Abrir menu principal

Aníbal Ciocca

futebolista uruguaio
A delantera do Nacional que conquistou o quinquenio entre 1939 e 1943. Ciocca é o segundo, da esquerda para a direita.

Aníbal Ciocca (23 de julho de 1915) foi um futebolista uruguaio.

Ele é um dos grandes ídolos do Nacional, onde jogou de 1931 a 1946, vindo do pequeno Montevideo Wanderers, onde começou a carreira. Ganhou sete campeonatos uruguaios pelos tricolores, cinco deles seguidos (entre 1939 e 1943, além de um bi em 1933 e 1934). Realizou 21 partidas, com sete gols marcados, pelo Uruguai,[1] disputando três Sul-Americanos pela Celeste, em 1935, 1939 e 1942, tendo conquistado o primeiro e o último que participou e sendo vice no outro.

Sua elegância o fez ser conhecido como El Príncipe. Enzo Francescoli, que também começou a carreira no Wanderers, por ter um estilo semelhante, ficaria conhecido pela mesma alcunha em referência a Ciocca.[2]

Referências

  1. Luis Fernando Passo Alpuin (10 de dezembro de 2010). «Uruguay - Record International Players». RSSSF. Consultado em 6 de março de 2011 
  2. "O Príncipe Uruguaio", Especial Placar - Os Craques do Século, novembro de 1999, Editora Abril, pág. 82
   Este artigo sobre futebolistas uruguaios é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.