Abrir menu principal

Borodino (couraçado)

(Redirecionado de Encouraçado Borodino)
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde janeiro de 2012). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Borodino
Borodino1904Kronshtadt.jpg
Carreira  Rússia
Operador Marinha Imperial Russa
Fabricante Estaleiro do Almirantado
Custo 14,5 milhões de rublos
Homônimo Batalha de Borodino
Batimento de quilha 23 de maio de 1900
Lançamento 8 de setembro de 1901
Comissionamento agosto de 1904
Estado Naufragado
Fatalidade Afundado na Batalha de Tsushima
em 27 de maio de 1905
Características gerais
Classe Borodino
Deslocamento 14 181 t
Maquinário 2 motores a vapor de
tripla expansão
20 caldeiras
Comprimento 121 m
Boca 23,2 m
Calado 8,84 m
Propulsão 2 hélices
- 15 800 hp (11 800 kW)
Velocidade 18 nós (33 km/h)
Autonomia 2 590 milhas náuticas a 10 nós
(4 800 km a 19 km/h)
Armamento 4 canhões de 305 mm
12 canhões de 152 mm
20 canhões de 75 mm
20 canhões de 47 mm
4 tubos de torpedo de 381 mm
Blindagem Cinturão: 145 a 195 mm
Convés: 25 a 50 mm
Torres de artilharia: 255 mm
Tripulação 782

O Borodino (Бородино) foi um encouraçado russo construído em São Petersburgo em homenagem à Batalha de Borodino.

Batalha de TsushimaEditar

Quando a frota russa enfrentou os japoneses na Batalha de Tsushima, o Knyaz Suvorov, onde estava o Almirante Zinovy Rozhestvensky foi bombardeado, o Imperador Aleksandr III entrou na linha de fogo inimiga para proteger o Knyaz Suvorov, onde recebu vários tiros japoneses, com isso os incêndios se proliferaram, os buracos no casco provocaram grande inundação, o navio então emborcou, matando todos os tripulantes. Enquanto isso o Borodino foi bombardeado, assim como os seus navios-irmãos; os incêndios destruíram grande parte do navio que após um tiro dum navio japonês ter atingido uma bateria iniciou-se uma série de explosões internas que abriram o casco, em seguida o Borodino afundou. Apenas 1 marinheiro sobreviveu, sendo resgatado após 12 horas no mar.