Soul da Filadélfia

Soul da Filadélfia também referido como Philadelfia soul, Philly soul, Philly sound, Philadelphia sound, Phillysound, ou TSOP (The Sound of Philadelphia) é um gênero da música soul do final dos anos 1960-1970, caracterizado por influências funk, arranjos, instrumentais exuberantes, muitas vezes apresentando cordas arrebatadoras e sopro penetrantes.

Soul da Filadélfia
Origens estilísticas
Contexto cultural Início da década de 1970, Filadélfia nos Estados Unidos
Instrumentos típicos Cordas - Metais - Vocais
Popularidade Ao longo da década de 1970
Formas derivadas Música disco, smooth jazz
Formas regionais
Filadélfia

O gênero lançou as bases para a discoteca ao fundir as seções rítmicas de R&B da década de 1960 com a tradição vocal pop e apresentando uma influência ligeiramente mais pronunciada do jazz em suas estruturas melódicas e arranjos. Fred Wesley, o trombonista da banda de James Brown e do Parliament-Funkadelic, descreveu o som característico, profundo, mas orquestrado, como "colocar a gravata borboleta no funk".[1]

Seus arranjos de metais podem ser reconhecidos em gravações de bandas como MFSB, Harold Melvin & The Blue Notes, The O' Jays,The Stylistics ou The Spinners, e de músicos como Billy Paul (e suas gravações mais conhecidas: "Your Song" (de Elton John, de 1972, e "Only The Strong Survive", de 1977). A "mão" dos compositores Kenneth Gamble e Leon Huff está bem presente no "Philly Sound". Também, o produtor, arranjador e compositor Thom Bell teve participação crucial neste movimento. Ele e a letrista Linda Wake Creed compuseram várias canções que tornaram muito popular o "Philly Sound" nos EUA e ao redor do mundo.[2]

Principais artistasEditar

Referências

  Este artigo sobre R&B é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.