Prêmio Angelo Agostini de melhor lançamento independente

prémio brasileiro de banda desenhada

Lançamento independente é uma das categorias do Prêmio Angelo Agostini, premiação brasileira dedicada aos quadrinhos que é realizada pela Associação dos Quadrinhistas e Caricaturistas do Estado de São Paulo (AQC-ESP) desde 1985.

Prêmio Angelo Agostini de melhor lançamento independente
Descrição Premiação brasileira de histórias em quadrinhos
Organização AQC-ESP
Local São Paulo
País  Brasil
Primeira cerimônia 2011
Sítio oficial

HistóriaEditar

A categoria de melhor lançamento independente faz parte do Prêmio Angelo Agostini desde sua 27ª edição, em 2011. Esta categoria tem o mesmo critério de eligibilidade da de melhor lançamento (publicações de artistas brasileiros cuja primeira edição, número especial ou exemplar único tenha sido lançado no ano anterior ao da cerimônia de premiação), mas sendo voltada exclusivamente para quadrinhos editados pelo próprio autor ou por pequenas editoras com baixa tiragem. Os vencedores são escolhidos por voto aberto para todos interessados, sejam profissionais ou leitores.[1][2]

A partir da edição de 2013, os votos, que até então eram enviados pelo correio ou por e-mail, passaram a ser feitos diretamente no blog oficial da AQC-ESP, o que resultou em um grande aumento no número de votos (14.937 nesta edição contra um total que dificilmente passava de 500 nas anteriores).[3][4][5]

Na edição de 2019, o prêmio teve pela primeira vez uma relação de indicados em cada categoria (até o ano anterior, a cédula de votação não trazia indicação de nomes, cabendo a cada votante escrever seu escolhido). A comissão organizadora do prêmio convidou diversos profissionais da área para a seleção dos indicados.[6]

Devido à pandemia de COVID-19, o 36.º Prêmio Angelo Agostini, que deveria ter ocorrido em 2020, foi realizado em janeiro de 2021. Esse problema se manteve na edição seguinte, focada na produção de quadrinhos de 2020, mas que teve sua votação, em caráter de emergência, realizada no início de 2022. O cronograma foi regularizado ainda em 2022 com a realização da 38.ª edição do prêmio no segundo semestre.[7][8]

VencedoresEditar

Ano Vencedores Outros indicados Notas
2011 Lucas da Vila de Sant'anna da Feira
Marcos Franco, Marcelo Lima e Hélcio Rogério
Votação aberta, sem lista de indicados [9]
2012 Love Hurts
Murilo Martins
Votação aberta, sem lista de indicados [10]
2013 Last RPG Fantasy
Yoshi Itice, Marcel Keiiche e Kendy Saito
Votação aberta, sem lista de indicados [5]
2014 Plataforma HQ
vários autores
Votação aberta, sem lista de indicados [11]
2015 Nenhum Dia sem um Traço
Ernani Cousandier
Votação aberta, sem lista de indicados [12]
2016 Nos Bastidores da Bíblia: Êxodo
Carlos Ruas e Leonardo Maciel
Votação aberta, sem lista de indicados [13]
2017 Protocolo: A Ordem
vários autores
Votação aberta, sem lista de indicados [14]
2018 Bilhetes
Paulo Borges
Votação aberta, sem lista de indicados [15]
2019 Saudade
Melissa Garabeli e Phellip Willian
  • Agente Sommos (Flávio Luiz Nogueira)
  • Artemisia 1 - O Muiraquitã Original (Ton Lima, Francélia Pereira e Wesllei Manoel)
  • Maré Alta (Flávia Borges)
  • Martírio de Joana Dark Side (Wagner Willian)
  • O Bar do Pântano (e Outras Desgraças) (Felipe Tazzo e Daniel Sousa)
  • QuackRanger (Alexandre Dal Gallo)
  • Quadrinhos Fantásticos de Silvio Ribeiro (Silvio Ribeiro)
  • Sinistra #1 (coletivo organizado por Hector Lima)
  • Tinta Fresca (Digo Freitas e Vinicius Gressana)
[16][17]
2020 Orixás: Ikú
Alex Mir
[18][19][nota 1]
2021 Quarentena em Quadrinhos
Rose Araújo
[20][21][nota 1]
2022 Não Ligue, Isso É Coisa de Mulher!
Bianca Mól, Eliane Bonadio, Fabiana Signorini, Flávia Gasi, Ligia Zanella, Luiza Lemos, Mari Santtos, Nanda Alves, Renata C B Lzz e Roberta Cirne
[8]

