Abrir menu principal

O Super Bowl LIII foi a 53ª edição da final da National Football League (NFL), que determinou o campeão da liga para a temporada de 2018. A partida foi travada entre o New England Patriots, o campeão da Conferência Americana (AFC), e Los Angeles Rams, o campeão da Conferência Nacional (NFC), e aconteceu a 3 de fevereiro de 2019 no Mercedes-Benz Stadium, em Atlanta, Geórgia. Os Patriots acabaram vencendo a partida e conquistando seu sexto título da NFL.[1] Este foi o terceiro Super Bowl na cidade, tendo anteriormente hospedado as edições XXVIII, em 1994, e XXXIV, em 2000. O jogo foi televisionado pela CBS nos Estados Unidos. Este foi o segundo confronto entre os Rams e os Patriots numa final da liga, quando, em 2002, no Super Bowl XXXVI, os Pats, liderados também pelo técnico Bill Belichick e pelo quarterback Tom Brady, derrotaram os Rams, que jogovam em St. Louis na época, por 20 a 17.

Super Bowl LIII
Mercedes-Benz Stadium, Jan 2018.jpg
1 2 3 4 Total
NE 0 3 0 10 13
LAR 0 0 3 0 3
Data 3 de fevereiro de 2019
Estádio Mercedes-Benz Stadium
MVP da Partida Julian Edelman
Árbitro John Parry
Público 70 081
Cerimônia
Hino Nacional Gladys Knight
Cara ou Coroa Bernice King
Halftime Show Maroon 5, Travis Scott, Big Boi
Transmissão (EUA)
Transmissora CBS
Custo comercial 30s US$ 5,25 milhões de dólares

Esta foi a terceira aparição seguida dos Patriots no Super Bowl, a quarta decisão em cinco anos e um recorde de onze aparições no total, sendo o nono jogo com a parceria Belichick-Brady; New England também foi o primeiro time a jogar em três Super Bowls consecutivos desde que Buffalo Bills jogou em quatro seguidos do Super Bowl XXV ao XXVIII. Os Patriots foram apenas a terceira equipe no geral a jogar em três Super Bowls consecutivos, depois do já mencionado Bills e do Miami Dolphins (de 1971 a 1973). Os Rams fizeram sua quarta aparição no Super Bowl na história da franquia, sendo esta a sua primeira aparição no Super Bowl desde que se mudaram para Los Angeles em 2016, e seu primeiro como uma franquia desde o Super Bowl XXXVI.

Os Patriots venceram o jogo, por 13 a 3, conquistando seu sexto Super Bowl, empatando assim com o Pittsburgh Steelers com o maior número de anéis de campeão do Super Bowl na história da liga.[1] Dominado pelas defesas, foi a primeira partida na história do Super Bowl onde nenhum touchdown (TD) foi marcado nos três primeiros quartos. Também foi o Super Bowl com o menor número de pontuação já registrado (anteriormente havia sido 14 a 7 no Super Bowl VII). Os Patriots se tornaram apenas segundo time na era Super Bowl a vencer a final marcando apenas um touchdown, sendo a outra equipe o New York Jets no Super Bowl III. Também foi o primeiro Super Bowl desde a edição III onde nenhum time marcou um TD de passe. O wide receiver dos Patriots, Julian Edelman, foi nomeado o MVP do Super Bowl, com 10 recepções feitas para 141 jardas.[2]

Processo de seleção do localEditar

Em 19 de Maio de 2015, a liga anunciou os quatro finalistas que iriam concorrer para sediar o Super Bowl LIII, em 2019. Os donos dos times da NFL votaram nas cidades, em 24 de Maio de 2016. A primeira rodada de votação determinaria o local da final. Os quatro finalistas, no Sudeste dos Estados Unidos, foram:[3][4]

Depois de três votos, Atlanta foi premiada com o Super Bowl na reunião de proprietários dos times em 24 de Maio de 2016. A cidade de Los Angeles ganhou os direitos para sediar o Super Bowl LV.[5][6]

EntretenimentoEditar

Hino Nacional dos Estados UnidosEditar

Gladys Knight foi a responsável por cantar o "The Star-Spangled Banner", antes do início da partida.[7]

Show do intervaloEditar

Em 13 de janeiro de 2019, a NFL anunciou oficialmente que a banda de pop Maroon 5 seria a atração principal do show do intervalo do Super Bowl LIII. Eles foram acompanhados por Big Boi, da dupla Outkast e Travis Scott, ambos como convidados.[8][9]

Resumo das pontuaçõesEditar

Jogada Pontuação
2.º Quarto
NE – Field goal de 42 jardas por Stephen Gostkowski, 3:29 3–0
3.º Quarto
LAR – Field goal de 53 jardas por Greg Zuerlein, 4:22 3–3
4.º Quarto
NE – Touchdown terrestre de 2 jardas por Sony Michel (ponto extra bem sucedido, por Stephen Gostkowski), 2:49 10–3
NE – Field goal de 41 jardas por Stephen Gostkowski, 3:05 13–3
Final: New England Patriots 13 x 3 Los Angeles Rams

Referências