Abrir menu principal
There's Something About Mary
Doidos por Mary[1] (PRT)
Quem Vai Ficar com Mary?[2] (BRA)
Pôster promocional do filme
 Estados Unidos
1998 •  cor •  119[3] min 
Direção Peter Farrelly
Bobby Farrelly
Produção Michael Steinberg
Bradley Thomas
Charles B. Wessler
Frank Beddor
Roteiro Ed Decter (história)
John J. Strauss (história)
Peter Farrelly
Bobby Farrelly
Narração Jonathan Richman
Elenco Cameron Diaz
Matt Dillon
Ben Stiller
Lee Evans
Chris Elliott
Gênero comédia romântica
Música Jonathan Richman
Cinematografia Mark Irwin
Edição Christopher Greenbury
Distribuição 20th Century Fox
Lançamento Estados Unidos 15 de julho de 1998
Brasil 18 de setembro de 1998[2]
Idioma inglês
Orçamento US$ 23 milhões[4]
Receita US$ 369.884.651 milhões[4]
Site oficial

There's Something About Mary (br Quem Vai Ficar com Mary?; pt Doidos por Mary) é um filme de comédia romântica estadunidense de 1998, dirigido por Bobby e Peter Farrelly. É estrelado por Cameron Diaz como a personagem principal com Matt Dillon, Ben Stiller, Lee Evans e Chris Elliott, todos interpretando homens que estão apaixonados por Mary e disputando sua afeição.[5]

Além de Ben Stiller, os atores Owen Wilson e Jon Stewart foram considerados candidatos potenciais para o papel de Ted Stroehmann.[6] Bill Murray foi considerado para o papel de Pat Healy, mas os irmãos Farrelly acharam que ele era velho demais para isso.[7][8] Brett Favre interpreta a si mesmo em um cameo que foi originalmente escrito e oferecido ao quarterback da NFL Steve Young, mas ele deixou o papel devido à natureza grosseira do filme e foi substituído por Favre.[9] Cameron Diaz e Matt Dillon iniciaram um namoro durante as filmagens.[10][11] Durante as filmagens Peter Farrelly assumiu ter mostrado suas genitais para Cameron Diaz durante a produção e ter repetido a prática com funcionários de outros de seus filmes.[12]

There's Something About Mary foi filmado em Miami, Flórida.[13] O Big Pink Restaurant é onde Healy se encontra com Sully, a cena de gel de cabelo foi filmada no Cardozo Hotel e o Miami-Dade Cultural Center foi o local da exposição de arquitetura que Mary e Healy compareceram juntos. O Churchill's Pub foi usado como um clube de striptease para uma cena com Healy.[14] Os efeitos de maquiagem e animatrônicos de animais foram o trabalho do designer de efeitos de maquiagem Tony Gardner e da Alterian, Inc.[15]

There's Something About Mary foi o terceiro filme de maior bilheteria de 1998 na América do Norte, bem como o quarto filme de maior bilheteria do ano em todo o mundo. O filme faturou US$369 milhões em todo o mundo com um orçamento de US$23 milhões, com US$176 milhões provenientes dos EUA e do Canadá.[4] Foi lançado no Reino Unido em 25 de setembro de 1998 e liderou as bilheterias do país nos dois próximos finais de semana.[16][17]

O filme ficou na 27 na lista das melhores comédias estadunidenses segundo o American Film Institute, uma lista dos 100 filmes mais engraçados do século 20. Em 2000, os leitores da revista Total Film votaram e o escolheram como o quarto maior filme de comédia de todos os tempos. Diaz ganhou um New York Film Critics Circle Award de Melhor Atriz, um Prémio MTV Movie de melhor atriz, um American Comedy Awards de Melhor Atriz, um Blockbuster Entertainment Award de Melhor Atriz. Ela também recebeu uma indicação ao Globo de Ouro de melhor atriz em comédia ou musical. Foi também nomeado para um Globo de Ouro de melhor filme de comédia ou musical. Ganhou 4 de 8 MTV Movie Awards, incluindo o Prémio MTV Movie de melhor filme.[18]

A produtora Brasileirinhas lançou em 2010 uma paródia, Quem Vai Transar Com Mary?.[19]

Índice

ResumoEditar

O estudante Ted Stroehmann (Ben Stiller), tímido e com pouca sorte com as mulheres, vai ao baile com a jovem Mary (Cameron Diaz), a garota mais popular e mais charmosa do colégio, mas isto acaba por não se concretizar, pois ele acaba sofrendo um acidente no banheiro, prendendo seus genitais no zíper da calça.

Treze anos depois, ele tenta conquistá-la de novo e contrata o detetive particular Pat Healy (Matt Dillon) para encontrá-la. Só que, ao conhecê-la, o detective também fica apaixonado por ela e dá falsas informações ao seu cliente que tanto anseia por notícias, para assim poder conquistá-la. Mas nada corre como planejado.

Ainda por cima existem outros homens interessados na mesma mulher, um que se faz passar por deficiente, e outro que tem uma estranha alergia de pele.

