Abrir menu principal

Astolfo Dutra

município brasileiro do estado de Minas Gerais
Disambig grey.svg Nota: Para o político que deu nome à cidade, veja Astolfo Dutra Nicácio.

Astolfo Dutra é um município brasileiro do estado de Minas Gerais localizado a leste da Zona da Mata. Sua população recenseada em 2010, segundo o IBGE, era de 13.049 habitantes. Sua economia se baseia na indústria de confecções. Local de nascimento do ator e escritor Luís Linhares.

Município de Astolfo Dutra
Bandeira de Astolfo Dutra
Brasão de Astolfo Dutra
Bandeira Brasão
Hino
Fundação 1 de janeiro de 1939
Gentílico astolfodutrense
Padroeiro(a) Santo Antônio[1]
CEP 36780-000 a 36783-999[2]
Prefeito(a) Bruno Ribeiro (PSDB)
Localização
Localização de Astolfo Dutra
Localização de Astolfo Dutra em Minas Gerais
Astolfo Dutra está localizado em: Brasil
Astolfo Dutra
Localização de Astolfo Dutra no Brasil
21° 18' 54" S 42° 51' 43" O21° 18' 54" S 42° 51' 43" O
Unidade federativa Minas Gerais
Mesorregião Zona da Mata IBGE/2008 [3]
Microrregião Ubá IBGE/2008 [3]
Municípios limítrofes Dona Eusébia, cataguases, Rodeiro, Itamarati de Minas, Piraúba, Guarani, Descoberto
Distância até a capital 281 km
Características geográficas
Área 159,139 km² [4]
População 13 049 hab. IBGE/2010[5]
Densidade 82 hab./km²
Altitude 260 m
Clima Tropical
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,771 alto PNUD/2000 [6]
PIB R$ 120 661,641 mil IBGE/2008[7]
PIB per capita R$ 9 283,09 IBGE/2008[7]
Página oficial
Prefeitura www.astolfodutra.mg.gov.br

GeografiaEditar

O município localiza-se na Mesorregião da Zona da Mata mineira. A sede dista por rodovia 281 km da capital Belo Horizonte.

Relevo, clima, hidrografiaEditar

A altitude da sede é de 260 m, sendo o ponto culminante do município a Serra do Grama (1300 m).O município está inserido na região denominada mar de morros, devido á grande concentração de serras e montanhas; mas apesar disso a sede do município localiza-se em um vale,rodeado por montanhas,tornando o clima da cidade extremamente quente. No município há grandes serras e montanhas apropriadas ao eco-turismo. O município é inserido na bacia do rio Paraíba do Sul, sendo banhado pelo rio Pomba e seus afluentes Xopotó e Paraopeba.

BairrosEditar

A cidade está dividida em bairros como: Alencar Ribeiro, São José (Cabibó), Centro, Ideal, Jardim Primavera , Passaredo, La Ville, Manoel Figueredo Linhares, Nossa senhora de Fátima, São Jorge, Usina Paraíso, Rabicho e Pingo D'Água.

Zona RuralEditar

Serra da Boa Vista, Serra dos Menezes, Serra da Prata, Serra dos Contins, Serra da Água Limpa,Alto Aventureiro.

DistritosEditar

Sobral Pinto, Santana do Campestre e Colônia Santa Maria.

RodoviasEditar

DemografiaEditar

Dados do Censo - 2000

População Total: 11.805

  • Urbana: 10.342
  • Rural: 1.463
  • Homens: 5.941
  • Mulheres: 5.864

(Fonte: AMM)

Densidade demográfica (hab./km²): 73,9

Mortalidade infantil até 1 ano (por mil): 19,3

Expectativa de vida (anos): 73,4

Taxa de fecundidade (filhos por mulher): 2,1

Taxa de Alfabetização: 86,7

Índice de Desenvolvimento Humano (IDH-M): 0,771

  • IDH-M Renda: 0,672
  • IDH-M Longevidade: 0,807
  • IDH-M Educação: 0,833

PrefeituraEditar

Assumiu no dia 1 de janeiro de 2016 o prefeito Bruno Ribeiro, do PSDB. (Fonte: PNUD/2000)

InfraestruturaEditar

Saúde: A cidade conta com uma policlínica e postos de saúde(da rede pública) espalhados nos bairros da cidade,além de uma clínica particular.

Educação: Situa-se na cidade duas escolas municipais para o 1ºgrau e 1 escola estadual para o 1ºgrau e 2ºgrau.Além de escolas particulares

Transportes escolares: a cidade conta com ônibus para os alunos do ensino fundamental, além de kombis para alunos da zona rural.

Comércio e indústria: Na indústria,a cidade se destaca na indútria téxtil sendo um microtecnopolo na região. Na cidade possui um comércio diversificado

HistóriaEditar

A cidade originou-se de um povoado surgido em 1808 às margens do rio Pomba e chamado Santo Antônio de Porto Alegre de Ubá, que passou a se chamar Porto de Santo Antônio em 1816. No ano de 1855 o povoado tonou-se distrito do município de Rio Pomba, sendo transferido para o município de Cataguases em 1858 (ALMG). Sua emancipação ocorre em 1938 com o nome de Astolfo Dutra como uma homenagem ao político mineiro Astolfo Dutra Nicácio, duas vezes presidente da Câmara dos Deputados do Brasil.

Ver tambémEditar

Referências

  1. Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAC). «Lista por santos padroeiros» (PDF). Descubra Minas. p. 4. Consultado em 14 de setembro de 2017. Cópia arquivada (PDF) em 14 de setembro de 2017 
  2. Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos. «Busca Faixa CEP». Consultado em 1 de fevereiro de 2019 
  3. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  4. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  5. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  6. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  7. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 

Ligações externasEditar