Abrir menu principal

Supermodel of the World

concurso de beleza
Supermodel of the World
Tipo Concurso de Modelo
Fundação 1980
Sede Nova Iorque
Idealizador (a) Eileen Ford

Supermodel of the World (ou Ford Supermodel Of The World) é o maior concurso de modelos do mundo.

Idealizado por Eileen Ford em 1980, o concurso busca modelos com potencial de sucesso em mais de cinquenta países. A vencedora da final mundial recebe o maior prêmio da indústria da moda, no valor de 250 mil dólares em contrato. As vencedoras do segundo e terceiro lugares também recebem valores em dinheiro. Segundo o regulamento da agência, para participar do concurso, as meninas têm que ter idade mínima de 14 anos e altura de no mínimo 1,72 metro. Já os meninos tem que ter 16 anos e pelo menos 1,82 de altura.[1]

Brasil e PortugalEditar

 
Camila Finn, a primeira brasileira a vencer o concurso internacional.

No Brasil, o concurso teve início em 1989, organizado pela Class Modelos. Problemas jurídicos posteriores entre esta e a Ford Models americana impossibilitaram a realização do Supermodel por três anos. Nesse primeiro concurso de 1989, cuja vencedora foi a modelo Adriana de Oliveira, também participaram das finais no Brasil Helena Ranaldi, Giselle Tigre e Adriana Garambone, que posteriormente tornaram-se atrizes famosas. De 1993 até ao presente é promovido pela Ford Models Brasil.

Das brasileiras e portuguesas que participaram do concurso, Diana Pereira, Camila Finn e Tayane Leão conseguiram vencer a final mundial. O primeiro lugar no concurso, contudo, nem sempre é garantia de sucesso. Várias ganhadoras do título brasileiro e mundial permaneceram ilustres desconhecidas, enquanto algumas modelos que venceram em outras posições conseguiram destaque no mundo fashion nacional e internacional e na mídia: é o caso de Mariana Weickert, segundo lugar em 1997, Giselle Tigre, que ficou entre as quatro finalistas no segundo concurso, em 1990, e Suyane Moreira, quarto lugar em 2000, as três no Supermodel of the World – etapa brasileira.[2]

VencedorasEditar

Ano Vencedora País
1981 Annette Stai   Noruega
1982 Renée Simonsen   Dinamarca
1983 Carrie Miller   Estados Unidos
1984 Catherine Ahnell   Suécia
1986 Monika Schnarre   Canadá
1987 Celia Forner   Espanha
1988 Anuschka Muzik   República Tcheca
1989 Synne Myreboe   Noruega
1990 Anneliese Seubert   Austrália
1991 Daniela Benavente   Chile
1992 Patricia Helfer   Canadá
1993 Georgia Göttmann   Alemanha
1994 Veronica Blume   Espanha
1995 Anna Marie Cseh   Hungria
1996 Leanne Spencer   Canadá
1997 Diana Pereira   Portugal
1998 Katie Burell   Inglaterra
1999 Alyssa Kealy   Austrália
2000 Margarita Babina   Rússia
2001 Asta Buziliauskaitė   Lituânia
2002 Dari Maximova   Alemanha
2004 Nataliya Gotsiy   Ucrânia
2005 Camila Finn   Brasil
2006 Katsiya Damankova   Bielorrússia
2007 Sanne Nijhof   Holanda
2008 Kang Seung   Coreia do Sul
2009 Tayane Leão   Brasil
2010 Katrina Caune   Letónia
2011 Danica Magpantay   Filipinas
2012 Sofia Polenta   Argentina

Performance por paísEditar

País Títulos Vitórias
  Canadá 3 1986, 1992, 1996
  Brasil 2 2005, 2009
  Alemanha 2 1993, 2002
  Austrália 2 1990, 1999
  Espanha 2 1987, 1994
  Noruega 2 1981, 1989
  Argentina 1 2012
  Filipinas 1 2011
  Letónia 1 2010
  Coreia do Sul 1 2008
  Holanda 1 2007
  Bielorrússia 1 2006
  Ucrânia 1 2004
  Lituânia 1 2001
  Rússia 1 2000
  Inglaterra 1 1998
  Portugal 1 1997
  Hungria 1 1995
  Chile 1 1991
  Suécia 1 1984
  Estados Unidos 1 1983
  Dinamarca 1 1982
  República Tcheca 1 1988

Ver tambémEditar

Referências

Ligações externasEditar