Abrir menu principal

Confederação Brasileira de Futebol Americano

Confederação Brasileira de Futebol Americano
Tipo Desportiva
Fundação 9 de março de 2013 (6 anos)
Sede Minas Gerais Belo Horizonte[1]
Línguas oficiais Português
Presidente Ítalo Mingoni[2]
Sítio oficial cbfabrasil.com

A Confederação Brasileira de Futebol Americano (CBFA) é a instituição máxima do futebol americano no Brasil, sendo responsável por regulamentar, organizar e fomentar o esporte no país. Além da modalidade tradicional do futebol americano, também é responsável pelas modalidades flag football (sem contato ou semi-contato) e futebol americano de areia (beach football), e gerencia as seleções brasileiras.

HistóriaEditar

A Confederação foi formalmente instituída em 9 de março de 2013, em substituição à Associação de Futebol Americano do Brasil (AFAB), que fora fundada em 2000.[3] A transformação da AFAB em CBFA foi aprovada na Assembléia Geral da AFAB de 15 de dezembro de 2012, em Curitiba.[4] A confederação não é reconhecida pela Federação Internacional de Futebol Americano (IFAF).[5]

No dia 9 de março de 2013, no Rio de Janeiro, foi realizada a primeira assembléia geral ordinária da CBFA, que definiu a diretoria do biênio 2013-14 cujo presidente foi o Flávio Cardia.[3]

A entidade organizou o Campeonato Brasileiro de Futebol Americano a partir de 2012. Em 2016, o seu campeonato e o Torneio Touchdown (o outro campeonato de âmbito nacional existente) foram unificados em um único campeonato, o maior já disputado na história do Brasil, com 30 equipes na divisão de elite e 31 na divisão de acesso.[6] Em 2017, na segunda edição unificada da elite do campeonato de nacional, torna-se a primeira edição na qual a liga dos clubes, a Liga Brasil Futebol Americano (Liga BFA), organiza a competição homônima sob a chancela da CBFA. A Liga Nacional, divisão de acesso, também chancelada pela CBFA é gerida pela liga homônima dos clubes, a LNFA, e a Liga Nordestina de Futebol Americano (LINEFA) na Região Nordeste.[7][8]

FiliadosEditar

Estas são as entidades nacionais, regionais e estaduais filiadas à CBFA.[9]

Entidades nacionais e regionaisEditar

Entidades estaduaisEditar

Diretoria atualEditar

No dia 31 de março de 2019, no Rio de Janeiro, foram eleitos por aclamação o presidente e o vice-presidente para o biênio 2019-20:[2]

  • Presidente: Ítalo Mingoni
  • Vice-Presidente: Lucas David
  • Diretor Administrativo: Vago
  • Diretor Financeiro: Vago
  • Diretor de Marketing: Vago
  • Diretor de Educação e Desenvolvimento: Vago
  • Diretor Jurídico: Vago

PresidentesEditar

Presidente Período
1 Flávio Cardia 2013 – 2014
2 Gustavo Sousa 2015 – 2017
3 Rogério Pimentel Silva 2017 – 2019
4 Ítalo Mingoni 2019 – atual

Seleção BrasileiraEditar

Referências

  1. «Sede da CBFA em Belo Horizonte». http://touchdownmineiro.com.br. 18 de julho de 2019. Consultado em 25 de julho de 2019 
  2. a b «Ítalo Mingoni é aclamado presidente da CBFA». salaooval.com.br. 31 de março de 2019. Consultado em 3 de abril de 2019 
  3. a b «A Confederação Brasileira de Futebol Americano». CBFA. Consultado em 16 de novembro de 2016 
  4. «CBFA (antiga AFAB) e Brazen firmam parceria para Seleção Brasileira de FA». Blog da Traktor. 6 de janeiro de 2013. Consultado em 16 de novembro de 2016 
  5. «IFAF - Federations». International Federation of American Football (IFAF). IFAF. Consultado em 25 de janeiro de 2018 
  6. «Vai começar o maior campeonato de futebol americano da história do Brasil». globoesporte.com. 9 de julho de 2016. Consultado em 27 de outubro de 2017 
  7. «Liga divulga tabela da primeira edição do novo Campeonato Brasileiro de Futebol Americano». globoesporte.com. 19 de abril de 2017. Consultado em 27 de outubro de 2017 
  8. «BFA divulga tabela para temporada 2017 da liga brasileira de futebol americano». theplayoffs.com.br. 20 de abril de 2017. Consultado em 27 de outubro de 2017. Arquivado do original em 27 de junho de 2017 
  9. «Entidades Filiadas da CBFA». Consultado em 26 de setembro de 2018 
  Este artigo sobre esporte/desporto é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.