Abrir menu principal
Thiago Brava
Informação geral
Nome completo Thiago de Morais Ramos
Nascimento 14 de junho de 1986 (33 anos)[1]
Local de nascimento Goiânia, GO[2]
Nacionalidade Brasileiro
Gênero(s)
Ocupação(ões)
Instrumento(s)
Período em atividade 2012–presente
Gravadora(s) Som Livre (2013–2015)
Warner Music (2018–presente)
Página oficial www.thiagobrava.com.br

Thiago Brava, nome artístico de Thiago de Morais Ramos (Goiânia, 14 de junho de 1986), é um cantor e compositor de sertanejo universitário.[3]

Índice

Biografia e carreiraEditar

Nascido em Goiânia, filho de Jura de Morais Ramos e Rafael Ramos, Thiago começou a estudar música aos os 12 anos de idade, influenciado por um tio que lhe deu um cavaquinho de presente. Inicialmente seus pais não aprovavam a carreira musical e, por isso, Thiago se formou em Publicidade e Propaganda, fez pós-graduação e chegou a ser coordenador de marketing de um grande shopping de Goiânia. Sempre muito bem-humorado e dono de uma personalidade ímpar, Thiago sempre tocava e cantava nas festas de amigos no intuito de entretê-los. A partir daí, um vídeo seu tocando viralizou no YouTube, dando início à carreira de cantor. Influenciado pelo samba e pelo pagode, teve várias bandas durante a sua carreira, que era paralelamente dividida com a profissão de publicitário. Sempre muito criativo, migrou para o sertanejo e revolucionou com o "arrocha", ritmo que conquistou o público.


Carreira profissionalEditar

Em novembro de 2011, Thiago Brava decidiu que ia abandonar a musica definitivamente por não acreditar mais que teria algum sucesso nesta carreira e partiu para se dedicar exclusivamente a profissão de publicitário, quando no carnaval do ano seguinte compôs o hit "As Mina Pira", e em um momento descontraído com amigos em uma piscina gravou um vídeo amador que virou hit na internet e tem mais de 10 milhões de acessos no Youtube, que mais adiante foi gravado pela dupla Cácio e Marcos e depois gravada também por ele mesmo, com participação especial de Zé Ricardo & Thiago, companheiros da época de barzinhos. De lá para cá renasceu a ideia de retomar novamente a carreira, seu talento para a música e de compositor começou a falar mais alto, e por um acaso do destino o escritório do cantor Cristiano Araújo se instalou exatamente ao lado de sua casa, e foi ai que teve oportunidade de reencontrar Raynner Souza que havia sido seu amigo nos tempos de escola e também foi empresário de Cristiano Araújo.[4]

O cantor começou sua carreira oficialmente em 2012, mas a música que o consolidou no mundo sertanejo – "360, O Arrocha do Poder" – já era bem conhecida no Brasil e em Goiânia, sua cidade natal. De ritmo envolvente, a letra foi escrita pelo próprio artista, que é formado em publicidade. “É uma história que tem começo meio e fim. Uso a malandragem e o senso criativo do meu lado publicitário para fazer as canções, que têm mensagens simples que chamam a atenção”, afirma. Em entrevista ao G1, Thiago conta que compôs a música depois de sair de uma festa, na capital goiana. “Um dia eu estava em uma balada e vi umas meninas fazendo uma dança. Perguntei o que era e elas me explicaram que era a dancinha do arrocha. Uma delas me explicou que tinha que rebolar em 90 e 360º. Aí eu falei que estava errado e que, na verdade, era 180º. No caminho de volta para casa, a música já estava pronta na minha cabeça”.[5]

Em 2013, lança o DVD "Ao Vivo em Goiânia" com a participação dos funkeiros Mr.Catra e MC Koringa, da dupla Zé Ricardo & Thiago, e dos cantores Lucas Lucco e Cristiano Araújo.[5]

Em 2014, lança sua nova música "Namora Bobo".[5]

Em 2015, lança seu mais novo DVD "Tudo Novo de Novo" com participações de Zé Neto & Cristiano, Adriel do grupo Pollo e de Guiguiba.[5]

Em 2016, lança seu novo single "Se For Pra Não Causar Eu Nem Vou".[5]

Em 2017, lança seu mais novo e recente single "Dona Maria" com a participação de Jorge da dupla Jorge & Mateus, onde ultrapassou 300 milhões de visualizações no Youtube, também ficando em segundo no ranking ConnectMix como música mais executada em todas as rádios do Brasil.[5]

Em 2018, lança o álbum "Vibezinha do Thiago Brava", com os sucessos "Já Convenci" e "Coração de Guardanapo".

DiscografiaEditar

Álbuns de estúdio
Ano Título Gravadora
2015 Sempre Diferente Som Livre
Álbuns ao vivo
Ano Título Gravadora
2012 360 O Arrocha Do Poder (Ao Vivo) Independente
2013 Ao Vivo em Goiânia Som Livre
2017 Tudo Novo de Novo (Ao Vivo) Brava Music
2018 Vibezinha do Thiago Brava (Ao Vivo) Warner Music Brasil
EPSEditar
Ano Título Gravadora
2017 Um Violão & Uma Catuaba MM Music
2018 Vibezinha 1 Warner Music Brasil
2018 Vibezinha 2 Warner Music Brasil

Referências

  1. «Biografia - Thiago Brava». som13.com.br. Consultado em 03 de fevereiro de 2015  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  2. «Thiago Brava, conhecido pelas músicas no estilo arrocha, se apresenta neste sábado, em Palhoça». diariocatarinense.clicrbs.com.br. Consultado em 03 de fevereiro de 2015  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  3. «Biografia - Thiago Brava». som13.com.br. Consultado em 03 de fevereiro de 2015  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  4. «Biografia de Thiago Brava». letras.com.br. Consultado em 03 de fevereiro de 2015  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  5. a b c d e f «Sertanejo abandona a profissão e faz sucesso com a música '180 180 360'». g1.globo.com. Consultado em 03 de fevereiro de 2015  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)

Ligações externasEditar