Abrir menu principal

Potemkin (couraçado)

(Redirecionado de Couraçado Potemkin)
Disambig grey.svg Nota: Se procura o filme de Eisenstein, veja Bronenosets Potyomkin.
Potemkin
Panteleimon, 1906.jpg
Carreira  Rússia
Nome Kniaz Potemkin Tavricheskiy (1904–05)
Panteleimon (1905–17)
Potemkin-Tavricheskiy (1917)
Borets za Svobodu (1917–23)
Operador Marinha Imperial Russa
Fabricante Estaleiro Nikolaev do Almirantado
Homônimo Gregório Potemkin
Pantaleão de Nicomédia
Batimento de quilha 10 de outubro de 1898
Lançamento 9 de outubro de 1900
Comissionamento 1905
Descomissionamento 19 de abril de 1919
Estado Desmontado
Características gerais
Tipo de navio Couraçado pré-dreadnought
Deslocamento 13 110 t
Maquinário 2 motores de tripla-expansão
com três cilindros
22 caldeiras
Comprimento 115,4 m
Boca 22,3 m
Calado 8,2 m
Propulsão 2 hélices
- 10 600 hp (7 900 kW)
Velocidade 16 nós (30 km/h)
Autonomia 3 200 milhas náuticas a 10 nós
(5 900 km a 19 km/h)
Armamento 4 canhões de 305 mm
16 canhões de 152 mm
14 canhões de 75 mm
6 canhões de 47 mm
5 tubos de torpedo de 381 mm
Blindagem Cinturão: 229 mm
Convés: 51 a 76 mm
Barbetas: 107 a 254 mm
Torres de artilharia: 254 mm
Torre de comando: 229 mm
Anteparas: 178 mm
Tripulação 26 oficiais
705 marinheiros

O Potemkin (em russo: Потëмкин) foi um navio de guerra da Frota do Mar Negro da Rússia. Foi construído nos estaleiros de Nikolayev em 1898 e entrou ao serviço em 1904. Foi batizado em homenagem a Gregório Alexandrovich Potemkin, um militar do século XVIII. A construção do navio foi baseada no Couraçado Tri Sviatitelia e numa versão modernizada da classe de Couraçados Peresviet.

Este navio tornou-se famoso devido à revolta da sua tripulação, que nele ocorreu em Junho de 1905. Depois do domingo sangrento, o ençourado Potemkin, da esquadra do mar negro fez levantes militares e acarretou o czar a assinar o Tratado de Portsmouth.

Após a revolta o navio mudou de nome para Panteleimon, a partir de São Pantaleão, tendo voltado ao nome original em fevereiro de 1917. A seguir à Revolução de Outubro, seu nome foi alterado definitivamente para Boretz za Svobodu. Em 1918 foi capturado em Sebastopol pelo Exército alemão, sendo mais tarde recapturado ao Exército branco e entregue em 1919 às forças aliadas, que o fizeram explodir de modo a impedir a sua utilização pelos Bolcheviques. O Couraçado Potemkin seria finalmente desmantelado em 1922.

Serguei Eisenstein realizaria, em 1925, um filme sobre a revolta, chamado Bronenosets Potyomkin, o qual se tornou num marco da história do cinema.

O Couraçado Potemkin em 1905.

Ver tambémEditar

O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Potemkin (couraçado)