Castelo de Ródão

castelo de fundação templária em Vila Velha de Ródão

O Castelo de Ródão, também referido como Castelo do Rei Vamba, é um castelo situado na freguesia e município de Vila Velha de Ródão, no distrito de Castelo Branco, província da Beira Baixa, em Portugal.[1][2]

Castelo de Ródão
Castelo de Ródão
Castelo de Ródão: torre de menagem
Construção século XII
Património Nacional
Classificação  Imóvel de Interesse Público [♦]
DGPC 72989
SIPA 5166
Geografia
País Portugal
Localização Vila Velha de Ródão
Coordenadas 39° 38' 51" N 7° 41' 25" O
Mapa
Localização em mapa dinâmico
[♦] ^ DL 45/93 de 30 de Novembro de 1993
Castelo de Ródão, Portugal: muralha e torre de menagem
Castelo de Ródão: Capela de Nossa Senhora do Castelo

Constitui-se numa torre-atalaia, erguida numa escarpa sobranceira ao rio Tejo, sobre as chamadas Portas de Ródão, um estreitamento no curso do rio. Do alto de seus muros, miradouro de visita obrigatória, o visitante descortina excepcional panorâmica do vale do Tejo.

O Castelo de Ródão em conjunto com a Capela de Nossa Senhora do Castelo encontra-se classificado como Imóvel de Interesse Público desde 1993.[2]

História

editar

Antecedentes

editar

Embora a sua primitiva edificação seja tradicionalmente atribuída ao rei visigótico Vamba (r. 672–680), autores mais modernos acreditam que a estrutura possa remontar a uma atalaia da época da Invasão muçulmana da Península Ibérica.

A atalaia medieval

editar

À época da Reconquista cristã da Península Ibérica, no contexto da afirmação da Independência de Portugal, no século XII, esta estrutura foi reedificada, provavelmente por elementos da Ordem dos Templários, mesma época em que foi erguida uma pequena Capela sob a invocação de Nossa Senhora.

Os nossos dias

editar

Esse conjunto foi classificado como Imóvel de Interesse Público, por Decreto publicado em 30 de Novembro de 1993.

Nessa época, a torre-atalaia e a Capela de Nossa Senhora do Castelo encontravam-se em avançado estado de degradação, a última vítima de sucessivos roubos. Desde 1998, a Associação de Estudos do Alto Tejo e a Câmara Municipal de Vila Velha de Ródão lideram o desenvolvimento de um amplo projeto que visa requalificar e aproveitar esse património, através:

  • do estudo e recuperação dos imóveis classificados;
  • da caracterização e monitorização ambiental da área;
  • da promoção de um uso sustentável da área.

Características

editar

O conjunto é composto por uma torre-atalaia, de planta quadrangular, popularmente denominada como torre de menagem, envolvida por uma muralha. A uma distância de cerca de 150 metros, ergue-se a Capela de Nossa Senhora do Castelo, uma ermida rústica.

Referências

 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Castelo de Ródão

Ligações externas

editar