Sílvia Regina Ferraz Petersen

historiadora brasileira
Sílvia Petersen
Nome completo Sílvia Regina Ferraz Petersen
Nascimento
Porto Alegre
Residência Brasil
Nacionalidade Brasil Brasileira
Alma mater Universidad Nacional Autónoma de Mexico, UNAM, México
Orientador(es) Ignacio Sosa Alvarez
Instituições Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Campo(s) História, História do Trabalho, Teoria da História
Tese Problemas de la enseñanza de las disciplinas teorico-instrumentales en los cursos de graduación en História en universidades brasileñas

Sílvia Regina Ferraz Petersen (Porto Alegre, 1940) é uma historiadora marxista brasileira e professora do Setor de Teoria e Metodologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Conhecida pelos trabalhos da formação da classe operária gaúcha, também trabalhou com questões de metodologia e teoria da história.

BiografiaEditar

Sílvia Petersen é filha do goleiro e intelectual Júlio Petersen. Graduando-se em História pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul em 1963, Sílvia Petersen, após lecionar na Universidade do Rio dos Sinos (UNISINOS), em 1966, tornou-se professora da UFRGS em 1969, em plena ditadura militar. Concluiu seu mestrado em Estudos Latinoamericanos de História na Universidad Nacional Autonoma de Mexico em 1977, orientada pelo eminente intelectual mexicano Leopoldo Zea, tendo defendido sua tese de doutorado na mesma instituição em 1983. Ainda realizou pós-doutorado na EHESS em 1991 sob a supervisão do historiador Jacques Le Goff.

Foi coordenadora do PPG em História da UFRGS, sendo uma das principais professoras responsáveis pela criação da pós-graduação em História na UFRGS, conjuntamente com Sandra Jatahy Pesavento. Atualmente é professora aposentada da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, atuando como colaboradora no Curso de Graduação e Pós-Graduação em História.

Tem vários artigos e livros publicados nas áreas de Teoria e Metodologia da História e História Social do Trabalho,[1] sendo uma referência em seu campo,[2][3][4][5][6][7][8][9] uma das mais destacadas especialistas na história dos trabalhadores gaúchos,[10][11] e homenageada em um festschrift a ela dedicado organizado por Benito Bisso Schmidt.[12] Em 2010 foi a homenageada especial do X Encontro Estadual de História da Associação Nacional de História - Seção Rio Grande do Sul (ANPUH/RS),[13] entidade da qual veio a ser membro do Conselho na gestão 2012-2014,[14] participando da organização do XII Encontro Estadual de História.[15] Foi uma das coordenadoras do IV Seminário Internacional Mundos do Trabalho / VIII Jornada Nacional de História do Trabalho.[16] Membro do Conselho Editorial da revista Topoi, mantida pelo Programa de Pós-graduação em História Social da Universidade Federal do Rio de Janeiro,[17] e do Conselho Consultivo da revista Textos de História, do Programa de Pós-Graduação em História da Universidade de Brasília.[18] Integrou a Comissão de Especialistas de Ensino da Secretaria de Educação Superior do Ministério da Educação.[19] Desenvolveu o tema do XXIV Simpósio Nacional de História da Associação Nacional de História – A História e seus Territórios em artigo apresentado nos anais do evento.[20] Foi palestrante no simpósio America Latina en sus historiadores e historiografias, organizado pelo International Congress of Americanists, reunindo especialistas latino-americanos que analisaram a trajetória de historiadores relevantes para a evolução dos estudos no continente.[21]

Livros publicadosEditar

  • Introdução ao estudo da História: temas e textos. Porto Alegre: Edição das Autoras, 2013. v. 1. (co-autora com Barbara Hartung Lovato)
  • A Democracia: um jornal operário (Porto Alegre, 1905-1907). São Leopoldo: Oikos, 2007 (co-autora com Nauber Gavski da Silva)
  • Que a União Operária seja Nossa Pátria! História das lutas dos operários gaúchos para construir suas organizações. Porto Alegre: Editora da Universidade/UFRGS - Editora da UFSM, 2001
  • Antologia do movimento operário gaúcho-1870-1937. Porto Alegre: Editora da Universidade/ UFRGS- TCHÊ, 1992 (co-autora com M. E. Lucas)
  • Guia para o estudo da imprensa periódica dos trabalhadores do Rio Grande do Sul (1874-1940). Porto Alegre: Editora da Universidade/ UFRGS, 1989
  • Guia preliminar de fontes para o estudo do processo de industrialização no Rio Grande do Sul (1889-1945). Porto Alegre: Editora da Universidade/UFRGS- FEE, 1986 (co-autora com A. Maduro e outros)
  • Origens do lº de maio no Brasil. Porto Alegre: Editora da Universidade/ UFRGS- MEC, 1981

