Abrir menu principal

Rio de Moinhos (Abrantes)

freguesia de Abrantes, Portugal
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Rio de Moinhos.
Ambox important.svg
Foram assinalados vários aspectos a serem melhorados nesta página ou se(c)ção:
Portugal Portugal Rio de Moinhos 
  Freguesia  
Brasão de armas de Rio de Moinhos
Brasão de armas
Localização no concelho de Abrantes
Localização no concelho de Abrantes
Rio de Moinhos está localizado em: Portugal Continental
Rio de Moinhos
Localização de Rio de Moinhos em Portugal
Coordenadas 39° 28' 38" N 8° 14' 27" O
País Portugal Portugal
Região Centro (Região das Beiras)
Sub-região Médio Tejo
Província Ribatejo
Concelho ABT.png Abrantes
Administração
- Tipo Junta de freguesia
- Presidente Rui Manuel Vasco André (PPD/PSD)
Área
- Total 20,03 km²
População (2011)
 - Total 1 202
    • Densidade 60 hab./km²
Gentílico riomoinhense
Código postal 2200-790

Tel./Fax. 241 881 502

Orago Santa Eufémia
Website http://cm-abrantes.pt/index.php/pt/2014-11-27-18-15-49/freguesias/rio-de-moinhos

Rio de Moinhos é uma freguesia portuguesa do concelho de Abrantes, na província do Ribatejo, região do Centro (Região das Beiras) e sub-região do Médio Tejo, com 20,03 km² de área e 1 202 habitantes (2011)[1]. A sua densidade populacional é 60 hab/km².

A freguesia de Rio de Moinhos situa-se na parte ocidental do concelho, a norte do rio Tejo. Tem como vizinhos o concelho de Constância a oeste e as localidades da Aldeia do Mato, Abrantes (sede do concelho) e Tramagal a norte, leste e sul, respectivamente. É ribeirinha à margem direita do rio Tejo, ao longo do limite com o Tramagal.

Índice

HistóriaEditar

Primitivamente era chamada Ribeira dos Moinhos. Adquiriu este nome das numerosas azenhas e moinhos que existiam - e existem - em todo o curso da ribeira que - através dum fértil e rico vale, com aproximadamente 8 km - vem lançar-se no Tejo. Ignora-se a data da sua fundação. Pela localização à beira-Tejo, admite-se que os primeiros habitantes fossem pescadores.

PopulaçãoEditar

População da freguesia de Rio de Moinhos [2]
1864 1878 1890 1900 1911 1920 1930 1940 1950 1960 1970 1981 1991 2001 2011
1 308 1 717 1 673 1 773 1 885 1 906 2 015 2 172 2 223 2 213 2 128 1 942 1 665 1 388 1 202
Distribuição da População por Grupos Etários
Ano 0-14 Anos 15-24 Anos 25-64 Anos > 65 Anos 0-14 Anos 15-24 Anos 25-64 Anos > 65 Anos
2001 181 164 682 361 13,0% 11,8% 49,1% 26,0%
2011 142 109 611 340 11,8% 9,1% 50,8% 28,3%

Média do País no censo de 2001: 0/14 Anos-16,0%; 15/24 Anos-14,3%; 25/64 Anos-53,4%; 65 e mais Anos-16,4%

Média do País no censo de 2011: 0/14 Anos-14,9%; 15/24 Anos-10,9%; 25/64 Anos-55,2%; 65 e mais Anos-19,0%

EconomiaEditar

A actividade económica é distribuída pela agricultura, comércio (salchiraria, ramo alimentar, carpintaria, construção civil e automóvel), serviços e indústria (madeira e automóvel). Uma conhecida fábrica em Tramagal emprega número significativo de pessoas de Rio de Moinhos.

EducaçãoEditar

Ao todo, 85 alunos encontram-se divididos em dois níveis de ensino: o pré-escolar e o 1º ciclo do ensino básico. O pré-escolar (Amoreira, Rio de Moinhos e Pucariça) recebe 46 crianças, ao passo que o 1º ciclo EB é frequentado por 39 alunos. Para usufruir de momentos de lazer, as crianças podem brincar nos 4 parques infantis.

CulturaEditar

Em termos de associações pode-se falar na Associação de Moradores de Amoreira, na Associação de Caçadores, na Junta de Agricultores, no Centro de Apoio a Idosos da freguesia de Rio de Moinhos, no Centro Cultural e Desportivo de Amoreira, na Conferência de São Vicente de Paulo, na Sociedade Filarmónica de Educação e Beneficência Riomoinhense (com duzentos anos - a mais antiga do districto de Santarém), a Casa do Povo de Rio de Moinhos, o rancho folclórico "Os Moleiros" da Casa do Povo de Rio de Moinhos, a Comissão de melhoramentos da Pucariça e da Associação Juvenil Remoinhos d´Água.

DesportoEditar

Esta vertente conta com o contributo de duas Associações: o Centro de Cultura e Desporto de Amoreira e a Casa do Povo de Rio de Moinhos. A nível de infraestruturas desportivas, a população tem ao seu dispor dois campos de futebol de 11, um Ringue de Futebol de Salão e um Polidesportivo descoberto.

CarênciasEditar

A população está cada vez mais envelhecida. Os jovens vão para outros locais viver e trabalhar, pois em Rio de Moinhos falta investimento, infraestruturas para novas habitações, animação social e ocupação dos tempos livres (aqui também se queixam os idosos).

FestasEditar

  • Procissão das Fogaças - Setembro
  • Procissão dos Passos - Domingo de Ramos
  • Procissão do Corpo de Deus (com a presença da Filarmónica da Terra) - Junho
  • Festa de Santo António Pucariça - Verão
  • Festas Anuais Rio de Moinhos e de Amoreira - Agosto
  • Armação do Pinheiro de Amoreira Domingo de Pascoela
  • Feira de Actividades, Económicas, Sociais e Culturais - Julho
  • Encontro Nacional dos Rio de Moinhos de Portugal - Julho
  • Almoço convívio entre todos os Riomoinhenses - 1º Sábado de Setembro

O que comerEditar

As tigeladas, as broas de mel, os bolos de Ferradura e os enchidos (chouriço, morcela, farinheira e moura) enfeitam as mesas locais.

PercursosEditar

Os encantos e as belezas da terra assentam em dois pilares: arquitectónico e natureza. Relativamente ao primeiro, destaca-se a Igreja Matriz. Referência, também, para alguns moinhos de água.

Um miradouro, às margens do Rio Tejo, e as vistas panorâmicas fazem parte dos espaços naturais de toda a Freguesia.

Referências

  1. «População residente, segundo a dimensão dos lugares, população isolada, embarcada, corpo diplomático e sexo, por idade (ano a ano)». Informação no separador "Q601_Centro". Instituto Nacional de Estatística. Consultado em 2 de Março de 2014. Cópia arquivada em 4 de dezembro de 2013 
  2. Instituto Nacional de Estatística (Recenseamentos Gerais da População) - https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_publicacoes