USS Kidd (DDG-100)

O USS Kidd (DDG-100) é um navio de guerra do tipo contratorpedeiro da classe Arleigh Burke[5].

USS Kidd (DDG-100)

O Kidd em manobras no Oceano Pacífico (2008).
Operador Marinha dos Estados Unidos
Fabricante Ingalls Shipbuilding, Pascagoula, Mississippi
Construção 6 de março de 1998 [1]
Lançamento 15 de dezembro de 2004
Comissionamento 9 de junho de 2007 em Galveston, Texas [2]
Estado Em serviço
Características gerais
Classe Classe Arleigh Burke, contratorpedeiro
Tonelagem 9 200 t (plena carga)[1]
Largura 20,4 m
Comprimento 155 m
Calado 9,3 m
Propulsão 4 turbinas a gás General Electric LM 2500 , 2 hélices
Velocidade 32 nós; autonomia 4 400 milhas náuticas a 20 nós [3]
Armamento
  • um canhão leve Mk-45 5"/62[4]
  • dois lançadores verticais de mísseis Mk-41 VLS para Tomahawk ASM/LAM
  • dois tubos de torpedo Mk-32 (triplo) para torpedos Mk-50 e Mk-46
  • duas metralhadoras Mk 38 Mod 2 25 mm
  • dois sistemas de defesa de mísseis anti-navio CIWS Phalanx
Aeronaves Dois helicópteros SH-60 Sea Hawk
Tripulação 320[1] (aproximado)

A embarcação foi construída pelo estaleiro Ingalls Shipbuilding e está baseada na Estação Naval da Marinha dos Estados Unidos localizada no porto de San Diego no estado da California [2].

O contratorpedeiro navega com o lema "On To Victory".

O navio recebeu o nome do Capitão Isaac Campbell Kidd (1884-1941) que estava a bordo do USS Arizona (BB-39) durante o ataque japonês a Pearl Harbor na Segunda Guerra Mundial [5]. Outros dois contratorpedeiros já haviam recebido o mesmo nome, são eles o USS Kidd (DD-661) (1943-1974) e o USS Kidd (DDG 993) (1981-1988) [6].

Acidente editar

 
O USS Kidd navegando pelo Oceano Pacífico em meados de 2011.

O navio foi danificado durante a sua construção ainda no estaleiro. O furacão Katrina danificou a embarcação, obrigando o navio a retornar a doca seca, atrasando seu comissionamento, programado anteriormente para o outono de 2006 [2].

Pirataria editar

Em 5 de janeiro de 2012, a equipe de busca e apreensão equipe (VBSS) do USS Kidd abordou um navio pesqueiro de bandeira iraniana, e deteve 15 supostos piratas que tinham mantido uma tripulação de 13 pescadores durante várias semanas [7].

Referências

  1. a b c «USS Kidd (DDG-100)» (em inglês). navysite.de. Consultado em 4 de junho de 2012 
  2. a b c «USS Kidd DDG 100» (em inglês). U.S. Carriers. 27 de fevereiro de 2012. Consultado em 4 de junho de 2012 
  3. «DDG-51 Arleigh Burke - Flight I» (em inglês). GlobalSecurity. 7 de julho de 2011. Consultado em 4 de junho de 2012 
  4. «Mark 45 ~ 5-inch, 54-caliber lightweight gun» (em inglês). navysite.de. Consultado em 11 de maio de 2012 
  5. a b «USS Kidd (DDG-100)» (em inglês). NavSource Naval History, Photographic History of the United States Navy. Consultado em 4 de junho de 2012 
  6. «DDG 100 Kidd» (em inglês). GlobalSecurity. 5 de julho de 2011. Consultado em 4 de junho de 2012 
  7. Douglas Stanglin (6 de janeiro de 2012). «U.S. Navy rescues Iranian sailors from pirates» (em inglês). USA Today. Consultado em 4 de junho de 2012 

Ligações externas editar

 
Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre USS Kidd (DDG-100)
  Este artigo sobre tópicos navais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.