Abrir menu principal
Jardel
Voleibol
Nome completo Rodrigo Alves dos Santos
Apelido Jardel
Modalidade Voleibol indoor
Nascimento 7 de maio de 1981 (38 anos)
Rio de Janeiro, RJ
Nacionalidade brasileiro
Compleição Peso: 101 kg Altura: 2,00 m
Clube Brasil Vôlei Canoas
Medalhas
Competidor do Bandeira do Brasil Brasil
Campeonato Mundial Sub-21
Ouro Wroclaw 2001 Equipe
Campeonato Sul-Americano Sub-21
Prata Maracaibo 2000 Equipe
Campeonato Sul-Americano Sub-19
Ouro Quito 1998 Equipe
Jogos Mundiais da Juventude
Ouro Moscou 1998 Equipe
Competidor de Floripa
Campeonato Sul-Americano
Prata San Carlos de Bolívar 2010 Equipe

Rodrigo Alves dos Santos (Rio de Janeiro, 7 de maio de 1981) é um voleibolista indoor brasileiro, atuante na posição de Central e também de Oposto, que pela Seleção Brasileira, na categoria infanto-juvenil, conquistou o ouro no Campeonato Sul-Americano de 1998 no Equador, e no mesmo ano foi medalhista de ouro nos Jogos Mundiais da Juventude, também participou do Mundial dessa categoria em 1999 na Arábia Saudita. Além disso, obteve na categoria juvenil a medalha de ouro no Campeonato Sul-Americano de 2000 sediado na Venezuela e no Campeonato Mundial de 2001 realizado na Polônia.[1] Na seleção principal, participou da fase classificatória da Liga Mundial de 2002.[2][3] Em clubes sagrou-se medalhista de prata no Campeonato Sul-Americano de Clubes na Argentina no ano de 2010.

CarreiraEditar

Jardel sempre praticou esportes, como judô, natação e futsal, sem pretensões de ser federado iniciou aos 13 anos de idade a praticar voleibol na escolinha de vôlei do colégio, local que sua mãe trabalhava localizada na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, motivados pelos alunos e sua mãe, tentou trilhar a carreira profissional e seu professor indicou o Fluminense[3], e chegando neste o técnico pediu para efetuar um ataque e com muita potência, rendeu-lhe uma cicatriz na mão e a vaga como Central na equipe, ponde ficou por quatro anos, também era convocado paras as Seleções Cariocas[4].

Desde as categorias de base estava sendo convocado para a Seleção Brasileira, nesta atuou na categoria infanto-juvenil conquistou a medalha de ouro no Campeonato Sul-Americano de 1998, este disputado em Quito-Equador, individualmente foi eleito o Melhor Bloqueador. Também representou o país nos Jogos Mundiais da Juventude de 1998, trazendo a medalha de ouro para o Brasil[1][2].

Novamente na categoria infanto-juvenil representou o Brasil no Campeonato Mundial de 1999[3] sediado em Riyad-Arábia Saudita, mas não obteve medalha, encerrando na sétima colocação[5]. Defendeu o Olympikus EC na temporada 1998-99 e por este conquistou o título do Campeonato Carioca de 1998[2][3].

Ele foi contratado pela Unisul na temporada 1999-00, período que chegou a sua primeira final de Superliga encerrando com o vice-campeonato nesta competição e foi obteve o ouro do Campeonato Catarinense de 1999[2]. Em 2000 subiu evoluiu para categoria juvenil da Seleção Brasileira e disputou o Campeonato Sul-Americano cuja sede foi na cidade venezuelana de Maracaibo, perdendo a final para os anfitriões depois de um hegemonia continental da categoria que perdurou desde 1984[3].

Jardel renovou com a Unisul na temporada 2000-01 e conquistou o bicampeonato catarinense em 2000, e novamente participa das finas da Superliga referente a esta jornada, encerrando com o bronze na edição. Em 2001 ainda disputou na categoria juvenil o Campeonato Mundial em Wroclaw-Polônia pela seleção, desta vez sagrou-se campeão da edição[1][3].

