Sean S. Cunningham

Sean Sexton Cunningham (Nova Iorque, dezembro de 1941)[1][nota 1] é um diretor de cinema, produtor cinematográfico e roteirista norte-americano. Conhecido por trabalhar em vários filmes de terror desde o início da década de 1970, ele dirigiu o longa-metragem Friday the 13th (1980), um grande sucesso de bilheteria que originou uma extensa cinessérie e apresentou ao público o assassino fictício Jason Voorhees, o qual tornou-se um dos personagens mais populares do cinema de terror.[4][5]

Sean S. Cunningham
Cunningham em 2014
Nome completo Sean Sexton Cunningham
Nascimento dezembro de 1941 (79 anos)
Nova Iorque, NY
Nacionalidade norte-americano
Cônjuge Susan E. Cunningham
Alma mater Universidade de Stanford
Franklin & Marshall College
Ocupação Diretor de cinema, produtor cinematográfico, roteirista
Período de atividade 1970 – presente
Principais trabalhos Friday the 13th

Primeiros anos e educaçãoEditar

Cunningham nasceu em Nova Iorque e cresceu em Connecticut.[2][3] Graduou-se Bacharel em Artes (BA) pela Franklin & Marshall College e, posteriormente, obteve um mestrado em belas-artes (MFA) pela Universidade de Stanford.[1][6] Após concluir seus estudos, trabalhou como gerente em várias companhias teatrais, entre elas o Lincoln Center de Nova Iorque, o Mineola Theatre em Long Island e o Oregon Shakespeare Festival, este último onde ele estudou durante um breve período.[3]

CarreiraEditar

No final dos anos 1960, enquanto trabalhava em uma produtora de comerciais, documentários e longas-metragens variados em Nova Iorque, Cunningham dirigiu seus primeiros filmes, dois pseudodocumentários softcore.[2][7][8][9] O primeiro, The Art of Marriage, foi lançado em 1970; o segundo, Together, estrelado por Marilyn Chambers, estreou no ano seguinte em um cinema da Times Square e foi sucesso de público, permanecendo em exibição por 31 semanas.[1][7][10] Nessa época, ele conheceu o então diretor iniciante Wes Craven, com quem colaborou como produtor em The Last House on the Left (1972), um controverso filme de terror apelativo.[1][4] No final da década de 1970, dirigiu as comédias infantis Here Comes the Tigers e Manny's Orphans; ambas foram lançadas em 1978 e fracassaram comercialmente.[9][11]

Percebendo que teria prejuízo se continuasse a investir no cinema infantil, Cunningham decidiu retornar ao universo do horror. Ele se juntou ao roteirista Victor Miller e ao especialista em efeitos especiais Tom Savini para criar um filme de terror cujo título remetesse a uma data marcante e tivesse tanto apelo com o público quanto Halloween, grande sucesso de 1978 dirigido por John Carpenter. Com base em certos elementos narrativos daquele filme, Cunningham e sua equipe chegaram ao conceito de Friday the 13th, que foi lançado em 1980 e se tornou um dos maiores êxitos de bilheteria daquele ano, introduzindo o personagem Jason Voorhees no cinema de horror.[9][11] O cineasta produziu vários outros filmes do gênero ao longo da década de 1980, tais como House (1986) e sua sequência House 2: The Second Story (1982).[6]

Friday the 13th originou uma franquia de 12 filmes e, além do original, Cunningham teve envolvimento em quatro deles: Jason Goes to Hell: The Final Friday,[4] Jason X, Freddy vs. Jason e o reboot de 2009.[12] Ele anunciou em 2013 que produziria uma adaptação do filme para uma série da The CW[13] e também produziu Friday the 13th: The Game.[14] É fundador e diretor executivo da produtora Crystal Lake Entertainment,[12] membro do Directors Guild of America[15] e, em 2015, juntou-se ao projeto Hollywood Horror Museum, uma organização sem fins lucrativos com objetivo de educar sobre diversos aspectos do terror no entretenimento, nas artes e na cultura pop.[16]

