Abrir menu principal
Fernando Reis
halterofilismo
Nome completo Fernando Saraiva Reis
Nascimento 10 de março de 1990 (29 anos)
São Paulo,  São Paulo
Nacionalidade brasileira
Compleição Peso: 150 kg Altura: 1,85 m
Clube Sport Club Pinheiros
Medalhas
Jogos Pan-Americanos
Ouro Guadalajara 2011 +105 kg
Ouro Toronto 2015 +105 kg
Ouro Lima 2019 +109 kg
Jogos Sul-Americanos
Ouro Santiago 2014 +105 kg
Prata Medelin 2010 +105 kg

Fernando Saraiva Reis (São Paulo, 10 de março de 1990)[1] é um halterofilista do Brasil, tricampeão dos Jogos Pan-Americanos, 5º lugar nos Jogos Olímpicos de 2016, 4º lugar no Mundial de 2018, e recordista das Américas da categoria acima de 105 kg.

CarreiraEditar

Fernando participou dos Jogos Pan-Americanos de 2007 e ficou em décimo lugar (último), na categoria até 94 kg, com 304 kg no total combinado (140 no arranque e 164 no arremesso).[2]

Nos Jogos Sul-Americanos de 2010, Fernando ficou com a medalha de prata, na categoria acima de 105 kg.[3]

No campeonato mundial para juniores (até 20 anos) de 2010, em Sofia, Bulgária, Fernando competiu na categoria acima de 105 kg e conquistou a primeira medalha do Brasil nessa competição — o bronze no arranque, com 171 kg. Ele terminou em quarto no total combinado (372 kg).[4]

Participou do Campeonato Mundial de 2010, aberto, sem limitação de idade, e ficou em 26º lugar.[5]

2011Editar

Em 10 de abril de 2011, venceu o National Collegiate Championships, em Shreveport, na categoria acima de 105 kg, com 385 kg no total combinado (175 no arranque e 210 no arremesso), todas essas marcas que foram novos recordes brasileiros.[6][7]

Durante Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, Fernando conquistou a medalha de ouro (primeira do país na modalidade) ao levantar 410 kg no total (185 kg no arranque e 225 no arremesso), quebrando os recordes dos Jogos Pan-Americanos.[8][9]

2012Editar

Em 2012, participou dos Jogos Olímpicos de Londres, na categoria acima de 105 kg. Na prova do arranque, fez 178 kg na primeira tentativa, e 180 na segunda. Na terceira, tentou bater seu recorde de 185 kg, mas falhou na tentativa de 186 kg. Já na prova do arremesso, começou bem, fazendo 220 kg na primeira tentativa. Quando tentou os 225 kg, as faixas que protegiam a musculatura de seus joelhos se soltaram. Fernando sofreu uma lesão, não conseguiu levantar os 225 kg e desistiu da última tentativa. Com isso, teve o resultado total de 400 kg. Terminou em quarto no grupo B, e em 12º lugar geral.[10]

2015Editar

Em 2015, Fernando Reis se tornou bicampeão dos Jogos Pan Americanos no Levantamento de peso, categoria Mais de 105 kg masculino com 427 kg (192+235 kg), recorde do Pan e recorde Brasileiro. No Campeonato Mundial de 2015, levantou 425kg (195kg + 230kg) e ficou com a 10ª colocação.[11]

2016Editar

Nos Jogos Olímpicos de Verão de 2016 no Rio de Janeiro, obteve o melhor resultado de sua vida, terminando em 5º lugar e batendo o recorde das 3 Américas (195 kg no arranque e 240 kg no arremesso, total de 435 kg).[12]

2017Editar

No Mundial de 2017, Reis levantou 200 kg na competição de arranque, ficando em 4º lugar nesta prova, e batendo o recorde da América. No arremesso, levantou 240 kg, terminando em sexto lugar. Na competição do total geral, a mais importante, terminou em sexto lugar, com 440 kg, recorde da América e melhor resultado da história do Brasil na competição.[13]

2018Editar

No Pan-Americano de Levantamento de Peso de 2018, ele novamente quebrou seu recorde da América do arranque, levantando 201 kg. No arremesso fez 235 kg, e no total geral, 436 kg, ganhando ouro nas três provas.[14]

No Campeonato Mundial de 2018, realizado em novembro, Reis obteve um histórico 4º lugar para o Brasil no total geral, a melhor posição do país de todos os tempos, com a marca de 436 kg (201 kg no arranco e 235 kg no arremesso). Ele ficou muito perto de obter a medalha de bronze, quando chegou a levantar o peso a 245 kg no arremesso, porém os juízes não consideraram o levantamento válido por causa da posição dos braços. [15]

2019Editar

No Pan de Lima 2019, apesar de ainda estar se recuperando de uma cirurgia no joelho, realizada no final de 2018, ele obteve facilmente o tricampeonato, erguendo 420 kg no total, contra 399 do atleta que obteve a prata.[16]