ElencoEditar

CríticaEditar

There's Something About Mary tem aclamação por parte da crítica profissional. O Rotten Tomatoes dá-lhe uma pontuação de 83% com base em 83 comentários, e uma classificação média de 7/10, chegou ao consenso: "There's Something About Mary prova que inexoravelmente, humor pueril descaradamente não vem necessariamente às custas do coração de um filme".[20] Metacritic dá ao filme uma pontuação de 69 de 100 com base em comentários de 29 críticos.[21]

Roger Ebert deu-lhe três de quatro estrelas, afirmando "Que alívio abençoado é o riso. Ele foge diante de maneiras, valores, correção política e decoro. Ele nos expõe pelo que somos, o único animal com senso de humor".[22]

Gene Siskel classificou o filme em 9 lugar em seus 10 Melhores filmes de 1998 (a lista final de "melhor de" que ele fez antes de morrer).

O filme é reconhecido pelo American Film Institute nestas listas:

Trilha sonoraEditar

  1. "There's Something About Mary" (Jonathan Richman) – 1:47
  2. "How to Survive a Broken Heart" (Ben Lee) – 2:47
  3. "Every Day Should Be a Holiday" (The Dandy Warhols) – 4:02
  4. "Everything Shines" (The Push Stars) – 2:27
  5. "This Is the Day" (Ivy) – 3:33
  6. "Is She Really Going Out with Him?" (Joe Jackson) – 3:36
  7. "True Love Is Not Nice" (Jonathan Richman) – 2:13
  8. "History Repeating" (The Propellerheads com Shirley Bassey) – 4:04
  9. "If I Could Talk I'd Tell You" (The Lemonheads) – 2:51
  10. "Mary's Prayer" (Danny Wilson) – 3:54
  11. "Margo's Waltz" (Lloyd Cole) – 4:01
  12. "Speed Queen" (Zuba) – 3:44
  13. "Let Her Go Into the Darkness" (Jonathan Richman) – 1:19
  14. "Build Me Up Buttercup" (The Foundations) – 2:59[27]

Referências

  1. Doidos por Mary (em português) no CineCartaz (Portugal)
  2. a b «"Quem Vai Ficar com Mary? estreia hoje nos cinemas». Brasil: Folha Online. 18 de setembro de 1998. Consultado em 21 de fevereiro de 2018 
  3. «THERE'S SOMETHING ABOUT MARY (15)». British Board of Film Classification. 22 de julho de 1998. Consultado em 2 de janeiro de 2012 
  4. a b c There's Something About Mary (em inglês) no Box Office Mojo
  5. Cameron Diaz conquista a América Folha de S.Paulo
  6. Patrick Smith (18 de dezembro de 2014). «Peter Farrelly interview: 'Jon Stewart was nearly the lead in There's Something About Mary'». The Daily Telegraph. Consultado em 23 de novembro de 2017. Cópia arquivada em 23 de novembro de 2017 
  7. Locke, Greg W. (26 de agosto de 2011). «The Top 25 Roles Bill Murray Didn't Take». Consultado em 25 de maio de 2015. Arquivado do original em 25 de novembro de 2011 
  8. Evans, Bradford (17 de fevereiro de 2011). «The Lost Roles of Bill Murray». Consultado em 25 de maio de 2015. Arquivado do original em 20 de maio de 2015 
  9. «Don't Forget: 'There's Something About Mary'». Yahoo! Movies. 23 de fevereiro de 2011 
  10. Hedegaard, Erik (7 de setembro de 2006). «The Angry Zen of Matt Dillon». Rolling Stone. Consultado em 20 de outubro de 2018. Cópia arquivada em 20 de outubro de 2018 
  11. Quem Vai Ficar com Mary? AdoroCinema
  12. Diretor admite ter mostrado genitais para Cameron Diaz e outros atores em filmagens: "Achava engraçado" Globo.com
  13. "Ficar com Mary?" só vale por Cameron Diaz Folha de S.Paulo
  14. Ily Goyanes (1 de setembro de 2010). «Celluloid City: There's Something About Mary Filmed at Churchill's Pub and Big Pink». Miami New Times. Consultado em 19 de janeiro de 2017. Cópia arquivada em 11 de janeiro de 2018 
  15. «There's Something About Mary». Internet Movie Database 
  16. «Weekend box office 25th September 1998 - 27th September 1998». www.25thframe.co.uk. Consultado em 8 de janeiro de 2018 
  17. «Weekend box office 2nd October 1998 - 4th October 1998». www.25thframe.co.uk. Consultado em 8 de janeiro de 2018 
  18. MTV Movie Awards consagra "Quem Vai Ficar com Mary?" Folha de S.Paulo
  19. Quem Vai Transar Com Mary? Brasileirinhas
  20. «There's Something About Mary - Rotten Tomatoes» (em inglês). Consultado em 31 de dezembro de 2013 
  21. «There's Something About Mary». Metacritic. CBS 
  22. Roger Ebert. «There's Something About Mary». Chicago Sun-Times 
  23. «AFI's 100 Years...100 Laughs» (PDF). American Film Institute. Consultado em 17 de julho de 2016 
  24. «AFI's 100 Years...100 Passions Nominees» (PDF). Consultado em 17 de julho de 2016 
  25. «AFI's 100 Years...100 Movies Nominees (10th Anniversary Edition)» (PDF). Consultado em 17 de julho de 2016 
  26. «AFI's 10 Top 10 Nominees» (PDF). Consultado em 19 de agosto de 2016. Arquivado do original em 16 de julho de 2011 
  27. «There's Something about Mary Soundtrack». Soundtrackinfo.com. 14 de julho de 1998. Consultado em 15 de janeiro de 2013 

Ligações externasEditar