Na temporada seguinte é contratado pelo Ecus/Suzano obtendo o bronze no Campeonato Paulista de 2001, e neste mesmo ano foi ouro tanto nos Jogos Abertos do Interior quanto nos Jogos Regionais[2], além do título do Grand Prix[1] , mas pela Superliga Brasileira A terminou na quinta colocação[2].

Em 2002 foi convocado para Seleção Brasileira de Novos, e por este selecionado disputou o Torneio Internacional 7 Nações neste mesmo ano conquistando o título[2].Defendeu a Ulbra na temporada 2002-03, sagrando-se campeão do Campeonato Gaúcho de 2002 e do Grand Prix neste mesmo ano[1] e obtendo seu primeiro título na Superliga Brasileira A ocorrido nessa jornada[2].

Outro clube que atuou foi o Banespa, ocorrido na temporada 2003-04, pelo qual conquistou o vice-campeonato paulista e obteve o quinto lugar na edição correspondente da Superliga Brasileira A[2]. Nas competições do período 2004-05 defende o Telemig Celular/Minas .Por esse conquista o ouro do Campeonato Mineiro de 2004, e pelo mesmo clube representou o Esporte Clube Pinheiros no Campeonato Paulista de2004[6] e no mesmo ano obtém o bronze na Supercopa Mercosul (III Copa Bento Gonçalves) e o mesmo resultado no Grand Prix (Copa Unisul 40 Anos) e foi vice-campeão da Superliga Brasileira A 2004-05, eleito o Melhor Saque da edição[1][2] .

Permaneceu no Telemig Celular/Minas para temporada 2005-06, conquistando o bicampeonato mineiro em 2005, novamente representando o Pinheiros no Campeonato Paulista de 2005 na conquista o título do mesmo, e na Superliga Brasileira A 2005-06 termina com o vice-campeonato nacional. Com contrato renovado com esse clube mineiro por mais uma temporada, Jardel sagra-se tricampeão mineiro consecutivamente em 2006, e por sua vez representando o Pinheiros no Campeonato Paulista de 2006 conquistou o bicampeonato consecutivo da competição[7].Na Superliga Brasileira A 2006-07 foi um dos destaques da conquista do seu segundo título nesta competição, eleito o Melhor Sacador da edição e o Melhor Jogador da Final[2].

Na quarta temporada consecutivamente pelo Telemig Celular/Minas conquistou o ouro do Campeonato Mineiro de 2007, vice-campeão paulista neste mesmo ano, também representando Pinheiros[8] e novamente foi vice-campeão da Superliga Brasileira A , edição da temporada 2007-08, eleito mais uma vez o Melhor Sacador da competição[2]. Voltou a defender a Ulbra Suzano Massageol na jornada 2008-09[9], quando conquistou o título do Campeonato Gaúcho de 2008 e a sétima posição da Superliga Brasileira A 2008-09[2].

Na jornada seguinte atuou pela Ulbra/ Suzano/ Massageol, sagrando-se campeão paulista em 2008[10], sendo no mesmo ano: campeão dos Jogos Abertos de São Paulo, dos Jogos Regionais de São Paulo e obteve também o título do Campeonato Gaúcho referente a 2008, mas as finais ocorreram no ano de 2009 por problemas no calendário, contribuindo para seu clube obter o décimo primeiro título [11] e por este c lube disputou a edição da Superliga Brasileira A 2008-09[12].

