Brad Pickett

Brad "One Punch" Pickett (Londres, 24 de setembro de 1978) é um lutador britânico de artes marciais mistas e o ex-campeão do Cage Rage britânico (Pesos Pena) e campeão do UCMMA (pesos pena). Atualmente, compete na categoria Galo do Ultimate Fighting Championship (UFC). Em novembro de 2012, Pickett foi classificado como quinto melhor lutador de MMA da categoria Peso Galo do mundo pelo site Sherdog.[1]

Brad Pickett
Brad Pickett WEC 53.jpg
Brad Pickett
Informações
Nascimento 24 de setembro de 1978 (42 anos)
Inglaterra Londres
Nacionalidade Inglês
Outros nomes One Punch
Altura 1.68 m
Peso 61 kg
Divisão Peso Galo
Peso Pena
Envergadura 170 cm
Luta por Cokonut Creek, Florida
Equipe American Top Team
Período em
atividade
2004-presente
Cartel nas artes marciais mistas
Total 39
Vitórias 25
Por nocaute 7
Por finalização 10
Por decisão 8
Derrotas 14
Por nocaute 3
Por finalização 5
Por decisão 6
Ligações externas
Página oficial:
Cartel no MMA pelo Sherdog

BackgroundEditar

O apelido de Brad e suas entradas extravagantes ao ring são derivadas do personagem de Brad Pitt "One Punch Mickey" do filme Snatch - Porcos e Diamantes mas por seu avô. Sua única entrada ao som de "Wallop" de Chas & Dave, vestindo um colete string, jeans cortado e seu chapéu de feltro habitual. Ele é defensor do time de futebol de Londres Tottenham Hotspur. Enquanto crescia, Pickett também jogou futebol e boxe, antes de se interessar por MMA.

Carreira no MMAEditar

Ele lutou principalmente pela promoção do Cage Rage. A primeira aparição de Pickett foi em 27 de Novembro de 2004 com uma vitória sobre Stuart Grant. Pickett se tornou o Campeão Peso Pena Britânico do Cage Rage em 10 de Setembro de 2005 no Cage Rage 13 ao derrotar Ozzy Haluk por finalização após um pisão voador no rosto. Em 22 de Agosto no Ultimate Challenge MMA: Payback (ocorrido em The Troxy, Londres), Brad Pickett venceu sua oitava luta no MMA contra David Lee. Brad venceu com uma guilhotina no primeiro round em que Lee foi muito agressivo, mas não se igualou a habilidade de Pickett no chão.

World Extreme CagefightingEditar

Em 30 de Outubro de 2009, a Zuffa que comprou o WEC anunciou que havia assinado com Pickett um contrato multi-lutas. Pickett, lutando pelos galos, fez sua estréia no WEC contra Kyle Dietz em 19 de Dezembro de 2009 no WEC 45. Ele venceu a luta por finalização no segundo round com uma gravata peruana, ganhando também o prêmio de Finalização da Noite.

Pickett em seguida enfrentou o estreante no WEC Demetrious Johnson em 24 de Abril de 2010 no WEC 48. Em uma luta competitiva; os dois marcaram quedas e golpes durante a luta, porém Pickett conseguiu maior dominância no chão, controlando a luta com quedas bem cronometradas e contra golpes, vencendo por decisão unânime (30-27, 30-27 e 29-28).

Pickett em seguida enfrentou o veterano do WEC Scott Jorgensen. Pickett fez experiências de sucesso em pé durante os primeiros dois rounds, mas foi dominado pelo 3 vezes Campeão do Pac-10 nos últimos dois rounds, perdendo para Jorgensen por 30-27 em todas as pontuações dos juízes.

Pickett então enfrentou Ivan Menjivar em 16 de Dezembro de 2010 no WEC 53. Ambos lutadores provaram ser muito equilibrados; Pickett dominou o primeiro round com sua trocação e quedas bem cronometradas (durante as tentativas de soco rodado de Menjivar), mas no segundo foi visivelmente abalado com golpes de seu oponente que assegurou uma queda. No terceiro, os continuaram trocando golpes durante a luta, com Pickett marcando uma queda com um overhand de direita. Menjivar mostrou um ótimo cardio se recuperando, e continuando trocando golpes até soar o gongo. No final Pickett conseguiu uma decisão unânime.

Ultimate Fighting ChampionshipEditar

Em Outubro de 2010, o World Extreme Cagefighting se fundiu com o Ultimate Fighting Championship. Como parte da fusão, todos os lutadores do WEC foram transferidos para o UFC.

Pickett era esperado para fazer sua estréia no UFC contra o ex-Campeão Peso Galo do WEC Miguel Torres em 28 de Maio de 2011 no UFC 130. Porém, Pickett foi forçado a se retirar da luta com uma lesão e foi substituído por Demetrious Johnson.

Pickett enfrentou Renan Barão em 5 de Novembro de 2011 no UFC 138. Pickett foi finalizado no primeiro round com um mata leão após ser derrubado com uma enxurrada de golpes de Barão.[2] A luta ganhou o prêmio de Luta da Noite.

