Abrir menu principal
Iuri Alcântara
Informações
Nascimento 4 de agosto de 1980 (38 anos)
Soure, Pará, Brasil
Nacionalidade brasileiro
Outros nomes Marajó
Parentes notáveis Ildemar Alcântara, irmão
Altura 1,75 m[1]
Peso 65 kg
Divisão Peso-galo (atual)
Peso-pena
Peso-leve
Envergadura 180 cm
Modalidade Jiu-jítsu e muay thai
Luta por Brasil
Equipe Frankiko Team / Marajó Brothers Team
Graduação      Faixa preta em jiu-jítsu
Período em
atividade
2004–presente
Cartel nas artes marciais mistas
Total 46
Vitórias 36
Por nocaute 15
Por finalização 14
Por decisão 7
Derrotas 9
Por nocaute 1
Por finalização 2
Por decisão 6
Sem resultado 1
Ligações externas
Página oficial:
Cartel no MMA pelo Sherdog
última atualização: 4 de fevereiro de 2018

Iuri Alcântara (Soure, 01980-08-04 4 de agosto de 1980) é um lutador brasileiro de artes marciais mistas, atualmente compete no peso-galo do Ultimate Fighting Championship. É lutador profissional de MMA desde 2004, Iuri lutava pelo WEC antes da unificação da competição com o UFC em 2010.

Índice

Carreira no MMAEditar

Início de carreiraEditar

Iuri nasceu na ilha de Marajó, no Estado do Pará de onde leva o apelido pelos ringues do UFC onde é anunciado como Iuri “Marajó” Alcântara. Marajó treina na equipe Strike Team e tem sua carreira gerida por Wallid Ismail, ex-lutador de Jiu Jitsu e dono do Jungle Fight que Marajó já foi campeão.

Iuri começou a competir profissionalmente em Março de 2004 e não voltou aos ringues até Junho de 2005 onde conseguiu duas vitórias no período de dois meses. Marajó também venceu torneio Grand Prix em Novembro de 2009 quando derrotou dois lutadores em uma única luta.

Jungle FightEditar

Iuri conseguiu promoção para poder competir no Jungle Fight 19 contra Viscardi Andrade. Nessa luta, ele não conseguiu repetir o sucesso que vinha tendo e perdeu por decisão dos juízes para Andrade, algo que só tinha acontecido uma vez em sua carreira. Na sequência, conseguiu vitória importante fora do Jungle Fight, e retornou para encarar Armando Gomes no Jungle Fight 21. Ali ele conseguiu uma paralisação no primeiro round quando terminou a luta por nocaute técnico (socos).

No Grand Prix do Jungle Fight 22, Marajó competiu como peso leve contra Francisco Trinaldo, considerado um dos melhores em sua categoria que venceu lutadores veteranos como Luiz Firmino. Marajó finalizou o lutador com uma chave de braço no segundo round.

Com a vitória sobre Trinaldo, Iuri avançou para a disputa final contra o peruano Manuelo Morales. Marajó buscou a finalização e derrotou o peruano por knockout técnico após um chute de frente com apenas 16 segundos de luta. Com a vitória ele tornou-se o primeiro campeão peso leve do Jungle Fight.

World Extreme Cagefighting (WEC)Editar

No dia 3 de Novembro de 2010 foi anunciado que Marajó havia assinado contrato de cinco lutas com a Zuffa e que teria seu primeiro combate no evento final do WEC 53. Seu oponente foi Ricardo Lamas e Marajó venceu por knockout no primeiro round.

Ultimate Fighting Championship (UFC)Editar

Sua primeira luta no UFC será na divisão peso pena. Marajó estava se preparando para lutar contra Mackens Semerzier em 27 de Agosto de 2011 pelo UFC 134, entretanto, Semmerzier se machucou em treinamentos e não pode lutar. Após isso, o lutador Antonio Carvalho, novato no UFC, foi escalado para encarar Marajó, mais uma vez seu oponente se lesionou e foi substituído por Felipe Arantes. No UFC 134 que aconteceu no Rio de Janeiro, Iuri venceu Arantes por decisão unânime.

A próxima luta de Marajó foi no dia 14 de Janeiro contra o japonês Michihiro Omigawa no UFC 142 que aconteceu no Rio de Janeiro, Marajó venceu a luta por decisão unânime.

No UFC 147 Marajó encarou o estreante no UFC, Hacran Dias, da equipe nova união e foi derrotado por decisão, depois de sua primeira derrota no UFC, Marajó declarou que pode subir para a categoria dos leves.

Apesar de cogitar a subida para os leves, Marajó desceu para os galos para enfrentar George Roop no UFC on FX: Belfort vs. Bisping. Porém Roop se lesionou e seu substituto foi Pedro Nobre. Marajó acertou golpes na nuca de Nobre no primeiro round, o adversário foi incapaz de continuar e a luta foi dada com Sem Resultado.

