Algeciras

Cidade e Município da província de Cádis, Espanha
Disambig grey.svg Nota: Para outras cidades contendo este nome, veja Algeciras (desambiguação).
Espanha Algeciras 
  Município  
Vista da cidade e do seu porto desde o Parque Centenario
Vista da cidade e do seu porto desde o Parque Centenario
Símbolos
Bandeira de Algeciras
Bandeira
Brasão de armas de Algeciras
Brasão de armas
Gentílico Algecirenho, nha
Localização
Algeciras está localizado em: Espanha
Algeciras
Localização de Algeciras na Espanha
Algeciras está localizado em: Andaluzia
Algeciras
Localização de Algeciras na Andaluzia
Coordenadas 36° 07' 47" N 5° 26' 51" O
País Espanha
Comunidade autónoma Andaluzia
Província Cádis
Comarca Campo de Gibraltar
Alcaide José Ignacio Landaluce Calleja (2011-2015, PP)
Características geográficas
Área total 85,9 km²
População total (2019) [1] 121 957 hab.
Densidade 1 419,8 hab./km²
Altitude 20 m
Código postal 11200-11209
Sítio www.algeciras.es

Algeciras é um município e cidade portuária do sul de Espanha, na província de Cádis, comunidade autónoma da Andaluzia. O município tem 85,9 km² de área e em 2019 tinha 121 957 habitantes (densidade: 1 419,8 hab./km²).[1]

Localiza-se perto da cidade Gibraltar, ligeiramente mais a norte do que Tarifa, que é a cidade mais a sul da Europa continental. Ambas as cidades estão situados no estreito de Gibraltar; Algeciras fica de frente para o mar Mediterrâneo.

EtimologiaEditar

O topónimo Algeciras é derivado do árabe "al-jazira" ("ilha verde" ou "península verde"), do qual são derivados também Argélia e Al-Jazira. Durante o período romano, a cidade chamava-se Colónia Traducta Júlia (português europeu) ou Colônia Traducta Júlia (português brasileiro) (em latim: Colonia Traducta Iulia) ou simplesmente Traducta Júlia. Outras variantes desse topónimo latino são, por exemplo, Iulia Traducta, Colonia Julia Traducta, etc.

Diz João de Barros, invocando o Itinerário de Antonino:

Algecira no Reino de Granada, é nome Arábico chamam-lhe Sola, como diz Antonino.[2]

ActividadesEditar

O moderno porto de Algeciras é o 24º mais movimentado do mundo (5º da Europa e 1º do Mar Mediterrâneo e da Espanha, com bastante tráfego de e para África. Ainda existe uma linha regular de navios porta-contêiners para a América do Sul (Santos, Montevidéu, Buenos Aires) Existe um serviço regular de ferry-boats para Tânger (Marrocos) e para o enclave espanhol de Ceuta. Devido a esses transportes, existem bastantes hotéis e estalagens.

Uma importante indústria é a refinaria da CEPSA que fornece tanques na baía de Algeciras, tanques esses que uma vez cheios se deslocam para as águas de Gibraltar para venderem o combustível com taxas mais baratas.

A cidade foi palco da Conferência de Algeciras, em 1906.

NotasEditar

Operação Algeciras foi um plano falhado, concebido pelos militares argentinos para enviar “Montoneros” para sabotar as instalações militares britânicas em Gibraltar durante a Guerra das Malvinas.

Ver tambémEditar

Referências

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Algeciras