Winston Parks

futebolista costa-riquenho

Winston Antonio Parks Tifet (Puerto Limón, 12 de outubro de 1981) é um ex-futebolista costarriquenho que atuava como atacante.

Winston Parks
Informações pessoais
Nome completo Winston Antonio Parks Tifet
Data de nasc. 12 de outubro de 1981 (38 anos)
Local de nasc. Puerto Limón, Costa Rica
Nacionalidade costarriquenho
Altura 1,82 m
Destro
Apelido Pug
Informações profissionais
Clube atual Aposentado
Posição Atacante
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1999–2001
2001–2002
2002
2002–2006
2003–2004
2006–2007
2007–2008
2008–2011
2010–2011
2011–2012
2013
2014
2015–2016
Costa Rica Limonense
Itália Udinese
Itália Ascoli (emp.)
Rússia Lokomotiv Moscou
Rússia Saturn (emp.)
República Checa Slovan Liberec
Costa Rica Alajuelense
Romênia Politehnica Timişoara
Azerbaijão Khazar Lankaran (emp.)
Azerbaijão Baku FK
Costa Rica Uruguay de Coronado
Costa Rica Limón
Costa Rica Santos de Guápiles
49 (12)
0 (0)
3 (0)
53 (10)
11 (3)
17 (2)
28 (9)
59 (7)
25 (8)
30 (9)
5 (1)
14 (2)
23 (5)
Seleção nacional
2001–2011 Flag of Costa Rica (state).svg Costa Rica 30 (6)

Carreira em clubesEditar

Estreou profissionalmente em 1999, aos 17 anos, no Limonense, marcando seu primeiro gol em novembro do mesmo ano. Pelo time de sua cidade natal, marcou 12 gols em 49 partidas.

Suas performances fizeram com que a Udinese investisse 2,1 milhões de dólares para contratar Parks em 2001[1]. Com a camisa dos Friulani, o atacante foi atrapalhado por lesões e não entrou em campo nenhuma vez[2]. Ppara ganhar experiência, foi emprestado ao Ascoli, onde jogou 3 partidas.

Entre 2002 e 2005, Parks atuou no futebol da Rússia, jogando por Lokomotiv Moscou[3] (53 partidas e 10 gols) e Saturn, por empréstimo (11 jogos e gols). Também teve razoável passagem pelo Slovan Liberec[4] (Chéquia) entre 2006 e 2007, antes de voltar à Costa Rica em 2007 para defender o Alajuelense, marcando 9 gols em 28 jogos.

Em 2008, Parks assinou com o Politehnica Timişoara, estreando pelo novo time em partida contra o Argeș Pitești, atuando por um minuto. Marcou seu primeiro gol pela equipe romena contra o CS Otopeni, e depois da partida entre Politehnica Timişoara e Gloria Bistriţa, criticou o presidente dos Violetas, Marian Iancu, por tê-lo colocado na lista de transferências.

Jogou ainda no Azerbaijão, representando o Khazar Lankaran e o Baku FK, regressando novamente ao seu país em 2013, atuando por Uruguay de Coronado[5], Limón e Santos de Guápiles[6], encerrando sua carreira em 2016.

SeleçãoEditar

Parks defendeu a Seleção Costarriquenha entre 2001 e 2011, jogando 30 partidas e marcando 6 gols[7]. Anteriormente, integrou as seleções Sub-17 e Sub-20 dos Ticos. Seu primeiro gol foi num amistoso contra o Japão, em abril de 2002, e no mesmo ano disputou a Copa do Mundo sediada em conjunto pela Coreia do Sul e pelo Japão. O único gol dele na competição foi contra a Turquia, que viria a ser terceira colocada; neste jogo, o atacante perdeu um gol feito após driblar o goleiro turco Rüştü Reçber e chutar para fora[8].

Apesar de ter disputado partidas válidas pelas Eliminatórias da Copa de 2006, Parks, que também atuou na Copa Ouro da CONCACAF de 2003, sofreu com lesões que inviabilizaram sua convocação para o Mundial, realizado na Alemanha. A última partida internacional do atacante pela Costa Rica foi um amistoso contra a Espanha, em novembro de 2011.

TítulosEditar

Lokomotiv Moscou
Khazar Lankaran
Baku FK

Ligações externasEditar

Referências

   Este artigo sobre futebolistas costa-riquenhos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.