Abrir menu principal

Nutriente

Qualquer elemento ou composto químico necessário para o metabolismo de um organismo vivo
Searchtool.svg
Esta página ou seção foi marcada para revisão, devido a incoerências e/ou dados de confiabilidade duvidosa (desde julho de 2015). Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a coerência e o rigor deste artigo.

Nutriente é qualquer elemento ou composto químico necessário para o metabolismo de um organismo vivo. Os nutrientes compõem os alimentos.[1] Nutrientes são essenciais para a vida e são formados pelos elementos químicos.

Estão divididos em macronutrientes (carboidratos, proteínas, gorduras e água) e micronutrientes (vitaminas, minerais e fibras da dieta). Nos macronutrientes é que estão os valores calóricos dos alimentos.[2]

Do ponto de vista da botânica e da ecologia, os nutrientes básicos são o oxigénio, o dióxido de carbono e os sais minerais necessários para a vida das plantas e dos outros seres vivos autotróficos.

As plantas e os constituintes do fitoplâncton formam assim a base da cadeia alimentar, uma vez que vão servir de alimentação aos animais.

Os seres vivos que não têm a capacidade fotossintética, como os animais, os fungos e muitos protistas, alimentam-se de plantas ou de outros animais, que podem estar tanto vivos como em decomposição. Para estes seres, os nutrientes são os compostos orgânicos e os minerais existentes nesses alimentos. Entre os principais nutrientes (macronutrientes) estão os hidratos de carbono, prótidos e lípidos; os micronutrientes incluem as vitaminas e os microminerais (ou oligoelementos).

A importância da águaEditar

O citoplasma das células vivas é constituído por uma solução aquosa de várias substâncias e, por essa razão, a água tem um lugar fundamental na nutrição dos seres vivos. Um conceito de nutriente é a de um soluto, ou seja, uma substância que sofreu dissolução em água. Deste ponto de vista, não se pode dizer que a água seja um nutriente, embora seja indispensável para o processo de absorção ou assimilação dos nutrientes.

Este conceito é mais diretamente observável nas plantas que, quando cultivadas, devem ser regadas e, muitas vezes necessitam de adubação, ou seja, é necessário fornecer-lhes uma solução em que se encontrem dissolvidos os nutrientes necessários ao seu desenvolvimento. Nos animais e seres unicelulares heterotróficos, os nutrientes são absorvidos depois da sua digestão, no sistema digestivo ou em organelas especializadas; este processo consiste em transformar os alimentos em substâncias que, em solução possam ser assimiladas pelas células.

Nutrientes orgânicosEditar

Os nutrientes orgânicos são sempre compostos por carbono, hidrogénio e oxigénio. Os principais nutrientes orgânicos são: os prótidos, os glícidos ou hidratos de carbono, os lípidos e as vitaminas.

PrótidosEditar

Este grupo de nutrientes fornece, por cada grama, 4 quilocalorias. As suas principais funções são: plástica, enzimática, de revestimento, contráctil, de transporte, hormonal, de defesa e de coagulação. Este nutriente está presente na carne, no peixe, nos ovos nas leguminosas e em alguns frutos secos tais como as nozes.

Referências

  1. «Os Nutrientes». Rgnutri.com.br. Consultado em 22 de junho de 2009. Arquivado do original em 18 de agosto de 2009 
  2. Mulherdeclasse.com.br http://www.mulherdeclasse.com.br/nutrientes.htm  Em falta ou vazio |título= (ajuda)

Ver tambémEditar

  Este artigo sobre Fisiologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.