Pickett derrotou Damacio Page por finalização com um mata leão no segundo round do UFC on Fuel TV: Gustafsson vs. Silva, em 14 de Abril de 2012.[3] A luta ganhou o prêmio de Luta da Noite.

Pickett em seguida enfrentou Yves Jabouin em 29 de Setembro de 2012 no UFC on Fuel TV: Struve vs. Miocic. Ele venceu a luta por nocaute no primeiro round, ganhando o prêmio de Nocaute da Noite.

Pickett foi derrotado por Eddie Wineland por decisão dividida em 29 de Dezembro de 2012 no UFC 155.[4]

Pickett enfrentou Mike Easton em 6 de Abril de 2013 no UFC on Fuel TV: Mousasi vs. Latifi. Ele venceu a luta equilibrada por decisão dividida.[5] A vitória deu à Pickett seu terceiro bônus de Luta de Noite.

Pickett enfrentou Michael McDonald em 17 de Agosto de 2013 no UFC Fight Night: Shogun vs. Sonnen e perdeu por finalização no segundo round.

Pickett era esperado para descer para os moscas e enfrentar Ian McCall em 8 de Março de 2014 no UFC Fight Night: Gustafsson vs. Manuwa.[6] Porém, uma lesão tirou McCall do evento, e ele foi substituído pelo estreante no UFC, Neil Seery. Pickett venceu por decisão unânime.

A luta entre Pickett e McCall foi remarcada para 19 de Julho de 2014 no UFC Fight Night: McGregor vs. Brandão. Ele foi derrotado por decisão unânime. Ele enfrentou o estreante na divisão Chico Camus em 22 de Novembro de 2014 no UFC Fight Night: Edgar vs. Swanson e foi derrotado por decisão dividida.

Pickett retornou aos galos e enfrentou a promessa brasileira Thomas Almeida em 11 de Julho de 2015 no UFC 189. Ele foi derrotado por nocaute no segundo round.

Pickett era esperado para enfrentar Henry Briones no dia 27 de Fevereiro de 2016 no UFC Fight Night: Silva vs. Bisping. Entretanto, no dia 22 de Janeiro, Briones saiu do combate e foi substituído por Francisco Rivera.[7] Pickett venceu por decisão dividida e bastante contestada, onde 19 de 24 das mídias especializadas viram vitória de Rivera.

A luta contra Henry Briones foi remarcada para o dia 3 de Setembro de 2016 no UFC Fight Night: Arlovski vs. Barnett. Porém, Briones saiu do evento no início de Agosto e foi substituído por Iuri Alcântara.[8] Consequentemente, a luta foi marcada para o UFC 204. Pickett foi finalizado no primeiro round pelo brasileiro.

Pickett enfrentou Urijah Faber no dia 17 de Dezembro de 2016 no UFC on Fox: VanZant vs. Waterson. Ele perdeu por decisão unânime.

Uma nova tentativa de luta contra Henry Briones foi marcada para o dia 18 de Março de 2017 no UFC Fight Night: Manuwa vs. Anderson. Faltando uma semana antes do combate, Briones saiu devido a uma lesão e foi substituído por Marlon Vera. Devido ao curto espaço de tempo e preparação do equatoriano, a luta foi realizada num peso casado de 63kg. Pickett perdeu a luta por nocaute no terceiro round e após o combate anunciou sua aposentadoria do MMA.[9]

