Abrir menu principal

Zaquia Jorge

vedete e atriz do teatro de revista brasileira
Zaquia Jorge
Nascimento 6 de janeiro de 1924
Rio de Janeiro
Nacionalidade Brasil brasileira
Morte 22 de abril de 1957 (33 anos)
Rio de Janeiro
Ocupação atriz e vedete
IMDb: (inglês)

Zaquia Jorge (Rio de Janeiro, 6 de janeiro de 1924Praia da Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, 22 de abril de 1957) foi uma vedete e atriz do teatro de revista brasileira.

Em Madureira, tornou-se proprietária do único teatro de rebolado do subúrbio carioca, o Teatro de Revista Madureira, no final do ano 1950). Era conhecida como a "Estrela do Subúrbio" e "Vedete de Madureira".

Sua ascensão profissional foi interrompida quando ela, quando estava com as amigas na praia da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, em 22 de abril de 1957, se afogou num banho até ficar inconsciente e morrer, com apenas 33 anos de idade. Ela morreu depois de gravar sua participação no filme A Baronesa Transviada, de Watson Macedo, lançado no mesmo ano.

Sua morte, pela grande repercussão causada entre os fãs da atriz, inspirou um samba-enredo, "Madureira Chorou", de Carvalhinho e Júlio Monteiro, que se tornou um grande sucesso no Carnaval de 1958, pelo clima de comoção que expressou a música e o carisma da atriz homenageada. Inspirou também outro grande samba gravado por Roberto Ribeiro chamado Estrela de Madureira, que perdeu o concurso para samba enredo de 1958 mas fez muito mais sucesso qu “Madureira chorou”.

FilmografiaEditar

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre um ator é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. «Pinguinho de Gente». Cinemateca Brasileira. Consultado em 27 de março de 2018