Abrir menu principal

Djalma Vando Berger

Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde novembro de 2014). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Djalma Berger
47º prefeito de São José Bandeira Municipal de São José.png
Período 1 de janeiro de 2009 a 2012
Antecessor Fernando Elias
Sucessor Adeliana Dal Pont
Deputado estadual de  Santa Catarina
Período 2003 a 2007
Deputado federal por  Santa Catarina
Período 2007 a 2009
Dados pessoais
Nascimento 7 de março de 1962 (57 anos)
Bom Retiro, SC
Nacionalidade brasileira
Progenitores Mãe: Melida Schlemper Berger
Pai: Elias Berger
Alma mater UFSC
ESAG
Partido PMDB
Profissão empresário
engenheiro civil

Djalma Vando Berger (Bom Retiro, 7 de março de 1962) é um político brasileiro e empresário do setor de serviços e energia.

Foi prefeito de São José-SC. Atualmente ocupa o cargo de diretor-presidente (CEO) da companhia elétrica federal Eletrosul

VidaEditar

É irmão do ex-prefeito de Florianópolis dos mandatos 2005-2008 e 2009-2012, Dário Berger, ex-prefeito de São José entre 2009 a 2012, e Senador da República na 54ª  legislatura.

BiografiaEditar

Djalma Berger é formado em administração pela ESAG e em engenharia civil pela Universidade Federal de Santa Catarina. Iniciou sua trajetória profissional como engenheiro da Eletrosul Centrais Elétricas S/A. Em 1997 ingressou na política como secretário de Obras na Prefeitura de São José.

Em 2002 foi eleito deputado estadual. Djalma Berger se tornou o segundo vice-presidente da mesa diretora da Assembleia Legislativa de Santa Catarina, onde também participou e presidiu as Comissões de Finanças e Tributação, de Turismo e Meio Ambiente e de Direitos e Garantias Fundamentais.

Após quatro anos de mandato, Djalma Berger concorreu à Câmara Federal, e atuou em Brasília nas seguintes comissões permanentes: Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática (como suplente) e Turismo e Desporto e Viação e Transporte (ambas como titular). Foi também o presidente da comissão externa para a tragédia climática em Santa Catarina, e trabalhou como suplente nas comissões especiais de Serviços Notariais (PEC nº 471/05).

Além disso, Djalma exerceu outras atividades como membro das comissões de Transportes e Desenvolvimento Urbano e de Economia, Ciência e Tecnologia e como secretário de Obras na prefeitura de Florianópolis.

Em 2008 concorreu a prefeito de São José, vencendo a eleição com 36 mil votos.

Em 7 de outubro de 2012, Djalma, candidato à reeleição, perdeu a eleição para Adeliana Dal Pont.

Ver tambémEditar

Precedido por
Fernando Melquíades Elias
Prefeito de São José
2009 — 2012
Sucedido por
Adeliana Dal Pont
  Este artigo sobre políticos ou política de Santa Catarina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.