Referências

  1. "PPGH promove oficina em parceria com a PROPESP". Notícias / Eventos. Universidade Federal do Amazonas
  2. Hardman, Francisco Foot. Nem pátria, nem patrão! Memória operária, cultura e literatura no Brasil. UNESP, 2003, p. 18
  3. Soares, Eduardo da Silva & Konrad, Glaucia Vieira Ramos. "Todos por Um e Um por Todos: espaços, práticas e difusões culturais operárias em Porto Alegre (1900-1910)". In: I Encontro de Pesquisas Históricas. Porto Alegre, 17-19/05/2014
  4. Rodrigues, Mara Cristina de Matos. "A formação superior em história na UPA/URGS/UFRGS de 1943-1971". In: História da Historiografia, 2013 (11):122-139
  5. Cezar, Temístocles. "Hamlet Brasileiro: ensaio sobre giro linguístico e indeterminação historiográfica (1970-1980)". In: História da Historiografia, 2015; (17):440-461
  6. Lamounier, Aden Assunção. "José Oiticica: itinerário de um militante anarquista. 1912-1919". In: Souza, Silvia Cristina Martins de et al. (orgs.). Anais do IV Seminário de Pesquisa do Programa de Pós-Graduação em História Social da Universidade Estadual de Londrina. Londrina, 27-29/10/2010
  7. Queirós, César Augusto B. "A questão social no Rio Grande do Sul: positivismo, borgismo e a incorporação do proletariado à sociedade moderna". In: Antíteses, 2008; 1 (1):65-94
  8. Silva, Roberto Bitencourt da. "O PTB (1945-1964): suas tendências políticas internas e a hegemonia do diretório sul-riograndense". In: Perseu, 2011; 5 (7):176-198
  9. Ferreira, Rafael Leite. "Uma das Histórias esquecidas: Pernambuco e as greves urbanas de 1979". In: Marques, Luiz C. L. (org.). Anais do V Colóquio de História da UNICAP: Perspectivas Históricas: Historiografia, Pesquisa e Patrimônio. Recife, 16-18/11/2011
  10. "Jornadas do NDH chegam ao fim com estudos sobre trabalho e trabalhadores". Diário Popular, 17/06/2005
  11. Santos. Maria Cristina dos. "Conversas sobre o PPGH-PUCRS – 40 anos (1973-2013)". In: Estudos Ibero-Americanos, 2013; 39 (1):180-197
  12. Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior / UFRJ. Schmidt, Benito Bisso (org.). Novas questões de teoria e metodologia da história e historiografia: homenagem a Sílvia Petersen. Oikos, 2011
  13. "Apresentação". X Encontro Estadual de História - ANPUH-RS
  14. Associação Nacional de História - Seção Rio Grande do Sul Diretoria e Conselho.
  15. "XII Encontro Estadual de História ANPUH-RS – História, Verdade e Ética". Instituto Humanitas — Unisinos
  16. "Sessões Coordenadas". IV Seminário Internacional Mundos do Trabalho | VIII Jornada Nacional de História do Trabalho. Manaus, 22-25/11/2016
  17. "Apresentação". Topoi — Revista de História
  18. "Ficha Técnica". Textos de História, 2009; 17 (1). Dossiê Paissagens brasileiras: narrativas históricas
  19. Secretaria de Educação Superior. Portaria nº 1.518 de 16 de junho de 2000.
  20. Heinz, Flavio M. & Harres, Marluza Marques. O Estado do nosso Problema: uma associação, seu congresso e alguns desafios". In: Heinz, Flavio M. & Harres, Marluza Marques (orgs.). A História e seus territórios. Conferências do XXIV Simpósio Nacional de História da ANPUH. ANPUH – Associação Nacional de História, 2008
  21. "1013 - América Latina en sus historiadores e historiografías". International Congress of Americanists

Ligações externasEditar