A partir de 2016, Cunningham e Miller, roteirista do filme original da série Friday the 13th, envolveram-se em uma complexa disputa judicial pelo controle dos direitos da franquia. Miller entrou com um pedido de rescisão de direitos autorais sobre o roteiro, o que lhe permitiria uma compensação monetária para os futuros projetos da franquia. Um tribunal decidiu a favor do escritor, mas Cunningham reivindicou os direitos para si, argumentando que Miller foi apenas contratado por ele para escrever o longa-metragem. Em razão desse processo legal, não houve lançamento oficial de um novo filme da série Friday the 13th desde 2009.[17]

Vida pessoalEditar

Na época da produção de Friday the 13th, o cineasta estava casado com Susan Elaine Cunningham (1946-2018), que foi editora associada do filme original. Ela trabalhou como editora principal em Friday the 13th Part 2 (1981) e editou dois outros filmes dirigidos por Sean: A Stranger Is Watching (1982) e Spring Break (1983); além disso, trabalhou como figurinista em The Last House on the Left (1972).[18][19] Sean e Susan se casaram em Westport, Connecticut, divorciaram-se posteriormente, mas continuaram amigos por muitos anos até a morte dela. Eles tiverem quatro filhos (Noel, Jessica, Chelsea e Christina) e três netos.[18][20]

FilmografiaEditar

CinemaEditar

Ano Título Função Notas Ref.
1970 The Art of Marriage Diretor Pseudodocumentário [8]
1971 Together Diretor, produtor, roteirista [10]
1972 The Last House on the Left Produtor Títulos alternativos: Night of Vengeance, Grim Company,
Sex Crime of the Century
[21]
1974 Case of the Full Moon Murders Diretor, produtor Títulos alternativos: Case of the Smiling Stiffs,
Sex on the Groove Tube
[6]
1978 Here Come the Tigers
Manny's Orphans Título alternativo: Kick (relançamento de 1979)
1980 Friday the 13th
1982 A Stranger Is Watching Diretor
1983 Spring Break Diretor, produtor
1984 A Nightmare on Elm Street Diretor em cena de perseguição Não creditado
1985 The New Kids Diretor, produtor Título alternativo: Striking Back
1986 House Produtor Título alternativo: House: Ding Dong, You're Dead
1987 House 2: The Second Story Título alternativo: House II [22]
1988 The Taste of Hemlock Título alternativo: Taste of Hemlock [23]
1989 DeepStar Six Diretor, produtor Título alternativo: Deep Star Six [6]
The Horror Show Produtor Títulos alternativos: Horror House, House 3,
House III: The Horror Show
1992 House IV Títulos alternativos: House IV: Home Deadly Home,
House IV: The Repossession
1993 Jason Goes to Hell: The Final Friday Título alternativo: Friday the 13th IX
My Boyfriend's Back Título alternativo: Johnny Zombie
2001 XCU: Extreme Close Up Diretor, produtor
Jason X Produtor executivo
2003 Freddy vs. Jason Produtor
2006 Trapped Ashes Diretor Segmento: "Jibaku" [24]
2009 Friday the 13th Produtor [12]
The Last House on the Left [25]
2015 The 'Thing' Diretor, corroteirista Curta-metragem [26]
2017 The Nurse with the Purple Hair Diretor, produtor Documentário [27]

TelevisãoEditar

Ano Título Função Notas Ref.
2000 Mario Bava: Maestro of the Macabre Convidado Especial [6]
2002 Terminal Invasion Diretor, produtor executivo Telefilme

Notas

  1. Algumas fontes mencionam 1 de dezembro de 1941 como a data de nascimento de Cunningham,[2] enquanto outras citam 31 de dezembro de 1941.[1][3]