ResultadosEditar

Ano Competição Lugar Categoria Marca (kg) / pos.
Arranque Arremesso Total
2007 Jogos Pan-Americanos Rio de Janeiro 0–94 kg 140 / 10 164 / 10 304 / 10
2008 Campeonato mundial júnior Cali –105 kg 151 / 9 180 / 13 331 / 10
2009 Campeonato mundial júnior Bucareste –105 kg 152 / 6 186 / 6 338 / 6
2010 Jogos Sul-Americanos Medellín +105 kg 160 / 3 206 / 2 366 /  
Campeonato pan-americano Guatemala +105 kg 165 / 4 203 / 4 368 / 4
Campeonato mundial júnior Sofia +105 kg 171 /   201 / 5 372 / 4
Campeonato mundial Antália +105 kg 155 / 29 190 / 27 345 / 26
2011 National Collegiate Championships Shreveport +105 kg 175 /   210 /   385 /  
Jogos Pan-Americanos Guadalajara +105 kg 185 / 1 225 / 1 410 /  
Campeonato mundial Paris +105 kg 176 / 20 217 / 16 393 / 17
2012 Campeonato pan-americano Antigua Guatemala +105 kg 180 /   230 /   410 /  
Jogos Olímpicos Londres +105 kg 180 / 12 220 / 11 400 / 11
2013 Arnold Weightlifting Championships Columbus +105 kg 182 /   225 /   407 /  
Campeonato pan-americano Isla de Margarita +105 kg 180 /   227 /   407 /  
Campeonato mundial Breslávia +105 kg 182 / 10 228 / 6 410 / 7
2014 Jogos Sul-Americanos Santiago +105 kg 182 / 1 225 / 1 407 /  
Campeonato pan-americano Santo Domingo +105 kg 187 /   NM
Campeonato mundial Almaty +105 kg 190 / 8 230 / 7 420 / 9
2015 Jogos Pan-Americanos Toronto +105 kg 192 / 1 235 / 1 427 /  
IWF Grand Prix President’s Cup Grozny +105 kg 180 / 8 212 / 8 392 / 7
Campeonato mundial Houston +105 kg 195 / 7 230 / 12 425 / 10
2016 Evento Teste Rio 2016 Rio de Janeiro +105 kg 190 /   NM
Jogos Olímpicos Rio de Janeiro +105 kg 195 / 5 240 / 5 435 / 5
2017 Campeonato mundial Anaheim +105 kg 200 / 5 240 / 6 440 / 6
2018 Campeonato pan-americano Santo Domingo +105 kg 201 /   235 /   436 /  
Campeonato mundial Asgabate +109 kg 201 / 5 235 / 5 436 / 4
2019 Campeonato pan-americano Guatemala +109 kg DNS DNS
Jogos Pan-Americanos Lima +109 kg 190 / 1 230 / 1 420 /  
Campeonato mundial Pattaya +109 kg 192 / 5 232 / 9 424 / 8
  • DNS = Não largou (Did not start)
  • NM = Sem marca (No mark)

Referências

  1. «Fernando Saraiva. Atleta brasileiro no Pan 2011». UOL Pan 2011 
  2. Comitê Olímpico Brasileiro. «Resultados oficiais (XV Jogos Pan-Americanos Rio 2007)» (PDF). Consultado em 26 de maio de 2011 
  3. «+105kg men finals final (results)» (em inglês). Medellin 2010 South American Games official website. Consultado em 26 de maio de 2011 
  4. «Levantamento de peso brasileiro alcança bronze inédito em Mundial Junior». Comitê Olímpico Brasileiro. Consultado em 26 de maio de 2011 
  5. a b «Saraiva Reis Fernando» (em inglês). www.iwf.net. Consultado em 7 de julho de 2013 
  6. «Akademickie Mistrzostwa USA !» (em polonês). polska-sztanga.h2.pl. Consultado em 26 de maio de 2011. Arquivado do original em 16 de março de 2016 
  7. «Fernando Reis é o 1º no levantamento de peso no Universitário dos EUA». Comitê Olímpico Brasileiro. Consultado em 11 de junho de 2011 
  8. «Fernando Saraiva conquista ouro inédito no levantamento de peso». Globoesporte.com 
  9. a b «Levantamiento de pesas resultados varonil +105 kg Grupo A». Consultado em 29 de outubro de 2011 
  10. «Lesionado, Fernando Reis fica sem medalha no levantamento de peso» 
  11. «"A 13kg da medalha", Fernando Reis desafia favoritos ao pódio na Rio 2016» 
  12. «Fernando Reis faz melhor marca da carreira, mas fica a 13kg do bronze» 
  13. «Fernando Reis bate recordes pan-americanos e fica em 6º no Mundial» 
  14. «Fernando Reis bate recorde no arranco, e Brasil finaliza Pan com 6 medalhas» 
  15. «Com 4º lugar, Fernando Reis faz melhor resultado do país no Mundial de levantamento de peso» 
  16. Fernando Reis sobra e fatura o tri
  17. Saraiva Reis Fernand e Reis Fernando (BRA) (em alemão)
  18. «2013 Arnold Weightlifting Championships !» (em polonês). polska-sztanga.h2.pl. Consultado em 24 de março de 2013. Arquivado do original em 17 de junho de 2017 
  19. «Results - XXXI OLYMPIC GAMES». Consultado em 3 de Setembro de 2016 
  20. «Results - TEST EVENT FOR RIO 2016 OLYMPIC GAMES». Consultado em 3 de Setembro de 2016 
  21. «Results - 2015 IWF WORLD CHAMPIONSHIPS». Consultado em 3 de Setembro de 2016