Pemba

cidade moçambicana capital da província de Cabo Delgado
Disambig grey.svg Nota: Para a ilha da Tanzânia, veja Pemba (Tanzânia). Para o objeto de cultos, veja Pemba (giz).

Pemba é uma cidade moçambicana, capital da província de Cabo Delgado. Administrativamente é um município (autarquia local) e um distrito (unidade local do governo central). Até 1976 a cidade tinha o nome de "Porto Amélia". De acordo com o censo de 2017 a cidade tem uma área de 102 km² e uma população de 200 529 habitantes.[1][2]

Pemba
Distrito, Município, Cidade de Moçambique Moçambique
Pemba 07 (9723995849).jpg

Brasão
Dados gerais
Fundada em 18 de Outubro de 1958.
Gentílico Pembense, Baiano.
Sede Cidade de Pemba
Província Cabo Delgado
Características geográficas
Área 102 km² km²
População 200 529 habitantes. hab. (2017)
Densidade 1 966 habitantes/km² hab./km²
Altitude 57 metros acima do nível do mar. m
Clima Húmido e Chuvoso.
Temperatura Média de 32 ° C.

Pemba está localizado em: Moçambique
Pemba
Localização de Pemba em Moçambique
12° 58' 00" S 40° ' " E{{{latG}}}° {{{latM}}}' {{{latS}}}" {{{latP}}} {{{lonG}}}° {{{lonM}}}' {{{lonS}}}
Dados adicionais
Prefixo telefónico +258
Projecto África  • Portal de Moçambique

A cidade encontra-se situada à saída da Baía de Pemba, a 3ª maior baía do mundo e a primeira na África em termo de profundidade e também uma das mais bem protegidas do litoral moçambicano. Localiza-se, em linha reta, a 1 666 km (2 450 km através de rodovias) a nordeste da capital nacional, Maputo.

HistóriaEditar

Não há registo de ocupação permanente no período pré-colonial, sendo a área visitada por pescadores suaílis e malgaxes. A primeira tentativa de ocupação portuguesa apenas ocorreu em meados do século XIX com a construção de um fortim, que foi abandonado poucos anos depois.

A ocupação definitiva apenas viria a ter lugar em 1898 quando a recém-formada Companhia do Niassa, que detinha poderes de administração do território, elevou um pequeno posto comercial à categoria de povoação. Pouco tempo depois Pemba torna-se Porto Amélia em homenagem à última rainha portuguesa.

Com o fim da concessão da Companhia do Niassa em 1929, Pemba torna-se capital do recém-criado Distrito de Cabo Delgado. Este facto põe ponto final à transferência da administração portuguesa desta região da vila do Ibo para Pemba. Esta transferência correspondeu a mudanças no transporte marítimo - navios maiores - que beneficiavam das excelentes características do porto natural de Pemba, e à ocupação e exploração do interior do território, para a qual Pemba estava melhor localizada.

Porto Amélia foi elevada à categoria de vila em 19 de Dezembro de 1934 e a cidade em 18 de Outubro de 1958, regressando à designação Pemba depois da independência nacional, em Março de 1976. Desde Dezembro de 2013 é também um distrito, uma unidade local do governo central para administrar as suas competências. O antigo distrito de Pemba-Metuge a que pertencia, tomou o nome de Metuge na mesma altura (sem incluir já a cidade).[3] [4]

GeografiaEditar

ClimaEditar

A cidade litoral de Pemba, localizada ao norte de Moçambique, tem um clima equatorial húmido, com um inverno seco (Koppen: Aw). As temperaturas apresentam pequena amplitude térmica, devido à localização tropical e à considerável proximidade com a linha do Equador. Quanto à precipitação, há duas estações bem definidas, ao longo do ano: a estação seca e a estação húmida. A estação húmida dura de dezembro a abril, e traz altos índices pluviométricos, com o mês mais húmido sendo o de março, com 202,2 mm de média mensal. Por outro lado, a estação seca alonga-se de maio a novembro, e traz, secundariamente, temperaturas mais frescas, com céu ensolarado e baixa precipitação. O mês mais seco do ano é, tipicamente, setembro, com 2,2mm de precipitação. A humidade é muito alta durante a estação húmida, com média de 80-90%, sendo muito mais baixa durante a estação seca. O mês mais quente é janeiro ou fevereiro, e o mais frio é julho.

Dados climatológicos para Pemba, Moçambique
Mês Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Ano
Temperatura máxima média (°C) 30,8 30,9 30,8 30,4 29,5 28,3 27,8 27,7 28,7 29,5 30,4 30,8 29,6
Temperatura mínima média (°C) 23,2 23,1 22,8 22,0 20,3 18,3 18,2 19,6 19,8 21,6 23,0 23,5 21,1
Precipitação (mm) 146,4 256,0 202,2 122,0 32,4 15,0 11,3 7,9 2,2 11,3 41,6 124,5 872,8
Fonte: HKO (Observatório de Hong Kong)[5] fevereiro de 2012

DemografiaEditar

A evolução histórica da população de Pemba é apresentada na seguinte tabela:[6]

InfraestruturaEditar

TransportesEditar

 
O porto de Pemba

A cidade de Pemba é interligada ao território nacional pela rodovia N1, que a liga a Mieze, Metoro e Montepuez, todas a oeste. Outra rodovia importante é a R760, de ligação com Mecufi.[7]

A sua mais importante facilidade logística é o Porto de Pemba, na excelente Baía de Pemba, que serve para escoamento de todo o tipo de produtos da província de Cabo Delgado.

A cidade também é servida por um aeroporto menor, o Aeroporto Internacional de Pemba, que recebe voos domésticos regulares e internacionais, como a ligação Pemba-Joanesburgo ou Pemba-Nairobi.[8]

EducaçãoEditar

Existem diversas instituições educacionais quer públicas ou privadas na cidade, desde escolas de infância, escolas primárias, escolas secundárias, institutos técnicos e as delegações de algumas universidades existentes no país como a Universidade Católica de Moçambique, (UCM) Universidade Alberto Chipande (UniAC), Escola Superior de Economia e Gestão (ESEG), e IsCED.

A cidade de Pemba possui um campus da Universidade Lúrio (UniLúrio), onde funciona a Faculdade de Ciências Naturais e a Faculdade de Engenharias.[9]


Referências

  1. População da Provincia de Cabo Delgado
  2. «QUADRO 3. POPULAÇÃO POR IDADE, SEGUNDO ÁREA DE RESIDÊNCIA, DISTRITO E SEXO. PROVÍNCIA DE CABO DELGADO, 2017». Instituto Nacional de Estatística. 2017. Consultado em 30 de abril de 2022 
  3. Lei nº 26/2013, publicada no Boletim da República nº 101, I Série, de 18 de Dezembro de 2013, pág. 1059-1061 (3)
  4. «Lei n.º 26/2013: Cria novos Distritos por Província.» (PDF). Imprensa Nacional de Moçambique, EP. 18 de dezembro de 2013. Consultado em 30 de Abril de 2022 
  5. «Estatísticas climáticas de Pemba, Moçambique». Consultado em fevereiro de 2012  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)[ligação inativa] (inglês)
  6. World Gazetter (inglês)
  7. «Mapa Rodoviário da República de Moçambique, Rede de Estradas Classificadas» (PDF). ANE-Administração Nacional de Estradas. Novembro de 2016. Consultado em 1 de novembro de 2021 
  8. «Aeroporto de Pemba». Aeroportos de Moçambique E.P. Consultado em 1 de novembro de 2021 
  9. «Histórico». Universidade Lúrio. 2019. Consultado em 1 de novembro de 2021 

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Pemba