Abrir menu principal
Conclave de 1431
O Papa Eugênio IV
Data e localização
Pessoas-chave
Decano Antonio Correr[1][2]
Camerlengo Louis Aleman[1][2]
Protodiácono Lucido Conti[1][2]
Eleição
Eleito Papa Eugênio IV
(Gabriel Condulmer)
Participantes 13 presentes
Ausentes 6
Escrutínios 1[3]
Cronologia
Conclave de 1417
Conclave de 1447
dados em catholic-hierarchy.org
Brasão papal de Sua Santidade o papa Eugênio IV

O conclave papal ocorrido entre 2 a 3 de março de 1431 resultou na eleição do Papa Eugênio IV depois da morte do Papa Martinho V[1].

Situação GeralEditar

O Papa Martinho V morreu em 20 de fevereiro de 1431. Durante esta Sede Vacante, eram vinte e três cardeais, mas o próprio Colégio considerou que teve uma adesão de 19 válidos. Juan Casanova, OP, e Guillaume Raguenel de Montfort havia sido criados sem publicação (uma inovação do Papa Martinho V). Um terceiro, Domenico Capranica, havia sido criado e publicado cardeal, mas ainda não havia sido recebido pelo Colégio dos Cardeais. Além disso, um outro cardeal, Philip Repington, Can. Reg. de Santo Agostinho, estava em descanso completo na Inglaterra, e não tinha sido reconhecido como um membro do colégio pelo menos desde 1409. Por conseguinte, o próprio colégio considerou que teve uma adesão de 19 válidos. Destes, seis estavam ausentes da eleição. O 13 restante foram os eleitores presentes no conclave. O cardeal Gabriele Condulmer, Can. Reg. de Santo Agostinho de S. Giorgio em Alga, foi eleito Papa em 3 de março de 1431 e tomou o nome de Eugênio IV.

Lista de participantesEditar

BibliografiaEditar

  • Francis Burkle-Young, Papal elections in the Fifteenth Century: the election of Eugenius IV [1]
  • Ludwig von Pastor: History of the Popes vol. IV, Londres, 1900

Referências

Ligações externasEditar