Marajó então enfrentaria Marcos Vinícius no UFC on FX: Belfort vs. Rockhold, mas Vinícius se lesionou e foi substituído pelo companheiro de treinos de Marajó, Iliarde Santos. Marajó venceu por nocaute técnico no primeiro round.

Marajó enfrentou Urijah Faber no UFC Fight Night: Shogun vs. Sonnen.[2] Marajó perdeu por decisão unânime.

Marajó enfrentou Wilson Reis no UFC Fight Night: Machida vs. Mousasi. Ele venceu por decisão dividida.

Iuri enfrentou Vaughan Lee em 31 de Maio de 2014 no UFC Fight Night: Muñoz vs. Mousasi e venceu por nocaute no primeiro round em apenas 25 segundos de luta. Ele também derrotou Russell Doane em 13 de Setembro de 2014 no UFC Fight Night: Pezão vs. Arlovski II por decisão unânime, em uma decisão polêmica.

Iuri enfrentou Frankie Saenz em 22 de Fevereiro de 2015 no UFC Fight Night: Pezão vs. Mir e foi derrotado por decisão unânime. Ele se recuperou da derrota vencendo o compatriota Leandro Issa em 1 de Agosto de 2015 no UFC 190 por decisão unânime.

Iuri enfrentou Jimmie Rivera em 30 de Janeiro de 2016 no UFC on Fox: Johnson vs. Bader, sendo derrotado por decisão unânime.

