Segmento A

categoria de classificação de automóveis

O segmento A é uma categoria de classificação dos automóveis. É a 1ª categoria dos segmentos europeus para automóveis de passeio definidos pela Comissão Europeia, sendo descrita como a dos citadinos.[2][3][4] É aproximadamente equivalente à classe dos kei cars no Japão.

Mais vendidos de 2021
Fiat 500 (2007–presente)
Fiat Panda (2011–presente)
Toyota Aygo (2014–2021)
Volkswagen Up! (2011–presente)
Kia Picanto (2017–presente)
Modelos mais vendidos em 2021 na Europa.[1]

No Brasil, os automóveis do segmento A são classificados como de porte subcompacto.

Definição editar

A partir de 2021, o tamanho da categoria do segmento A vai de aproximadamente 2,7 m a 3,7 m.

Características editar

Estilos de carroceria para carros do segmento A são sempre hatchbacks. Mas, à medida que os crossovers ganham popularidade, novos modelos podem mudar para se parecerem com os crossovers.[5][6][7] Tais exemplos são o Suzuki Ignis e o Renault Kwid. Outros estilos de carroceria, como sedãs, não estão presentes neste segmento porque essas formas se mostram impraticáveis nas dimensões típicas do segmento A.

Exemplos editar

Em 2020, os dez carros do segmento A mais vendidos na Europa foram Fiat Panda, Fiat 500, Toyota Aygo, Renault Twingo, Volkswagen Up!, Hyundai i10, Kia Picanto, Peugeot 108, Citroën C1 e Suzuki Ignis.[8] Outros modelos do segmento A incluem Chevrolet Spark, Dacia Spring, Ford Ka, Lancia Ypsilon, Mitsubishi Mirage, Opel Agila, Smart Fortwo/Forfour, Suzuki Alto, Tata Indica, Toyota iQ, entre outros.

Referências

  1. «2021 Europe Small City Car Sales Figures (With Rankings)». GCBC (em inglês). Consultado em 23 de outubro de 2023 
  2. «EU classification of vehicle types». European Alternative Fuels Observatory (em inglês). Consultado em 23 de outubro de 2023 
  3. «AUTOS ON MONDAY/Design; Little Cars in the Big Apple: Still Only a Good Idea». The New York Times. 28 de março de 2005 
  4. Ruppert, James (9 de outubro de 1998). «Motoring: The City car to be seen in». The Independent. Cópia arquivada em 6 de novembro de 2012 
  5. «Minicarros, como o Fiat 500, devem desaparecer do mercado». Estado de Minas. 29 de novembro de 2019. Consultado em 23 de outubro de 2023 
  6. «Goodbye to the A-segment: a turning point, necessity, or move towards luxury?». Geneva International Motor Show (em inglês). 20 de julho de 2022. Consultado em 23 de outubro de 2023 
  7. «Death of the city car? | The Car Expert» (em inglês). 30 de abril de 2022. Consultado em 23 de outubro de 2023 
  8. «European sales 2020 Minicars». www.carsalesbase.com. Fevereiro de 2021. Consultado em 24 de fevereiro de 2021 
  Este artigo sobre automóveis é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.