Transferiu-se para o voleibol italiano na temporada 2009-10, onde disputou a Liga A2 Italiana pelo BCC-NEP Castellana Grotte , tendo a melhor campanha da fase de classificação, avançando as semifinais, mas terminou com o bronze na edição, nesta foi eleito o Melhor Central[2]. e foi também semifinalista da Copa A2 Itália (TIM Cup A2)[13].De volta ao voleibol brasileiro firmou contrato com a Cimed para atuar nas competições 2010-11, sagrando-se campeão catarinense de 2010, dos Jogos Abertos do Interior[14] e dos Jogos Regionais,ambos em 2010, além da medalha de prata no Campeonato Sul-Americano de Clubes realizado na cidade de San Juan[15] e finalizou com a medalha de prata[16][17] e pela Superliga Brasileira A 2010-11[18]. Com a segunda melhor campanha da fase classificatória, encerrou na quinta posição após eliminação nas quartas de final[19].

Em 2011 esteve na pré-lista de convocação para Seleção Brasileira Militar em preparação para os Jogos Mundiais Militares no mesmo ano[20].Assinou contrato com a UFJF e o representou na conquista do quarto lugar do Campeonato Mineiro de 2011 e já na Superliga terminou na penúltima colocação[21].Transferiu-se mais uma vez para o voleibol europeu, destinando sua trajetória de atleta no clube frances: Chaumont Volley-Ball 52 e por este disputou a Liga A Francesa 2012-13 chegando as semifinais da edição e encerrando na quarta colocação.Retornou na temporada 2013-14 ao Brasil e de novo acerta com a equipe UFJF, sendo novamente quarto colocado no Campeonato Mineiro e encerrando na nona posição da Superliga Brasileira A correspondente a esta temporada, figurando nos fundamentos individuais: oitavo Melhor Bloqueador e nono Melhor Sacador[2] , temporada esta que assumiu a função de Oposto[22].

Na jornada 2014-15 foi contratado como reforço pelo Canoas/Unilasalle [23] e foi campeão do Campeonato Gaúcho de 2014 e eleito o Melhor Atacante da edição[24] e foi inscrito por este clube na Superliga Brasileira A 2014-15[25] e encerrou na sétima posição[26] e por este clube encerrou na quinta colocação na na Copa Banco do Brasil, cuja fase final foi disputada em Campinas[27].

