The New Adventures of He-Man

The New Adventures of He-Man
The New Adventures of He-Man
As Novas Aventuras de He-Man (BR)
Informação geral
Formato série de desenho animado
Gênero Ação/aventura, fantasia científica
Duração 30 min.
Criador(es) Mattel
Donald F. Glut
Steven J. Fisher
Baseado em Masters of the Universe
País de origem  Estados Unidos
 Canadá
Idioma original inglês
Produção
Produtor(es) Jean Chalopin
Distribuição LBS Communications
NBCUniversal Television Distribution
Tema de abertura Instrumental
Empresa(s) produtora(s) Jetlag Productions
Mattel
Exibição
Transmissão original 10 de setembro de 1990 - 7 de dezembro de 1990
Temporadas 1
Episódios 65
Cronologia
He-Man and the Masters of the Universe
She-Ra: Princess of Power
He-Man and the Masters of the Universe (série de 2012)
Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: He-Man

The New Adventures of He-Man (no Brasil: As Novas Aventuras de He-Man) é uma série animada de 1990, produzida para coincidir com o lançamento da linha de brinquedos He-Man, da Mattel, que pretendia revitalizar a franquia Masters of the Universe. Foram produzidos 65 episódios que tinham a intenção de dar continuidade ao desenho He-Man e os Mestres do Universo, da Filmation.[1] No Brasil, foi exibido na TV Colosso da Rede Globo entre 1994 e 1995. Também foi reprisado pelo canal Tooncast.

HistóriaEditar

He-Man, o lendário defensor de Etérnia, é enviado ao futurístico planeta Primus para defendê-lo dos Mutantes malignos do planeta vizinho Denebria. O herói é seguido por seu antigo inimigo, o Esqueleto, que se alia aos Mutantes para conquistar todo o universo. Juntamente com uma equipe de guardiões galácticos, He-Man luta para defender Primus dos ataques contínuos do Esqueleto e dos Mutantes.

A maioria dos episódios foi escrita por Jack Olesker. Como a série é ambientada no planeta Primus, novos personagens são apresentados ao público.

ReceptividadeEditar

Apesar de ser uma continuação de He-Man e os Mestres do Universo, o desenho recebeu muitas críticas por sua mudança drástica de tom, que criava uma sensação de descontinuidade em relação à animação original. O design dos personagens foi descrito como decepcionante, ainda que a qualidade da animação tenha sido considerada superior.

MinicomicsEditar

Na revista em quadrinhos encartada com a linha de brinquedos, a história é ligeiramente diferente: ao viajar para o planeta Primus, o Príncipe Adam se transforma em He-Man diante de seu rival Esqueleto, revelando sua identidade secreta e abandonando sua identidade como Adam para se manter como He-Man permanentemente. A "explosão" gerada pela transformação fere gravemente o Esqueleto, que tem de se tornar um ciborgue para sobreviver. Outra diferença é que o Esqueleto não forja uma falsa aliança com Carrasco, o líder dos Mutantes: em vez disso, o Esqueleto derrota Carrasco em combate e toma o comando dos Mutantes para si.

Um dos elementos mantidos do desenho original foi a transformação de Adam em He-Man: os realizadores sentiram que seria imprudente abandoná-la, dado que a sequência de transformação havia sido um dos elementos mais populares da série original. No entanto, em vez de "Pelos poderes de Grayskull", nesta versão Adam grita "Pelos poderes de Etérnia".

Referências

Ligações externasEditar