Cartel no MMAEditar

Res. Cartel Oponente Método Evento Data Round Tempo Local Notas
Derrota 36-10 (1)   Cory Sandhagen Nocaute Técnico (socos) UFC Fight Night: Gaethje vs. Vick 25/08/2018 2 1:01   Lincoln, Nebraska Luta da Noite.
Vitória 36-9 (1)   Joe Soto Nocaute Técnico (chute no corpo, cotovelada e socos) UFC Fight Night: Machida vs. Anders 03/02/2018 1 1:06   Belém Performance da Noite.
Derrota 35-9 (1)   Alejandro Perez Decisão (unânime) UFC Fight Night: Swanson vs. Ortega 09/12/2017 3 5:00   Fresno, Califórnia
Derrota 35-8 (1)   Brian Kelleher Finalização (guilhotina) UFC 212: Aldo vs. Holloway 03/06/2017 1 1:48   Rio de Janeiro
Vitória 35-7 (1)   Luke Sanders Finalização (chave de joelho) UFC 209: Woodley vs. Thompson II 04/03/2017 2 3:13   Las Vegas, Nevada Performance da Noite.
Vitória 34-7 (1)   Brad Pickett Finalização (triângulo) UFC 204: Bisping vs. Henderson II 08/10/2016 1 1:59   Manchester Performance da Noite.
Derrota 33-7 (1)   Jimmie Rivera Decisão (unânime) UFC on Fox: Johnson vs. Bader 30/01/2016 3 5:00   Newark, New Jersey Luta da Noite.
Vitória 33-6 (1)   Leandro Issa Decisão (unânime) UFC 190: Rousey vs. Correia 01/08/2015 3 5:00   Rio de Janeiro
Derrota 32-6 (1)   Frankie Saenz Decisão (unânime) UFC Fight Night: Pezão vs. Mir 22/02/2015 3 5:00   Porto Alegre
Vitória 32-5 (1)   Russell Doane Decisão (unânime) UFC Fight Night: Pezão vs. Arlovski II 13/09/2014 3 5:00   Brasília
Vitória 31-5 (1)   Vaughan Lee Nocaute (socos) UFC Fight Night: Muñoz vs. Mousasi 31/05/2014 1 0:25   Berlim
Vitória 30-5 (1)   Wilson Reis Decisão (dividida) UFC Fight Night: Machida vs. Mousasi 15/02/2014 3 5:00   Jaraguá do Sul
Derrota 29-5 (1)   Urijah Faber Decisão (unânime) UFC Fight Night: Shogun vs. Sonnen 17/08/2013 3 5:00   Boston, Massachusetts
Vitória 29-4 (1)   Iliarde Santos Nocaute Técnico (socos) UFC on FX: Belfort vs. Rockhold 18/05/2013 1 2:31   Jaraguá do Sul
NC 28-4 (1)   Pedro Nobre Sem Resultado (socos na nuca) UFC on FX: Belfort vs. Bisping 19/01/2013 1 2:11   São Paulo Alcântara golpeou Nobre na nuca; Estréia no Peso Galo.
Derrota 28-4   Hacran Dias Decisão (unânime) UFC 147: Silva vs. Franklin II 23/06/2012 3 5:00   Belo Horizonte
Vitória 28-3   Michihiro Omigawa Decisão (unânime) UFC 142: Aldo vs. Mendes 14/01/2012 3 5:00   Rio de Janeiro
Vitória 27-3   Felipe Arantes Decisão (Unânime) UFC 134: Silva vs. Okami 27/08/2011 3 5:00   Rio de Janeiro Estreia no UFC e no Peso Pena.
Vitória 26-3   Ricardo Lamas Nocaute (socos) WEC 53: Henderson vs. Pettis 16/12/2010 1 3:26   Glendale, Arizona Estreia no WEC.
Vitória 25-3   Manuelo Morales Nocaute Técnico (chute frontal no corpo) Jungle Fight 22 18/09/2010 1 0:16   São Paulo Ganhou o Cinturão Peso Leve Inaugural do Jungle Fight.
Vitória 24-3   Francisco Trinaldo Finalização (chave de braço) JF-Jungle Fight 22 18/09/2010 2 2:24   São Paulo
Vitória 23-3   Francisco Mario Marinho Finalização (kimura) AF-Amazon Fight 4 13/08/2010 3 0:28   Belém
Vitória 22-3   Armando Gomes da Silva Nocaute Técnico (socos) JF-Jungle Fight 21 31/07/2010 1 4:01   Natal
Vitória 21-3   João Paulo Rodrigues de Souza Finalização (chave de braço) IMC-Iron Man Championship 6 10/06/2010 1 2:11   Belém
Vitória 20-3   Viscardi Andrade Decisão (dividida) Jungle Fight 19: Warriors 17/04/2010 3 5:00   São Paulo
Vitória 19-3   Jackson Pontes Finalização (triângulo com chave de braço) IMC-Iron Man Championship 5 11/03/2010 1 0:42   Belém
Vitória 18-3   Marinho Moreira da Rocha Finalização (triângulo) IMC-Iron Man Championship 4 20/11/2009 1 3:40   Belém
Vitória 17-3   Jamil Silveira da Conceição Finalização (triângulo) Leal Combat: Grand Prix 05/11/2009 1 0:45   Natal Venceu o Grand Prix de Leves do Leal Combat.
Vitória 16-3   Francisco Silva Nocaute Técnico (lesão no joelho) Leal Combate: Grand Prix 05/11/2009 1 2:42   Natal
Derrota 15-3   Mauricio Reis Finalização (chave de joelho) MC-Minotauro Combat 1 03/10/2009 1 0:49   Macapá
Vitória 15–2   Alexandre Alcantara Nocaute Técnico (socos) BOF2-Belem Open Fight 2 17/09/2009 1 0:52   Macapá
Vitória 14-2   Rafael Carvalho Nocaute Técnico (socos) IMC-Iron Man Championship 3 10/09/2009 1 N/A   Belém
Vitória 13-2   Jimmy Lira Nascimento Nocaute Técnico (socos) IMVT - Champions 19/04/2009 1 2:40   Belém
Vitória 12-2   Carlos Aldenis Nocaute Técnico (socos) TVT-Tribus de Vale Tudo 11/04/2009 2 3:22   Santarém
Vitória 11-2   Jimmy Lira Nascimento Nocaute Técnico (socos) Iron Man Championship 2 19/03/2009 1 1:30   Belém
Vitória 10-2   Furdjel de Windt Decisão (unânime) Cage Fight Event: Rumble in the Jungle 21/12/2008 3 5:00   Paramaribo
Derrota 9-2   Henrique Mello Decisão (unânime) Fury FC: Fury Trials 31/05/2008 2 5:00   Rio de Janeiro
Vitória 9-1   Elielson Almeida Finalização MF: Midway vs. Dinamite 15/05/2008 1 N/A   Belém
Vitória 8-1   Ronie Ronie Finalização (mata leão) DFC2: The Lightweights 19/03/2008 1 N/A   Santarém
Derrota 7-1   Andre Luis Oliveira Nocaute Técnico (lesão na perna) Predador FC 4: Kamae 25/01/2007 1 N/A   Brasil
Vitória 7-0   Rerison Araujo Finalização (chave de braço) MF-Midway Fight 29/06/2006 2 N/A   Belém
Vitória 6-0   Ivanildo Nunes Santos Finalização (chave de braço) EF2-EcoFight 2 06/05/2006 1 0:47   Macapá
Vitória 5-0   Michel Addario Bastos Nocaute Técnico (socos) EF2-EcoFight 2 06/05/2006 2 2:40   Macapá
Vitória 4-0   Rafael Addario Bastos Nocaute MCVT-Mega Combat Vale Tudo 01/10/2005 3 3:20   Belém
Vitória 3-0   Renenson Greugy Costa da Silva Finalização (chave de braço) IMVT-Iron Man Vale Tudo 7 11/06/2005 1 0:11   Macapá
Vitória 2-0   Jose de Arimateia Mesquita dos Santos Finalização (chave de braço) DDG-Desafio de Gigantes 2 13/03/2004 1 2:11   Macapá
Vitória 1-0   Erlon Gabriel Nocaute (socos) SVT-Super Vale Tudo Ananindeua 12/09/2003 1 3:17   Ananindeua

[3]

Referências

Ligações externasEditar