Cartel no MMAEditar

Res. Cartel Oponente Método Evento Data Round Tempo Local Notas
Derrota 25-14   Marlon Vera Nocaute Técnico (chute alto e socos) UFC Fight Night: Manuwa vs. Anderson 18/03/2017 3 3:50   Londres Peso Casado (63 Kg)
Derrota 25-13   Urijah Faber Decisão (unânime) UFC on Fox: VanZant vs. Waterson 17/12/2016 3 5:00   Sacramento, Califórnia
Derrota 25-12   Iuri Alcântara Finalização (triângulo) UFC 204: Bisping vs. Henderson II 08/10/2016 1 1:59   Manchester
Vitória 25-11   Francisco Rivera Decisão (dividida) UFC Fight Night: Silva vs. Bisping 27/02/2016 3 5:00   Londres
Derrota 24-11   Thomas Almeida Nocaute (joelhada voadora) UFC 189: Mendes vs. McGregor 11/07/2015 2 0:29   Las Vegas, Nevada Voltou aos Galos.
Derrota 24-10   Chico Camus Decisão (dividida) UFC Fight Night: Edgar vs. Swanson 22/11/2014 3 5:00   Austin, Texas
Derrota 24-9   Ian McCall Decisão (unânime) UFC Fight Night: McGregor vs. Brandão 19/07/2014 3 5:00   Dublin
Vitória 24-8   Neil Seery Decisão (unânime) UFC Fight Night: Gustafsson vs. Manuwa 08/03/2014 3 5:00   Londres Estréia no Peso Mosca.
Derrota 23-8   Michael McDonald Finalização (triângulo) UFC Fight Night: Shogun vs. Sonnen 17/08/2013 2 3:43   Boston, Massachusetts Luta da Noite.
Vitória 23-7   Mike Easton Decisão (dividida) UFC on Fuel TV: Mousasi vs. Latifi 08/04/2013 3 5:00   Estocolmo Luta da Noite
Derrota 22-7   Eddie Wineland Decisão (dividida) UFC 155 29/12/2012 3 5:00   Las Vegas, Nevada
Vitória 22–6   Yves Jabouin Nocaute (soco) UFC on Fuel TV: Struve vs. Miocic 29/09/2012 1 3:40   Nottingham Nocaute da Noite
Vitória 21–6   Damacio Page Finalização (mata-leão) UFC on Fuel TV: Gustafsson vs. Silva 14/04/2012 2 4:05   Estocolmo Luta da Noite
Derrota 20–6   Renan Barão Finalização (mata-leão) UFC 138 05/11/2011 1 4:09   Birmingham Estréia no UFC; Luta da Noite
Vitória 20–5   Ivan Menjivar Decisão (unânime) WEC 53 16/12/2010 3 5:00   Glendale, Arizona
Derrota 19–5   Scott Jorgensen Decisão (unânime) WEC 50 18/08/2010 3 5:00   Las Vegas, Nevada Luta da Noite
Vitória 19–4   Demetrious Johnson Decisão (unânime) WEC 48 24/04/2010 3 5:00   Sacramento, California
Vitória 18–4   Kyle Dietz Finalização (gravata peruana) WEC 45 19/12/2009 2 4:36   Las Vegas, Nevada Estréia no WEC; Estréia nos Galos; Finalização da Noite
Vitória 17–4   David Lee Finalização (guilhotina) UCMMA 6: Payback 22/08/2009 1 2:26   Londres Venceu o Cinturão Britânico dos Penas do Ultimate Challenge.
Vitória 16–4   Dino Gambatesa Finalização (guilhotina) UCMMA 3: Unstoppable 28/03/2009 2 0:15   Londres
Vitória 15–4   Antanas Jazbutis Nocaute (soco no abdomem) Cage Rage 28 20/09/2008 3 N/A   Londres
Vitória 14–4   Cristian Binda Finalização (guilhotina) Cage Rage 27 12/07/2008 2 2:52   Londres
Vitória 13–4   Paul Reed Decisão (majoritária) Cage Rage 26 10/05/2008 3 5:00   Birmingham
Vitória 12–4   Frederic Fernandez Finalização (guilhotina) FX3: Fight Night 7 15/03/2008 1 N/A   Reading
Vitória 11–4   Vaughan Lee Nocaute Técnico (socos) Cage Rage: Contenders 6 18/08/2007 3 3:20   Londres
Derrota 10–4   Hideo Tokoro Finalização (chave de braço) Dynamite!! USA 02/06/2007 1 2:41   Los Angeles, California Luta nos Leves
Derrota 10–3   Alex Owen Decisão (majoritária) Cage Rage 21 21/04/2007 3 5:00   Londres
Vitória 10–2   Gilbert Sims Nocaute Técnico (socos) Bodog Fight: Costa Rica Combat 16/02/2007 2 3:12   Costa Rica
Vitória 9–2   Phil Raeburn Finalização (chave de braço) HOP 7: Cage Fever 26/11/2006 1 3:20   Swansea
Vitória 8–2   Bret Lee Finalização (chave de braço) Intense Fighting: Caged 11/11/2006 1 1:18   Inglaterra
Vitória 7–2   John Trent Finalização (chave de braço) Absolute Fighting Championships 19 21/10/2006 1 3:58   Boca Raton, Flórida
Derrota 6–2   Robbie Olivier Finalização (mata-leão) Cage Rage 18 30/09/2006 3 3:03   Londres Perdeu o Título Britânico dos Penas do Cage Rage.
Vitória 6–1   Hiroyuki Abe Decisão (unânime) Cage Rage 16 22/04/2006 3 5:00   Londres
Vitória 5–1   Robbie Olivier Decisão (majoritária) Cage Rage 15 04/02/2006 3 5:00   Londres Defendeu o Título Britânico dos Penas do Cage Rage.
Vitória 4–1   Ozzy Haluk Nocaute Técnico (pisão voador) Cage Rage 13: No Fear 10/09/2005 2 4:25   Londres Venceu o Título Britânico dos Penas do Cage Rage.
Vitória 3–1   Jordan Miller Finalização (chave de braço) Cage Rage 12: The Real Deal 02/07/2005 2 2:32   Londres
Vitória 2–1   Aaron Blackwell Nocaute Técnico (interrupção do corner) Cage Rage 11: Face Off 30/04/2005 2 5:00   Londres
Derrota 1–1   Chris Freeborn Nocaute Técnico (socos) Cage Rage 10: Deliverance 26/02/2005 2 3:20   Londres
Vitória 1–0   Stuart Grant Nocaute Técnico (socos) Cage Rage 9: No Mercy 27/11/2004 1 0:17   Londres

Referências

  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.