Tomb Raider III: Adventures of Lara Croft

vídeojogo de 1998
Tomb Raider III:
Adventures of Lara Croft
Desenvolvedora(s) Core Design
Publicadora(s) Eidos Interactive
Diretor(es) Troy Horton
Projetista(s) Jamie Morton
Richard Morton
Andrew Sandham
Escritor(es) Vicky Arnold
Programador(es) Chris Coupe
Martin Gibbins
Compositor(es) Nathan McCree
Plataforma(s) Mac OS
Microsoft Windows
PlayStation
Série Tomb Raider
Conversões PlayStation 3
PlayStation Portable
PlayStation Vita
Lançamento Microsoft Windows
& PlayStation
  • AN 20 de novembro de 1998
  • EU novembro de 1998
Mac OS
  • EU dezembro de 1998
  • AN 19 de outubro de 1999
Gênero(s) Ação-aventura
Modos de jogo Um jogador
Tomb Raider II
Tomb Raider:
The Last Revelation

Tomb Raider III: Adventures of Lara Croft é um jogo eletrônico de ação-aventura desenvolvido pela Core Design e publicado pela Eidos Interactive. É o terceiro título da série Tomb Raider e foi lançado em novembro de 1998 para Microsoft Windows e PlayStation.

HistóriaEditar

Um enorme cometa havia atingido a área da Antártica no tempo em que ela era formada por grama e enormes árvores, que caíram com a queda do cometa. Do cometa é obtido um material estranho, que dá poderes e acelera a evolução do ser, que foi descoberto por Charles Darwin durante o HMS Beagle, dando origem a teoria. O material se fundiu em quatro artefatos com maior poder ainda, as quatro pedras. Uma parte caiu no mar, onde boiou até a Índia, outra parte foi também levada pelo mar, até ilhas no Pacífico Sul, outra foi levada até o Museu Britânico por Darwin, mas roubado por vândalos de Sophia Leigh, e a última, ficou lá, onde logo depois, os Estados Unidos encontrou o cometa e o levou para estudos na Área 51. Nessa aventura Lara Croft sai em busca de quatro poderosos artefatos que estão espalhados pelos quatro cantos do planeta. Lara procura inicialmente na Índia, pensando que a origem dos artefatos seja lá, mas o Doutor Willard acaba a contando a história dos marinheiros de Darwin que encontraram os artefatos fundidos pelo chão de uma caverna, próximo ao cometa. Após invadir o secreto compartimento da Área 51, fugir com uma relíquia muito importante de canibais e acabar com os planos malignos de uma empresária, que trabalha na área de cosméticos, Lara retorna a Antarctica para devolver o cometa os artefatos e deixar com que ninguém os roube de novo, mas Willard rouba para si os artefatos para seus próprios bens, fazendo Lara ter que ir atrás dele pela Antarctica. Depois que Willard se arrepende da aceleração da evolução, ele acaba sendo morto por Lara, que foge em um helicóptero, a caminho do Museu Britânico.

Ligações externasEditar