Celje (, em alemão: Cilli, pronúncia em alemão: [ˈt͡sɪli] (escutar))[2] é a quarta maior cidade da Eslovênia. É um centro regional da tradicional região eslovena da Estíria e sede administrativa da Município da Cidade de Celje (em esloveno: Mestna občina Celje). A cidade de Celje está localizada abaixo do Castelo Superior de Celje na confluência dos rios Savinja, Hudinja, Ložnica, e Voglajna no vale inferior do Rio Savinja, e na interseção das estradas que ligam Liubliana, Maribor, Velenje, e o Vale Central do Sava. Fica a 238 m (780 pé) acima do nível médio do mar (NMM).[3]

Celje
  Município urbano  
Vista de Celje
Vista de Celje
Vista de Celje
Símbolos
Bandeira de Celje
Bandeira
Brasão de armas de Celje
Brasão de armas
Localização
Localização do município de Celje na Eslovênia
Localização do município de Celje na Eslovênia
Localização do município de Celje na Eslovênia
Celje está localizado em: Eslovênia
Celje
Localização da sede do município
Coordenadas 46° 14' 9" N 15° 16' 3" E
País  Eslovênia
História
Estatuto municipal 45 d.C.
(como municipium Claudia Celeia)
Administração
Sede Celje
Prefeito Bojan Šrot (SLS)
Características geográficas
Área total [1] 94,9 km²
População total (censo 2002) [1] 48 081 hab.
 • Estimativa (2010[1]) 48 783
Densidade 506,6 hab./km²
Altitude 241 m
Fuso horário CET (UTC+1)
Horário de verão CEST (UTC+2)
3000 (até 1991: 63000)
(+386) 03
Sítio www.celje.si
Cilli, Georg Matthäus Vischer, Topographia Ducatus Stiriae, Graz 1681
Celje, 1830 - Lith. Kaiser, Graz

Nome editar

Celje era conhecida como Celeia durante o período romano. As primeiras menções do nome durante ou após o assentamento eslavo incluem Cylia em 452, ecclesiae Celejanae em 579, Zellia em 824, in Cilia em 1310, Cilli em 1311 e Celee em 1575. O nome proto-esloveno *Ceľe ou *Celьje, do qual se desenvolveu o moderno esloveno Celje, foi emprestado do latim vulgar Celeae. O nome é de origem pré-romana e sua etimologia adicional é incerta.[4] No dialeto local esloveno, Celje é chamada Cjele ou Cele. Em alemão é chamada de Cilli, e em italiano é conhecida como Cilli ou Celie.

História editar

História Antiga editar

O primeiro assentamento na área de Celje surgiu durante a era de Hallstatt. O assentamento era conhecido nos tempos celtas e pelos historiadores gregos antigos como Kelea; descobertas sugerem que os Celtas cunhavam moedas Nóricas na região.[5]

Uma vez que a área foi incorporada ao Império Romano em 15 a.C., era conhecida como Civitas Celeia. Recebeu direitos municipais em 45 d.C. sob o nome de municipium Claudia Celeia durante o reinado do imperador romano Cláudio (41–54). Registros sugerem que a cidade era rica e densamente povoada, protegida por muralhas e torres, contendo palácios de mármore de vários andares, praças e ruas largas. Era chamada de Troia secunda, a segunda; ou pequena Troia. Uma Estrada romana passava por Celeia, ligando Aquileia à Panônia. Celeia logo se tornou uma florescente Colônia romana, e muitos grandes edifícios foram construídos, como o templo de Marte, que era conhecido em todo o Império. Celeia foi incorporada à Aquileia por volta de 320 sob o imperador romano Constantino (306–337).[6]

A cidade foi arrasada por Tribos eslavas durante o Período de migração dos séculos V e VI, mas foi reconstruída na Alta Idade Média. A primeira menção de Celje na Idade Média foi sob o nome de Cylie na Crônica de Wolfhold von Admont, que foi escrita entre 1122 e 1137. A cidade foi a sede dos Condes de Celje de 1341 a 1456, com Status principesco a partir de 1436. Adquiriu status de Cidade comercial na primeira metade do século XIV e privilégios municipais do Conde Frederico II em 11 de abril de 1451.[5]

Após a extinção dos Condes de Celje em 1456, a região foi herdada pelos Habsburgos da Áustria e administrada pelo Ducado da Estíria. As muralhas da cidade e o fosso defensivo foram construídos em 1473. A cidade se defendeu dos Turcos e em 1515 durante a grande revolta camponesa eslovena contra camponeses, que haviam ocupado o Castelo Velho de Celje.

