Tchindas

Tchindas
Cabo Verde Cabo Verde
Flag of Spain.svg Espanha
2015 •  cor •  94 min 
Realização Pablo García Pérez de Lara
Marc Serena
Produção Marc Serena
Produção executiva Yolanda Olmos
Argumento Pablo García Pérez de Lara
Marc Serena
Género documentário
Música Cesária Évora
Cinematografia Pablo García Pérez de Lara
Direção de arte Bendita Gloria
Edição Pablo García Pérez de Lara
Companhia(s) produtora(s) Doble Banda
Distribuição Cat&Docs
Lançamento Cabo Verde 26 de novembro de 2015
Idioma crioulo cabo-verdiano
Site oficial

Tchindas é um documentário cabo-verdiano-espanhol, realizado e escrito por Pablo García Pérez de Lara e Marc Serena, com base no livro Això no és africà!: del Caire a Ciutat del Cap a través dels amors prohibits (em castelhano: ¡Esto no es africano! De El Cairo a Ciudad del Cabo a través de los amores prohibidos) de Marc Serena.[1][2][3][4][5][6] Foi exibido no festival de cinema Outfest de Los Angeles em 2015, onde recebeu o Grande Prémio do Júri.[7][8] Estreou-se em Cabo Verde a 26 de novembro de 2015.[9]

EnredoEditar

No oceano Atlântico, a população da ilha de São Vicente trabalha em conjunto para preparar um carnaval. No mês que antecede as festividades, são mostrados os obstáculos necessários para o acontecimento do carnaval, através de uma pessoa que criou a palavra: Tchinda.[10][11]

O documentário foi gravado no país mais simpatizante LGBT de África, Cabo Verde, de acordo com o Afrobarómetro de 2016.[12]

ElencoEditar

  • Tchinda Andrade
  • Elvis Tolentino
  • Edinha Pitanga

ReceçãoEditar

A revista The Hollywood Reporter elogiou o documentário, a escrever: "um documentário fantástico que mostra uma crónica real das preparações do carnaval em São Vicente".[1] Desde a sua estreia internacional em julho, Tchindas recebeu dez prémios em oito festivais, onde o documentário foi exibido em competição: ZagrebDox: Festival Internacional de Documentário de Zagrebe, Outfest, Reeling: Festival Internacional de Cinema LGBTQ de Chicago, MiradasDoc: Festival Internacional de Cinema Documental de Guía de Isora, LesGaiCineMad: Festival Internacional de Cinema Lésbico e Gay de Madrid, Festival de Cinema de Belfaste e o Can[be]Gay: Festival Internacional de Cinema LGBTIQ das Canárias. Também foi exibido na Semana Internacional de Cinema de Valhadolide e na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo.[13][8] A Associação dos Artistas Africanos elogiou o filme por sua história, contexto e impacto, tendo escrito: "um sentido nítido de pertença da comunidade e das personalidades [que] se nota no documentário apresentado cuidadosamente por Pablo García Pérez de Lara e Marc Serena, que mostra uma perfeita fusão da tradição e aceitação de coração aberto."[14] O jornal Chicago Reader elogiou o projeto e escreveu sobre o filme e seu tema.[15]

Durante a exibição do documentário no Reeling: Festival Internacional de Cinema LGBTQ de Chicago, o jornal Windy City Times escreveu que Tchindas era o "Principal Documentário" e referiu: "um brilhante e fabuloso exame com pequenas influências culturais de Paris Is Burning".[16]

ReconhecimentosEditar

Ano Prémios Categorias Destinatários e nomeados Resultado Referências
2014 ZagrebDox: Festival Internacional de Documentário de Zagrebe Prémio HBO Adria de melhor auge Tchindas Venceu [17]
2015 Outfest Grande Prémio do Júri Tchindas Venceu [18][19][8][7]
Reeling: Festival Internacional de Cinema LGBTQ de Chicago Melhor documentário de longa-metragem Tchindas Venceu [20]
MiradasDoc: Festival Internacional de Cinema Documental de Guía de Isora Melhor documentário espanhol Tchindas Venceu [21]
LesGaiCineMad: Festival Internacional de Cinema Lésbico e Gay de Madrid Prémio do Público de melhor documentário Tchindas Venceu [22]
Prémio do Público de melhor obra espanhola Tchindas Venceu
Melhor realização Pablo García Pérez de Lara e Marc Serena Venceu
Festival de Cinema Cabo-Verdiano-Estado-Unidense Melhor documentário Tchindas Venceu [23]
Plateau: Festival Internacional de Cinema da Praia Melhor documentário Tchindas Indicado [24]
2016 Prémios da Academia do Cinema Africano Melhor documentário Tchindas Indicado [25]
Festival de Cinema Gay e Lésbico de Lisboa Melhor documentário Tchindas Indicado [26][27]
Prémios Goya Melhor filme Tchindas Candidatura [28][29]
Melhor realização Pablo García Pérez de Lara e Marc Serena Candidatura
Melhor argumento original Pablo García Pérez de Lara e Marc Serena Candidatura
Melhor direção de fotografia Pablo García Pérez de Lara Candidatura
Melhor montagem Pablo García Pérez de Lara Candidatura
Melhor som Marc Serena e Verònica Font Candidatura
Melhor filme documental Doble Banda (Marc Serena, Yolanda Olmos) Candidatura
Prémios Gaudí Melhor documentário Tchindas Candidatura [30]
Festival de Cinema de Belfaste Prémio Irmãos Maysles de melhor documentário Tchindas Venceu [31]
Can[be]Gay: Festival Internacional de Cinema LGBTIQ das Canárias Melhor documentário Tchindas Venceu [32]
Prémios Apolo “Vive en frente” Melhor som Marc Serena e Verónica Font Venceu [33][34]
Melhor direção de fotografia Pablo García Pérez de Lara Indicado
Festival de Cinema de Bogotá Documentário social Tchindas Indicado [35]