Referências

  1. a b c d e Normanton 2012, p. 438.
  2. a b c Roberts 2009, p. 109.
  3. a b c LoBrutto 2002, p. 94.
  4. a b c LoBrutto 2002, p. 95.
  5. Sousa, William (12 de dezembro de 2020). «Sexta-Feira 13 (1980): o nascimento de uma lenda do terror». Cinema com Rapadura. Consultado em 9 de janeiro de 2021. Cópia arquivada em 13 de dezembro de 2020 
  6. a b c d e «Cunningham, Sean S. 1941–». Encyclopedia.com (em inglês). Consultado em 10 de janeiro de 2021. Cópia arquivada em 10 de janeiro de 2021 
  7. a b LoBrutto 2002, p. 94-95.
  8. a b Rockoff 2016, p. 104.
  9. a b c Lopes, Cleiton (13 de novembro de 2020). «[Especial Terror Slasher]: Sexta-feira 13 – O slasher se torna pop». Cinemascope. Consultado em 10 de janeiro de 2021. Cópia arquivada em 10 de janeiro de 2021 
  10. a b «Together (1971)» (em inglês). British Film Institute. Consultado em 10 de janeiro de 2021. Cópia arquivada em 10 de janeiro de 2021 
  11. a b Albano, Arthur (16 de outubro de 2019). «A Fórmula Slasher em Sexta-Feira 13». Amarelo24. Consultado em 9 de janeiro de 2021. Cópia arquivada em 3 de julho de 2020 
  12. a b c «Crystal Lake Entertainment - Production Company». Backstage (em inglês). Consultado em 9 de janeiro de 2021. Cópia arquivada em 10 de outubro de 2020 
  13. Barton, Steve (15 de março de 2015). «New Friday the 13th: Crystal Lake Chronicles Details; The CW Interested». Dread Central (em inglês). Consultado em 9 de janeiro de 2021. Cópia arquivada em 4 de março de 2020 
  14. Damore, Meagan (13 de outubro de 2015). «'Friday the 13th: The Game' Launches Kickstarter». Comic Book Resources (em inglês). Consultado em 9 de janeiro de 2021. Cópia arquivada em 30 de setembro de 2016 
  15. «The Guild / Members» (em inglês). Directors Guild of America. Consultado em 9 de janeiro de 2021. Cópia arquivada em 9 de janeiro de 2021 
  16. Barkan, Jonathan (14 de setembro de 2015). «Top Horror Masterminds Creating "The Hollywood Horror Museum"». Bloody Disgusting (em inglês). Consultado em 9 de janeiro de 2021. Cópia arquivada em 28 de novembro de 2020 
  17. Scott, Ryan (4 de fevereiro de 2020). «Friday the 13th Legal Fight Returns to Court Soon, Is a New Jason Movie Any Closer?». MovieWeb (em inglês). Consultado em 9 de janeiro de 2021. Cópia arquivada em 18 de novembro de 2020 
  18. a b Hamman, Cody (24 de janeiro de 2019). «R.I.P.: Friday the 13th 1 & 2 editor Susan E. Cunningham». JoBlo.com (em inglês). Consultado em 11 de janeiro de 2021. Cópia arquivada em 11 de janeiro de 2021 
  19. «Susan E. Cunningham» (em inglês). British Film Institute. Consultado em 10 de janeiro de 2021. Cópia arquivada em 5 de março de 2019 
  20. «Susan Cunningham Obituary (1946 - 2018)». Westport-News / Connecticut Post (em inglês). 30 de janeiro – 8 de fevereiro de 2019. Consultado em 11 de janeiro de 2021. Cópia arquivada em 11 de janeiro de 2021 – via Legacy.com 
  21. «The Last House on the Left (1972)» (em inglês). American Film Institute. Consultado em 10 de janeiro de 2020. Cópia arquivada em 28 de agosto de 2020 
  22. WarnerMedia, Turner Classic Movies. «House II: The Second Story (1987)» (em inglês). TCM.com. Consultado em 10 de janeiro de 2021. Cópia arquivada em 11 de outubro de 2020 
  23. WarnerMedia, Turner Classic Movies. «The Taste of Hemlock (1988)» (em inglês). TCM.com. Consultado em 10 de janeiro de 2021. Cópia arquivada em 10 de janeiro de 2021 
  24. «Trapped Ashes (2006)» (em inglês). British Film Institute. Consultado em 10 de janeiro de 2021. Cópia arquivada em 26 de novembro de 2020 
  25. «The Last House on the Left (2009)». Rotten Tomatoes (em inglês). Consultado em 10 de janeiro de 2021. Cópia arquivada em 26 de setembro de 2020 
  26. Parker, Jason (15 de agosto de 2015). «Sean Cunningham's Short Film THE THING Premiers In August» (em inglês). Fridaythe13thFranchise.com. Consultado em 10 de janeiro de 2021. Cópia arquivada em 29 de setembro de 2020 
  27. Roy, David (22 de março de 2017). «Horror king turns hospice helper». The Irish News (em inglês). Crystal Lake Entertainment. Consultado em 10 de janeiro de 2021. Cópia arquivada em 26 de outubro de 2020 

BibliografiaEditar

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Sean S. Cunningham