Muitos nobres locais se converteram ao Protestantismo durante a Reforma Protestante, mas a região foi convertida de volta ao Catolicismo durante a Contrarreforma. Celje tornou-se parte do Império Austríaco durante as Guerras Napoleônicas. Em 1867, após a derrota da Áustria na Guerra Austro-Prussiana, a cidade tornou-se parte da Áustria-Hungria.

Século XIX editar

O primeiro serviço ferroviário na linha férrea de Viena-Trieste passou por Celje em 27 de abril de 1846. Em 1895, a escola secundária de Celje, estabelecida em 1808, começou a ensinar em esloveno.

No final do século XIX e início do século XX, Celje foi um centro de nacionalismo alemão, o que teve repercussões para os eslovenos. O censo de 1910 mostrou que 66,8% da população era alemã. [7] Um símbolo disso era o Centro Cultural Alemão (Deutsches Haus), construído em 1906 e inaugurado em 15 de maio de 1907, hoje é o Celje Hall (Celjski dom). O antigo nome alemão da cidade, Cilli, não soava mais alemão o suficiente para alguns moradores alemães, sendo a forma Celle preferida por muitos.

O crescimento populacional foi constante durante este período. Em 1900, Celje tinha 6.743 habitantes e até 1924 isso havia crescido para 7.750. A National Hall (Narodni dom), que hoje abriga a prefeitura e o conselho municipal, foi construída em 1896. A primeira linha telefônica foi instalada em 1902 e a cidade recebeu eletricidade em 1913.

O nacionalismo étnico esloveno e alemão aumentaram durante o século XIX e início do século XX. Com o colapso da Áustria-Hungria em 1918 como resultado da Primeira Guerra Mundial, Celje tornou-se parte do Reino dos Sérvios, Croatas e Eslovenos (mais tarde conhecido como Iugoslávia). Durante este período, a cidade experimentou uma rápida industrialização e um crescimento substancial da população.

Segunda Guerra Mundial editar

Celje foi ocupada pela Alemanha Nazista em abril de 1941. A Gestapo chegou em Celje em 16 de abril de 1941 e foram seguidos três dias depois pelo líder da SS, Heinrich Himmler, que inspecionou a prisão Stari pisker. Durante a guerra, a cidade sofreu com bombardeios aliados, direcionados a importantes linhas de comunicação e instalações militares. A National Hall foi gravemente danificada.

O saldo da guerra sobre a cidade foi pesado. A cidade (incluindo cidades próximas) tinha uma população pré-guerra de 20.000 pessoas e perdeu 575 pessoas durante a guerra, na maioria entre 20 e 30 anos. Mais de 1.500 pessoas foram deportadas para a Sérvia ou para o interior da Alemanha Nazista. Cerca de 300 pessoas foram internadas e cerca de 1.000 pessoas foram presas nas prisões de Celje. Um número desconhecido de cidadãos foi forçado a se alistar no exército alemão. Cerca de 600 "crianças roubadas" foram levadas para a Alemanha Nazista para germanização. Um monumento em Celje chamado Vojna in mir (Guerra e Paz) do escultor Jakob Savinšek, comemora a era da Segunda Guerra Mundial.

Após o fim da guerra, a porção restante da população de língua alemã foi expulsa. Trincheiras anti-tanque e outros locais foram usados para criar 25 sepulturas em massa em Celje e seus arredores imediatos e foram preenchidos com membros da milícia croata, sérvia e eslovena que colaboraram com os alemães, bem como civis étnicos alemães de Celje e áreas circundantes.

Eslovênia Independente editar

Celje tornou-se parte da Eslovênia independente após a Guerra dos Dez Dias em 1991. Em 7 de abril de 2006, Celje tornou-se sede de uma nova Diocese de Celje, criada pelo Papa Bento XVI dentro da Arquidiocese de Maribor.

Ligações externas editar

Referências

  1. a b c «the Republic of Slovenia - Administrative units» (em inglês). GeoHive. Consultado em 13 de agosto de 2011 
  2. «Celje». Slovenski pravopis 2001 (em esloveno) 
  3. Erro de citação: Etiqueta <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs de nome STAT2002
  4. Snoj, Marko (2009). Etimološki slovar slovenskih zemljepisnih imen. Ljubljana: Modrijan. p. 87 
  5. a b «History of Celje». web.archive.org. 3 de outubro de 2016. Consultado em 24 de fevereiro de 2024 
  6. «Celeia - a town beneath today's town» 
  7. «History of Celje». www.inyourpocket.com (em inglês). Consultado em 24 de fevereiro de 2024 
 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Celje
  Este artigo sobre Geografia da Eslovénia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.