Ver tambémEditar

Notas

  1. a b Devido à pandemia de COVID-19, as edições de 2020 e 2021 tiveram suas cerimônias de premiação realizadas, de forma on-line, nos respectivos anos seguintes.[7]

Referências

  1. «Tudo sobre o Dia do Quadrinho Nacional e o Troféu Angelo Agostini». Bigorna.net. 15 de dezembro de 2005 
  2. «O Dia do Quadrinho Nacional e o Troféu Angelo Agostini» (PDF). QI. Brazópolis. Novembro 2010. p. 25-28 
  3. «Participe do 22º Prêmio Angelo Agostini». Bigorna.net. 16 de dezembro de 2005 
  4. «Votação do 29º Angelo Agostini» (PDF). QI. Brazópolis. Novembro 2012. p. 18 
  5. a b «Troféu Angelo Agostini bate recorde de votos – Conheça os vencedores». Revista O Grito. 18 de janeiro de 2013 
  6. «A AQC anuncia a votação pública para o 35º Troféu Angelo Agostini». O Barquinho Cultural. 25 de junho de 2019 
  7. a b «Troféu Angelo Agostini realiza uma nova edição da premiação para homenagear os destaques dos quadrinhos nacionais em 2021». O Barquinho Cultural. 27 de agosto de 2022 
  8. a b «Troféu Angelo Agostini divulga vencedores da edição 2022». PublishNews. 29 de agosto de 2022 
  9. «Prêmio Ângelo Agostini 2011 - Bando de Dois é premiado». Omelete. 1 de fevereiro de 2011 
  10. «Veja os ganhadores do Prêmio Angelo Agostini 2011». Revista O Grito. 15 de janeiro de 2012 
  11. «Divulgados os vencedores do 30º Troféu Angelo Agostini». Universo HQ. 27 de janeiro de 2014 
  12. «Os premiados do 31º Troféu Angelo Agostini». Universo HQ. 19 de janeiro de 2015 
  13. «Cartunista Brum, da Tribuna do Norte, vence Prêmio Angelo Agostini». Tribuna do Norte. 19 de janeiro de 2016 
  14. Rubens Rodrigues (18 de janeiro de 2017). «Cearense Guabiras vence o Prêmio Angelo Agostini, uma das mais tradicionais premiações de quadrinhos no Brasil». O Povo 
  15. «Os vencedores do Prêmio Angelo Agostini 2018». Universo HQ. 23 de janeiro de 2018 
  16. «Veja os vencedores do Troféu Angelo Agostini 2019». Universo HQ. 22 de julho de 2019 
  17. «Votação pra o 35º Troféu Angelo Agostini». Blog oficial da AQC-ESP. 21 de junho de 2019 
  18. «Confira os vencedores do 36º Troféu Ângelo Agostini 2020». Diário do Pará. 9 de fevereiro de 2021 
  19. «Aberta a votação do 36º Prêmio Angelo Agostini». Blog oficial da AQC-ESP. 10 de janeiro de 2021 
  20. «Troféu Angelo Agostini divulga lista dos quadrinhos premiados deste ano». Revista O Grito. 17 de março de 2022 
  21. «Votação 37º Troféu Angelo Agostini». Blog oficial da AQC-ESP. 15 de fevereiro de 2022