Abrir menu principal

Nunca Fomos tão Felizes

filme de 1984 dirigido por Murilo Salles
Nunca fomos tão felizes
Nunca fomos tão felizes (BRA)
 Brasil
1984 •  cor •  91 min 
Direção Murilo Salles
Roteiro Alcione Araújo
Jorge Durán
Elenco Cláudio Marzo
Roberto Bataglin
Susana Vieira
Antônio Pompêo
Género Drama
Idioma português

Nunca fomos tão felizes é um filme brasileiro de 1984, dirigido por Murilo Salles e com roteiro escrito por Alcione Araújo e Jorge Durán, baseado no conto Alguma coisa urgentemente, de João Gilberto Noll.[1]

O filme foi rodado no último ano do governo militar, pois em março de 1985 o general João Figueiredo passou o cargo de presidente para José Sarney, que assumiu no lugar de Tancredo Neves.[2]

Índice

SinopseEditar

Um rapaz é retirado de um colégio interno por seu pai, e é acomodado num grande apartamento temporariamente. Ele pouco sabe sobre a vida do pai - militante político perseguido pela polícia do regime militar -, e começa a investigar o mistério que o cerca.

ElencoEditar

Principais prêmiosEditar

  A Wikipédia tem o
XII Festival de Gramado (1984)[2]
  • Vencedor do Prêmio da Crítica;
  • Melhor roteiro para Alcione Araújo;
  • Melhor fotografia para José Tadeu Ribeiro;
  • Vencedor do Prêmio Edgar Brasil de Fotografia.
XVII Festival de Brasília do Cinema Brasileiro
  • Melhor Filme (Júri Oficial e Popular);
  • Melhor roteiro para Alcione Araújo;
  • Melhor montagem para Vera Freire.

Referências

Ligações externasEditar