Abrir menu principal
Nome completo Olavo Redig de Campos
Nascimento 1906
Rio de Janeiro
Morte 1984 (78 anos)
Rio de Janeiro
Nacionalidade Brasileiro
Movimento Arquitetura moderna - Escola carioca
Obras notáveis Monumento de Pistóia, prédio do IMS-Rio

Olavo Redig de Campos (1906 - 1984) foi um arquiteto brasileiro, considerado um importante representante da arquitetura moderna no país.

Índice

FormaçãoEditar

Filho de diplomata, nasceu no Rio de Janeiro, mas viveu na Europa durante parte de sua infância. Formou-se em arquitetura na Universidade de Roma, por onde também haviam passado Gregori Warchavchik e Rino Levi.

ObraEditar

Olavo Redig retornou ao Brasil em 1931, assumindo, em 1946, a chefia do Serviço de Conservação do Patrimônio do Itamaraty. Neste cargo, que ocupou por cerca de 30 anos, coordenou, dentre outros, os projetos das chancelarias brasileiras de Washington, Lima e Buenos Aires, das residências diplomáticas de Beirute e Dacar, do Centro Cívico de Curitiba, da Assembléia Legislativa do Paraná e do Monumento Votivo Militar de Pistóia, em memória da Força Expedicionária Brasileira.

Além de uma série de outras moradias urbanas e rurais, Olavo Redig projetou a casa de campo de Geraldo Baptista e a residência da família Moreira Salles no Rio de Janeiro, que hoje abriga o centro cultural do IMS - Instituto Moreira Salles naquela cidade.

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar

  • [1] - Genealogia Pernambucana
  • [2] - Biblioteca do IMS-Rio

Referências bibliográficasEditar

  • BRUAND, Yves; Arquitetura contemporânea no Brasil; São Paulo: Editora Perspectiva, 2002, ISBN 85-273-0114-8