Referências

  1. a b Linden, Sheri (15 de julho de 2015). «'Tchindas': Outfest Review». The Hollywood Reporter (em inglês) 
  2. Wolfson, Madeline (15 de setembro de 2015). «Five films we can't wait to see at Chicago's Reeling Film Festival». Time Out (em inglês) 
  3. Fox, Hayley (15 de julho de 2015). «Outfest 2015: Tchindas, a fascinating trans doc from Cape Verde gets world premiere» (em inglês). Frontiers Media. Consultado em 4 de janeiro de 2017. Arquivado do original em 29 de maio de 2016 
  4. Vire, Kris (5 de agosto de 2015). «Reeling snags Stonewall, Freeheld for 33rd LGBT film fest». Time Out (em inglês) 
  5. Flotats, Anna (20 de novembro de 2015). «Así es ser 'trans' en Cabo Verde». Público (em espanhol) 
  6. Paz, Susana (24 de outubro de 2015). «"Tchindas" s´estrena en cinc ciutats alhora». Regió7 (em catalão) 
  7. a b «Outfest Announces 2015 Winners». Variety (em inglês). 19 de julho de 2015 
  8. a b c Mañe, Pepa (25 de janeiro de 2016). «"Tchindas", de Marc Serena, a la televisió pública dels EUA». Regió7 (em catalão) 
  9. «"Tchindas" estreia em Cabo Verde a 26 de Novembro». A Semana. 24 de novembro de 2015 
  10. Stewart, Colin (10 de julho de 2015). «Q&A about 'Tchindas,' a 'new frontier of trans films'» (em inglês). 76 Crimes 
  11. Stewart, Colin (27 de julho de 2015). «On African island, 'Tchindas' goes beyond LGBTI acceptance» (em inglês). 76 Crimes 
  12. Lacroix, Jérémie (2 de março de 2016). «Afrique : quels sont les pays les plus tolérants envers les homosexuels ?». Têtu (em francês) 
  13. «Tchindas». Mostra Internacional de Cinema de São Paulo. Consultado em 4 de janeiro de 2017 
  14. «'Tchindas': Outfest Review» (em inglês). Associação dos Artistas Africanos. Consultado em 4 de janeiro de 2017 
  15. Sachs, Ben. «Tchindas». Chicago Reader (em inglês). Consultado em 4 de janeiro de 2017 
  16. «Reeling LGBTQ+ film fest offers movies showcasing queer diversity». Windy City Times (em inglês). 1 de setembro de 2015 
  17. «Nagrađeni filmovi desetog ZagrebDoxa» (em croata). ZagrebDox: Festival Internacional de Documentário de Zagrebe. 1 de março de 2014 
  18. «"Tchindas" destacado com prémio de melhor longa metragem pelo júri da Outfest». A Nação. 21 de julho de 2015 
  19. Thompson, Anne (19 de julho de 2015). «Outfest Film Festival 2015 Award Winners» (em inglês). IndieWire 
  20. «Reeling2015 announces festival award winners» (em inglês). Reeling: Festival Internacional de Cinema LGBTQ de Chicago. 5 de outubro de 2015 
  21. «"Tchindas", premi al millor documental espanyol a MiradasDoc». TV3 (em catalão). Corporação Catalã dos Meios Audiovisuais. 11 de novembro de 2015 
  22. «Palmarés de 2015» (em espanhol). Festival Internacional de Cinema Lésbico e Gay de Madrid. Consultado em 4 de janeiro de 2017 
  23. «"Tchindas" premiado como melhor documentário no Cape Verdean American Film». A Semana. 10 de dezembro de 2015 
  24. «"Tchindas", galardoado como melhor documentário no "Cape Verdean American Film"». A Nação. 9 de dezembro de 2015 
  25. «"Tchindas" nomeado para "Óscares do cinema africano"». SAPO Muzika. SAPO. 17 de maio de 2016 
  26. «Competição Oficial Queer Lisboa 20». Festival de Cinema Gay e Lésbico de Lisboa. 22 de agosto de 2016 
  27. Magalhães, Chissana (8 de setembro de 2016). «Tchindas compete em festival LGBTI de Lisboa». Expresso das Ilhas 
  28. «Tchindas» (em espanhol). Prémios Goya. Consultado em 4 de janeiro de 2017 
  29. «Candidaturas de los Premios Goya 2016» (em espanhol). Prémios Goya. Consultado em 4 de janeiro de 2017 
  30. «Candidates - VIII Premis Gaudí». Prémios Gaudí (em catalão). Academia do Cinema Catalão. Consultado em 4 de janeiro de 2017 
  31. «"Tchindas", millor documental al Belfast Film Festival». 324 (em catalão). Corporação Catalã dos Meios Audiovisuais. 2 de maio de 2016 
  32. «Can[be]gay 2016» (em espanhol). LesGaiCineMad: Festival Internacional de Cinema Lésbico e Gay de Madrid. Consultado em 4 de janeiro de 2017 
  33. Roures, Juan (1 de janeiro de 2016). «Nominaciones a los I Premios Apolo de cine LGTB a las mejores películas del 2015» (em espanhol). Dosmanzanas 
  34. Roures, Juan (8 de janeiro de 2016). «Ganadores de los I Premios Apolo de cine LGTB a las mejores películas del 2015» (em espanhol). Dosmanzanas 
  35. «Tchindas» (em espanhol). Festival de Cinema de Bogotá. Consultado em 4 de janeiro de 2017 

Ligações externasEditar