Abrir menu principal
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde abril de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Spike e Tyke
Personagem fictícia de "Tom e Jerry"
Nome original Spike and Tyke
Origem  Estados Unidos
Sexo Masculino
Espécie Cão
Características Spike: Ameaçar ou perseguir Tom
Amigo(s) Jerry
Inimigo(s) Tom
Criado por William Hanna
Joseph Barbera
Voz Spike:
Billy Bletcher (1944–1948)
Daws Butler (1949–1957)
John Stephenson (1975)
Frank Welker (1980–1982; 2005)
Dick Gautier (1990–1993)
Alan Marriott (2000)
Maurice LaMarche (2002)
Marc Silk (2002)
John DiMaggio (2005)
Kevin Michael Richardson (2006)
Michael Donovan (2006–2008)
Phil LaMarr (2010–2013)
Rick Zieff (2014–)
Spike Brandt (2015–)
Tyke:
William Hanna (1949–1957)
Frank Welker (1980–)
Patric Zimmerman (1990–1993)
Alan Marriott (2000-2002)
Primeira aparição Dog Trouble (1942)
Última aparição Love That Pup (1949)

Spike e Tyke são personagens fictícios da animação Tom & Jerry. Spike é o bulldog que aparece em alguns episódios e Tyke é seu filhote. Sempre que Spike aparece, Tom arruma confusão com ele, ou perturbando Tyke, ou mesmo perturbando Jerry, que se alia a ele em algumas ocasiões. Curiosamente, Tyke não tem mãe.

Voz de SpikeEditar

Nos Estados Unidos, ele foi dublado por Billy Bletcher até ao episódio "Heavenly Puss" de 1949. Em 1950, começou a ser dublado por Daws Butler, estrelando-se com a voz no episódio "The Framed Cat", e assim continou até ao episódio "Scat Cats" de 1957, de Spike e Tyke.

Ver tambémEditar

  Este artigo sobre um(a) personagem de Banda desenhada é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.