Voo Belavia 1834

acidente aéreo em 2008


O Voo Belavia 1834 foi um voo internacional regular de passageiros de Erevã, Armênia, para Minsk, Bielorrússia, operado pela Belavia. Na manhã de 14 de fevereiro de 2008, o jato regional Bombardier Canadair, que transportava 18 passageiros e três tripulantes, caiu e pegou fogo logo após decolar do Aeroporto Internacional de Zvartnots, perto de Erevã, capital da Armênia.[1]

Voo Belavia 1834
Belavia EW-101PJ wreckage.jpg
EW-101PJ, a aeronave envolvida após o acidente.
Sumário
Data 14 de fevereiro de 2008 (14 anos)
Causa Estol logo após a decolagem devido ao gelo atmosférico; perda de controle.
Local Arménia Erevã, Armênia
Origem Aeroporto Internacional de Zvartnots
Destino Aeroporto Nacional de Minsk
Passageiros 18
Tripulantes 3
Mortos 0
Feridos 7
Sobreviventes 21
Aeronave
Modelo Canadá Bombardier CRJ100ER
Operador Bielorrússia Belavia
Prefixo EW-101PJ
Primeiro voo 1999

O jato atingiu sua asa esquerda na pista durante a decolagem, caiu no chão, capotou e parou invertido perto da pista. Todos os passageiros e tripulantes conseguiram escapar da aeronave antes que explodisse em chamas, em parte devido à resposta oportuna das equipes de bombeiros e resgate. Não houve mortes, mas sete pessoas foram levadas ao hospital para tratamento.

Aeronave e tripulaçãoEditar

 
EW-101PJ, a aeronave envolvida no acidente, em janeiro de 2008.

A aeronave era um Bombardier CRJ100ER do tipo bimotor fabricado pela Bombardier em 1999. Foi entregue para a Air Littoral em junho daquele mesmo ano com o prefixo F-GPTI. Depois foi entregue para Eurowings com o prefixo D-ALIV em maio de 2001. Em maio de 2004, a aeronave foi entregue na Avionco com o prefixo C-GLIV. Em outubro do mesmo ano, a aeronave foi entregue para Mesa Airlines e foi logo para a US Airways Express, sendo operado pela Mesa com o prefixo N401MJ. Em dezembro de 2005, a aeronave foi para a United Express com o mesmo prefixo antes de entrar em serviço com a Belavia.[2] A aeronave tinha 15 563 horas de voo e 14 352 ciclos (pousos e decolagens somados).[1]

O voo estava sob comando do capitão Viktor Shishlo, de 50 anos de idade e 9 215 horas de voo, sendo 461 horas no modelo CRJ100 e do copiloto Alexander Mukhin, de 44 anos de idade e 9 454 horas de voo, sendo 405 horas no modelo CRJ100.[3]

Ver tambémEditar

Referências

  1. a b Ranter, Harro. «ASN Aircraft accident Canadair CL-600-2B19 Regional Jet CRJ-100ER EW-101PJ Yerevan-Zvartnots Airport (EVN)». aviation-safety.net. Consultado em 2 de maio de 2022 
  2. «EW-101PJ». www.planespotters.net. Consultado em 2 de maio de 2022 
  3. «Final Report of Belavia Flight 1834» (PDF). Interstate Aviation Committee. 4 de junho de 2009. Consultado em 2 de maio de 2022 

Ligações externasEditar

  Media relacionados com Voo Belavia 1834 no Wikimedia Commons

  Este artigo sobre um acidente aéreo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.