+5.6%
1981 2 300−0.0%
1991 2 586+12.4%
2001 2 735+5.8%
2011 2 974+8.7%
2021 3 019+1.5%
Distribuição da População por Grupos Etários[4]
Ano 0-14 Anos 15-24 Anos 25-64 Anos > 65 Anos
2001 439 496 1481 319
2011 492 314 1759 409
2021 427 333 1711 548

Referências

  1. «Carta Administrativa Oficial de Portugal CAOP 2013». descarrega ficheiro zip/Excel. IGP Instituto Geográfico Português. Consultado em 5 de dezembro de 2013. Arquivado do original em 9 de dezembro de 2013 
  2. a b Instituto Nacional de Estatística (23 de novembro de 2022). «Censos 2021 - resultados definitivos» 
  3. http://portugaltorraonatal.blogspot.pt/2012/03/freguesia-de-nine.html
  4. INE. «Censos 2011». Consultado em 11 de dezembro de 2022 
  Este artigo sobre freguesias portuguesas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.