Abrir menu principal
Gnome globe current event.svg
Este artigo ou seção é sobre uma construção atualmente em andamento. A informação apresentada pode mudar com frequência. Não adicione especulações, nem texto sem referência a fontes confiáveis. (data da marcação: 22 de maio de 2019; editado pela última vez em 8 de maio de 2019) Applications-development current.svg
Cais das Artes
Tipo museu, teatro
Geografia
Coordenadas 20° 19' 3.652" S 40° 17' 28.406" O
Logradouro Rua Judite Maria Tovar Varejão, 530-574 - Enseada do Suá
Localização Vitória
País Brasil

O Cais das Artes é um teatro e museu, localizado na cidade de Vitória, capital do Espírito Santo.

HistóriaEditar

O Cais das Artes é uma grandiosa obra presente em frente da Baía de Vitória, no bairro nobre da Enseada do Suá.

O projeto dessa monumental construção, foi criado pelo arquiteto Paulo Mendes da Rocha. Este nasceu na cidade de Vitória, mas foi criado na capital paulista.[1] O profissional se destaca no cenário internacional por seus projetos contemporâneos, tendo sido agraciado no ano de 2006 com o Prêmio Pritzker.

O Cais das Artes consta com um área de 30 000 metros, possuindo, apenas o seu museu, uma área aproximada de 3 000 (três mil) metros quadrados.[2] Além do mais, o Cais das Artes possui vista para o Convento da Penha e para a Terceira Ponte de Vitória.

Atual situação e críticas ao Cais das ArtesEditar

O projeto do maior centro cultural da capital capixaba, surgiu no governo do político Paulo Hartung, no ano de 2008. Em 2018 foi anunciado que a conclusão da obra estaria prevista para o final de 2020,[3] entretanto, no ano de 2019, foi informado que a construção seria finalizada apenas no ano de 2022[4]. Cabe dizer que a previsão inicial da conclusão do teatro-museu era para o ano de 2012[5].

A demora para a entrega do Cais das Artes reside nos inúmeros problemas que surgiram durante a sua construção, incluindo a falência da empresa responsável pela execução das obras.[6] Além disso, o Ministério Público chegou a embargar a obra em razão de suspeitas de superfaturamento.[7]

É interessante também dizer que empresários e moradores da Enseada do Suá já manifestaram o interesse da comunidade pela demolição da estrutura do Cais das Artes[8]. A obra monumental já custou 157 milhões de reais aos cofres públicos e estima-se que serão necessários mais 100 milhões de reais para a conclusão do teatro-museu, cujas obras estão completamente paralisadas até o momento (2019)[9].

Outro fator que contribui para a impopularidade da estrutura é a sua arquitetura brutalista que destoa bastante das demais construções da Ilha de Vitória. O Cais das Artes é composto por dois edifícios de concreto e ferro armado, cuja aparência é muito semelhante a de um prédio inacabado.

Entretanto, parte da sociedade civil, formada por artistas em sua maioria, defendem a continuidade e conclusão das obras daquilo que viria a ser o maior e mais moderno centro cultural do Espírito Santo[10].

Referências

  Este artigo sobre um museu é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.