Sippie Wallace

cantora e compositora de jazz e blues norte-americana

Sippie Wallace (Condado de Jefferson, 1 de novembro de 1898Detroit, 1 de novembro de 1986) foi uma cantora e compositora norte-americana. No começo da carreira era conhecida como "The Texas Nightingale".

Sippie Wallace
Informação geral
Nome completo Beulah Belle Thomas
Nascimento 1 de novembro de 1898
Local de nascimento Plum Bayou, Condado de Jefferson, Arkansas,
Estados Unidos
Morte 1 de novembro de 1986 (88 anos)
Local de morte Detroit, Michigan, Estados Unidos
Nacionalidade norte-americana
Gênero(s) Blues, jazz
Ocupação(ões) compositora e cantora

Entre 1923 e 1927, gravou cerca de 40 músicas com a Okeh Records, muitas delas escritas com seus irmãos George e Hersal Thomas. Alguns artistas que cantaram com Sippie foram Louis Armstrong, Johnny Dodds, Sidney Bechet, King Oliver e Clarence Williams. [1]

Nos anos 1930, ela largou a vida artística e se tornou organista de igreja, cantora e diretora de coral em Detroit, cantando esporadicamente nos anos 1960, quando retornou à sua antiga carreira. Sippie foi indicada ao Grammy Award, em 1982, foi indicada ao Hall da Fama Entre as Mulheres do Michigan, em 1993.[2]

BiografiaEditar

Sippie nasceu nas terras baixas do delta do Condado de Jefferson, no Arkansas, uma entre os 13 filhos. Sua família era musical. Seu irmão, George W. Thomas, tornou-se um grande pianista, regente e compositor. Seu outro irmão, Hersal Thomas, foi pianista e compositor. Sua sobrinha, Hociel Thomas, filha de George, era pianista e compositora.[1]

Quando ainnda era criança, sua família se mudou para Houston, Texas. Na juventude, tocou piano e cantou na igreja batista, onde seu pai era um dos decanos, mas no final da tarde, ela escapulia de casa junto dos seus irmãos para ir a shows, onde ela começou a tocar e cantar na adolescência, tornando-se uma conhecida cantora de blues.[1]

Em 1915, Sippie mudou-se para Nova Orlenas com seu irmão Hersal. Dois anos depois, ela casou-se com Matt Wallace, de quem adotou o sobrenome.

MorteEditar

Em março de 1986, depois de assistir a um concerto em Burghausen, na Alemanha, em um festival de jazz, Sippie sofreu um AVC e foi hospitalizada. Ela retornou aos Estados Unidos, mas faleceu no dia de seu aniversário, em 1 de novembro, aos 88 anos, no Hospital Sinai, de Detroit.[3] Ela foi sepultada no Cemitério da Trindade, em Detroit.[4]

Referências

  1. a b c Eagle, Bob; LeBlanc, Eric S. (2013). Blues: A Regional Experience. Santa Barbara: Praeger. 505 páginas. ISBN 978-0313344237 
  2. «The Michigan Women's Hall of Fame - Virtual Gallery of Honorees». 4 de junho de 2003. Consultado em 12 de novembro de 2017. Cópia arquivada em 4 de junho de 2003 
  3. «Wallace, Sippie». Encyclopedia.com. Consultado em 23 de junho de 2020 
  4. Eagle, Bob L.; LeBlanc, Eric S. (2013). Blues: A Regional Experience. [S.l.]: ABC-CLIO. ISBN 9780313344244 

Ligações externasEditar