Abrir menu principal
6ª Divisão de Exército
6de.png
Brasão
País  Brasil
Corporação Exército Brasileiro
Subordinação Comando Militar do Sul
Denominação Divisão Voluntários da Pátria
Sigla 6ª DE
Criação 1866
Extinção 2014
Sede
Sede Porto Alegre -  Rio Grande do Sul
Endereço Rua dos Andradas, 562 - 1º Andar

A 6ª Divisão de Exército (6ª DE), também conhecida como Divisão Voluntários da Pátria, foi um Grande Comando Operacional, subordinado ao Comando Militar do Sul, do Exército Brasileiro. Seu nome é uma lembrança a como era chamada esta divisão na Guerra da Tríplice Aliança.

Índice

HistóriaEditar

Seu batismo de fogo deu-se na Batalha de Estero Bellaco, em 2 de maio de 1866, ocasião em que, realizando um contra-ataque ordenado pelo General Manuel Luís Osório, destruiu a maior parte da força inimiga atacante, não obstante a sangrenta luta contra um inimigo feroz e pertinaz. Destacou-se também na Batalha de Tuiuti.

Com a aproximação do fim da Guerra da Tríplice Aliança, a 6ª Divisão de Infantaria foi desativada. Seu ressurgimento deu-se em 2 de maio de 1949, ainda sob a denominação de 6ª DI, com sede em Porto Alegre, nas dependências da antiga Comissão de Carta Geral do Brasil. Em 1956, transferiu seu QG para o prédio do Quartel General da Zona Militar Sul. Em face da reorganização do Exército Brasileiro, foi transformada em 11 de novembro de 1971 na 6ª Divisão de Exército.

Organizações Militares SubordinadasEditar

DesativaçãoEditar

A 6ª DE foi desativada pelo Decreto nº 8.298, de 15 de agosto de 2014[1]. Pelo mesmo Decreto, a Artilharia Divisionária da 6ª DE foi transformada em Comando de Artilharia do Exército, subordinado ao Comando Militar do Sul. A 8ª Brigada de Infantaria Motorizada e a 3ª Brigada de Cavalaria Mecanizada ficaram subordinadas à 3ª Divisão de Exército.

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Decreto nº 8.298, de 15 de agosto de 2014». 18 de agosto de 2014. Consultado em 29 de setembro de 2014 

Ligações externasEditar