Abrir menu principal
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou seção está a ser traduzido (desde julho de 2014). Ajude e colabore com a tradução.
Richard (Dick) Farman, 1920.

Richard Farman (Paris, 1872 ;  Paris, 31 de janeiro de 1940) foi um engenheiro aeronáutico, aviador francês, e o mais velho dos irmãos Farman, todos pioneiros da aviação. Ele ficou mais conhecido como Dick Farman.

HistóricoEditar

Nascido em Paris de pais ingleses, ele foi o mais velho de três irmãos.[nota 1] Juntamente com seus irmãos ele foram educados em casa e tiveram liberdade de seguir suas vocações e interesses pessoais. Com seu irmão Henri, que também teve formação em engenharia, ele criou a maior agência de automóveis de Paris, a Palais de l'Automobile, trabalhando com as marcas: Delauney-Bellevilles, Panhard-Levassors e Renault. Juntos eles escreveram a obra The Aviator's Companion publicada em 1910, descrevendo suas primeiras realizações na aviação.[1]

Ele se tornou engenheiro elétrico e construiu os primeiros bondes da cidade do Rio de Janeiro. Ele foi o autor de vários trabalhos técnicos sobre motores, e também um aviador entre 1914 e 1918, tendo ocupado também o cargo de diretor de uma fábrica de aviões em Lyon.

Depois da Primeira Guerra Mundial, ele fundou a Avions H.M.D. Farman,[nota 2] também conhecida como Avions Farman, com seus dois irmãos mais novos: Henri e Maurice em Boulogne-Billancourt.

Dick ficou responsável pela fábrica, a Société Anonyme des Usines Farman e sua companhia aérea, a Lignes Aériennes Farman (depois de 1922, S.G.T.A. de Société Générale de Transport Aérien, ou simplesmente: Lignes Farman) que reivindicou ter criado o primeiro serviço aéreo internacional entre Paris e Bruchelas em 22 de março de 1919. Ele é pouco mencionado na história da aviação e dos irmãos Farman.[2]

Apesar de seus conhecimentos científicos e técnicos, ele lidou com a parte administrativa e comercial dos negócios.[3] Aos 65 anos de idade, Dick se retirou dos negócios depois da nacionalização do seu empreendimento aeronáutico em 1937, que impediu a sua condução independente, e os irmãos se recusaram a continuar como funcionários.[4] Dick Farman morreu em Paris em 31 de janeiro de 1940.[5]

Ver tambémEditar

NotasEditar

  1. Aparentemente houve uma irmã mais velha que no entanto morreu muito jovem.
  2. H.M.D. aparentemente são as iniciais dos nomes dos três irmãos: Henri, Maurice, e Dick.

Referências

  1. Peter G. Cooksley, Farman, Henry (1874–1958), Oxford Dictionary of National Biography, Oxford University Press, 2004
  2. The Pioneers: An Anthology - Henry, Maurice and Dick Farman
  3. Review of French Aviation, Icare magazine[1] Autumn 1977, by Courteous Philippe
  4. The Farman Brothers Retire; Plane Factories Nationalised, The Observer, London Nov. 28, 1937
  5. The New International Year Book 1940, A compendium of the world's progress, Dodd Mead, New York, 1941
  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.