Benjamin Ndiaye

Benjamin Ndiaye (Joal-Fadiout, 28 de outubro de 1948) é um arcebispo da Igreja Católica senegalês. É o atual arcebispo de Dakar.

Benjamin Ndiaye
Arcebispo da Igreja Católica
Arcebispo de Dakar
Hierarquia
Papa Francisco
Atividade eclesiástica
Diocese Arquidiocese de Dakar
Nomeação 22 de dezembro de 2014
Entrada solene 21 de fevereiro de 2015
Predecessor Dom Théodore-Adrien Cardeal Sarr
Mandato 2014
Ordenação e nomeação
Ordenação presbiteral 21 de agosto de 1977
Joal-Fadiout
por Hyacinthe Thiandoum
Nomeação episcopal 15 de junho de 2001
Ordenação episcopal 24 de novembro de 2001
Kaolack
por Théodore-Adrien Sarr
Lema episcopal PUISER AUX SOURCES VIVES DU SALUT
Nomeado arcebispo 22 de dezembro de 2014
Brasão arquiepiscopal
External Ornaments of a Metropolitan Archbishop.svg
Dados pessoais
Nascimento Joal-Fadiout
28 de outubro de 1948 (73 anos)
Nacionalidade senegalês
Funções exercidas -Bispo de Kaolack (2001-2014)
dados em catholic-hierarchy.org
Arcebispos
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo

BiografiaEditar

Após os estudos primários, ele partiu para o Seminário Menor de Ngasobil, onde permaneceu até 1967. Ele continuou seus estudos no Seminário Maior de Libermann em Dakar, bem como no Colégio Sainte-Marie de Hann até o bacharelado. Entre 1970 e 1974, estudou filosofia e teologia nos principais seminários em Sébikotane e Ányama, na Costa do Marfim. Então ele partiu para Friburgo, onde em 1977 obteve uma licença de teologia.[1]

Foi em 21 de agosto de 1977 que ele foi ordenado padre pelo cardeal Hyacinthe Thiandoum em sua cidade natal.[1] Sua passagem para a Escola Bíblica e Arqueológica Francesa de Jerusalém é sancionada por um diploma, depois que ele escreveu duas memórias. Entre 1979 e 1993, ele ocupou vários cargos nas paróquias e no seminário de Dakar. De lá, ele retornou a Friburgo, onde obteve bacharelado nas Escrituras Sagradas.

Estudante de 1993 no Instituto Católico de Paris, tornou-se doutor em teologia em 1996. De volta ao Senegal, exerceu várias funções paroquiais e entre 2000 e 2001, foi vigário-geral da Arquidiocese de Dakar.[1]

Ele foi nomeado pelo Papa João Paulo II como bispo de Kaolack em 15 de junho de 2001.[2] Foi sagrado por seu antecessor, Théodore-Adrien Sarr, nomeado arcebispo de Dakar um ano antes, a quem sucedeu em 22 de dezembro de 2014.[3] Foi instalado na Arquidiocese em 21 de fevereiro de 2015.

Referências

Ligações externasEditar

Precedido por
Théodore-Adrien Sarr
 
Bispo de Kaolack

20012014
Sucedido por
Martin Boucar Tine, S.S.S.
Precedido por
Théodore-Adrien Sarr
 
Arcebispo de Dakar

2014
Sucedido por
incumbente