Títulos e resultadosEditar

Premiações IndividuaisEditar

Ligações externasEditar

Referências

  1. a b c d e f g h i j k CBV-Confederação Brasileira de Voleibol (17 de março de 2006). «Sábado é o Dia D na Superliga masculina 05/06: Serão conhecidos mais dois semifinalistas». Consultado em 16 de abril de 2014. Arquivado do original em 12 de novembro de 2013 
  2. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z aa ab ac ad ae af ag ah ai aj ak al am an ao ap aq ar as at au av aw ax ay Geraldo Maciel. «Perfil Jardel». Consultado em 16 de abril de 2014. Arquivado do original em 13 de março de 2014 
  3. a b c d e f g FIVB-Federação Internacional de Voleibol. «World League 2002-Team Player's biography- Rodrigo Alves dos Santos» (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2014 
  4. ETC Comunicação. «Força e velocidade para vencer bloqueios e adversáriosl». Consultado em 16 de abril de 2014. Arquivado do original em 21 de abril de 2014 
  5. Todor66. «Boys Volleyball VI World Championship 1999 Riyadh (KSA) 16-23.09 - Winner Russial». Consultado em 16 de abril de 2014 
  6. FPV-Federação Paulista de Volleyball. «Esporte Clube Pinheiros-2004». Consultado em 26 de dezembro de 2013 
  7. a b FPV-Federação Paulista de Volleyball (26 de novembro de 2006). «Pinheiros/Telemig é bicampeão do Paulista». Consultado em 16 de abril de 2014 
  8. a b Minas Tênis Clube. «Minas Tênis Clube -Vôlei Masculino- Títulos 2007-08». Consultado em 16 de abril de 2014. Arquivado do original em 5 de dezembro de 2013 
  9. CBV-Confederação Brasileira de Voleibol. «Superliga 2008/2009- Ficha Completa - Escalação Superliga Masculina- Ulbra Suzano Massageol». Consultado em 16 de abril de 2014. Arquivado do original em 12 de março de 2018 
  10. FPV-Federação Paulista de Volleyball (19 de outubro de 2008). «Ulbra/Suzano/Massageol é bicampeã paulista». Consultado em 25 de agosto de 2014 
  11. Diário de Canoas-Redação (2 de março de 2009). «Ulbra leva Gaúcho de vôlei de 2008 e consegue 11º estadual». Consultado em 25 de agosto de 2014 [ligação inativa]
  12. CBV-Confederação Brasileira de Voleibol. «Superliga 2008/2009- Ficha Completa - Escalação Superliga Masculina- Ulbra Suzano Massageol». Consultado em 25 de agosto de 2014. Arquivado do original em 12 de março de 2018 
  13. Lega Pallavolo Serie A. «BCC-NEP Castellana Grotte - Piazzamenti Stagioni Precedenti» (em italiano). Consultado em 16 de abril de 2014. Arquivado do original em 21 de abril de 2014 
  14. Fesporte-Fundação Catarinense de Esporte (18 de setembro de 2010). «Estadual - Brusque- boletim final jasc 2010 brusque.pdf–Pág. 52». Consultado em 5 de abril de 2015 
  15. CSV- Confederación Sudamericana de Voleibol (28 de outubro de 2010). «Campeonato Sudamericano Masculino de Clubes: CIMED vence en debut y se pone en las semifinales» (em espanhol). Consultado em 5 de abril de 2015 
  16. Espn Deportes (1 de novembro de 2010). «Bolívar al mundial de clubes» (em espanhol). Consultado em 5 de abril de 2015 
  17. SomosVóley (1 de novembro de 2010). «SUDAMERICANO DE CLUBES 2010-Sud-Clubes/Final: Bolívar 3 - Cimed 2» (em espanhol). Consultado em 5 de abril de 2015 
  18. CBV-Confederação Brasileira de Voleibol. «SUPERLIGA MASCULINA 2010/2011-FICHA COMPLETA - ESCALAÇÃO SUPERLIGA MASCULINA-CIMED». Consultado em 6 de abril de 2015. Arquivado do original em 13 de abril de 2015 
  19. CBV-Confederação Brasileira de Voleibol. «SUPERLIGA MASCULINA 2010/2011- Play-Offs». Consultado em 6 de abril de 2015. Arquivado do original em 13 de abril de 2015 
  20. Lancenet- Daniel Bortoletto (4 de abril de 2011). «No time militar do Brasil tem até campeão olímpico» (em italiano). Consultado em 16 de abril de 2014 
  21. Wikipédia. «Superliga Brasileira de Voleibol Masculino de 2011-12 - Série A-Classificação». Consultado em 16 de abril de 2014 
  22. Lancenet (3 de fevereiro de 2014). «Jardel assume função de oposto e vê evolução da UFJF na Superliga». Consultado em 16 de abril de 2014 
  23. Tie-Break (16 de setembro de 2014). «Jardel e Evandro são os novos reforços do Vôlei Canoas para a temporada». Consultado em 6 de abril de 2015 
  24. a b c Falando de Vôlei. «Vôlei Canoas é tricampeão gaúcho». Consultado em 16 de abril de 2014 [ligação inativa]
  25. CBV-Confederação Brasileira de Voleibol. «Superliga Masculina 2014/2015- Vôlei Canoas- 11- Rodrigo Alves dos Santos (Jardel)». Consultado em 31 de março de 2015 
  26. CBV-Confederação Brasileira de Voleibol. «Superliga Masculina 2014/2015- Tabelas e Resultados-Classificação». Consultado em 31 de março de 2015 
  27. CBV-Confederação Brasileira de Voleibol (22 de janeiro de 2015). «Copa Banco do Brasil- Temporada 2015-Torneio Masculino-Resultado e Classificação» (PDF). Consultado em 31 de março de 2015. Arquivado do original (PDF) em 17 de janeiro de 2014