Abrir menu principal

Companhia Docas do Pará

Companhia Docas do Pará
Sede da empresa em Belém.
Sociedade de economia mista
Atividade Transporte hidroviário
Gênero Administração portuária
Fundação 31 de dezembro de 1967 (51 anos)
Sede Brasil Belém, Pará
Área(s) servida(s) Bandeira de Belém.svg Belém
Bandeira Santarem.png Santarém
Flag of Barcarena - PA - Brazil.png Barcarena
Bandeira Itaituba.svg Itaituba
Bandeira de Óbidos (Pará).jpg Óbidos
Bandeira de Marabá (Pará).svg Marabá
Presidente Eduardo Henrique Pinto Bezerra
Empregados 418 efetivos[1]
Ativos Aumento 117,6 milhões BRL (2013)[2]
Lucro Baixa 6,4 milhões BRL (2013)[3]
LAJIR Baixa 10,4 milhões BRL (2013)[3]
Faturamento Aumento 123,4 milhões BRL (2013)[4]
Renda líquida Aumento 107,8 milhões BRL (2013)
Website oficial http://www.cdp.com.br


A Companhia Docas do Pará (CDP) é a empresa que administra os portos do estado brasileiro do Pará. Fundada em 1967, é desde 1969 uma sociedade de economia mista, pois tem como acionista majoritário o Governo Federal do Brasil. A empresa tem como objeto social a administração e a exploração comercial dos portos organizados e demais instalações portuárias do Pará, em harmonia com os planos e programas da Secretaria Especial de Portos da Presidência da República. Além de suas atividades estatutárias, a CDP exerce ainda o controle sobre as hidrovias da Amazônia Oriental: a Hidrovia Teles Pires-Tapajós e a Hidrovia Tocantins-Araguaia.[5]

Sede da Companhia Docas do Pará na cidade de Belém do Pará

Referências

  1. «Relatório FPRF304.OPE». Companhia Docas do Pará. Consultado em 22 de março de 2015. Arquivado do original em 2 de abril de 2015 
  2. «Balanço Patrimonial» (PDF). Companhia Docas do Pará. Consultado em 22 de março de 2015 
  3. a b «Demonstração do Resultado do Exercício Findo em 31 de Dezembro» (PDF). Consultado em 22 de março de 2015 
  4. «Notas explicativas às demonstrações contábeis - Exercícios findos em 31 de dezembro de 2013 e 2012 (em reais)» (PDF). Consultado em 22 de março de 2015 
  5. Rodrigues 2013.

BibliografiaEditar