Abrir menu principal

Osvaldo Pascoal Pugliese (São Paulo, 24 de dezembro de 1958), é um jornalista brasileiro. Atualmente é comentarista dos canais Fox Sports Brasil, emissora de tv a cabo brasileira com programação voltada aos esportes, e participante no programa Fox Sports Rádio que é do mesmo canal.

Pascoal ganhou notoriedade nacional quando, por mais de dez anos, integrou a TV Bandeirantes, sendo repórter, onde fez grande trio com Ely Coimbra e Octávio Muniz. Em uma de suas entrevistas mais repercutidas, Pascoal entrevistou o até então treinador da Seleção Brasileira de Futebol - Mário Jorge Lobo Zagallo, chorando logo após vitória do Brasil na final da Copa América de 1997, sobre a Bolívia por 3x1, e no momento de desabafo, disse: "vocês vão ter que me engolir". Trabalhou também como repórter da extinta TV Manchete.

Após sair da emissora de televisão, Osvaldo Pascoal decidiu seguir um pouco em outra carreira, a de dirigente de futebol. Como gerente de futebol Pascoal trabalhou no Goiás, no Vila Nova, no Figueirense e por último no Guarani de Campinas, onde logo após a sua saída do clube foi convidado para retornar a Rádio Globo, já que trabalhara na mesma época do Osmar Santos.

Na mesmo período em que estava atuando na direção de times de futebol, Pascoal escreveu um livro, "Sai da Rua, Roberto", que conta a história de Roberto Rivelino, um dos mais importantes jogadores da história. Osvaldo Pascoal é casado e tem duas filhas. Em 2012, passou a apresentar a versão paulista do Enquanto A Bola Não Rola na Rádio Globo[1].

Deixou a Rádio Globo de São Paulo no início do ano de 2017 e hoje integra a equipe da Fox Sports.

Referências

  1. Jacqueline Patrocinio, para o Comunique-se (11 de outubro de 2012). «Osvaldo Pascoal novo programa da Rádio Globo São Paulo». Consultado em 29 de novembro de 2012 
  Este artigo sobre um(a) jornalista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.