Abrir menu principal

Euro (vento)

vento de leste na mitologia da Grécia Antiga

Euro (em grego: Εύρος ) é o nome dado ao vento de leste na mitologia e geografia da Grécia Antiga.[1][2] Seu nome entre os romanos era Vultorno.[3]

Higino lista Favônio como um dos quatro ventos, filhos de Astreu e Aurora (os outros são Zéfiro, Bóreas e Noto)[4] mas, segundo Aulo Gélio favonius é o nome romano do vento que sopra oposto ao Euro.[5] Este vento não é mencionado por Hesíodo como os filhos de Eos e Astreu (que são Zéfiro, Bóreas, Noto e as estrelas).[6]

Ver tambémEditar

Referências

  1. Ovídio, Metamorfoses, Livro I, 52-68
  2. Aulo Gélio, Noctes Atticae, Livro II, Capítulo 22, Informação sobre o vento chamado Iápix e sobre os nomes e os quadrantes de outros ventos, derivados dos discursos de Marco Favônio, 7
  3. Aulo Gélio, Noctes Atticae, Livro II, Capítulo 22, Informação sobre o vento chamado Iápix e sobre os nomes e os quadrantes de outros ventos, derivados dos discursos de Marco Favônio, 8
  4. Higino, Prefácio
  5. Aulo Gélio, Noctes Atticae, Livro II, Capítulo 22, Informação sobre o vento chamado Iapyx e sobre os nomes e os quadrantes de outros ventos, derivados dos discursos de Marco Favônio, 12
  6. Hesíodo, Teogonia, Os Deuses Titãs, 378-382
  Este artigo sobre Mitologia (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.