Final da Liga dos Campeões da UEFA de 1992–93

A Final da Liga dos Campeões da UEFA de 1992-93 foi uma partida de futebol entre o Marselha de França e o Milan de Itália, disputada em 26 de Maio de 1993 no Olympiastadion, em Munique.

Final da Liga dos Campeões da UEFA de 1992–93
Evento Liga dos Campeões da UEFA de 1992–93 (Final)
Data 28 de Maio de 1993
Local Olympiastadion, Munique, Alemanha Alemanha
Árbitro Suíça Kurt Röthlisberger
Público 64 400

Na final, que se seguiu depois da segunda fase de grupos da história da Liga dos Campeões, o defesa do Marselha, nascido na Costa do Marfim, Basile Boli, marcou o único golo do encontro aos 43 minutos com um cabeceamento que deu ao Marselha o primeiro título europeu. Foi a primeira vez que uma equipa Francesa conquistou a Taça dos Campeões Europeus. Nenhuma equipa Francesa - para além do AS Mónaco do Mónaco, que jogava na liga francesa e, mais recentemente, o Paris Saint-Germain na edição 2019-20 do torneio - chegou á final, e muito menos ganhou o troféu.

O Marselha e o presidente do clube, Bernard Tapie, seriam mais tarde envolvidos em um escândalo de manipulação de resultados durante a temporada de 1992-93 (na qual o Marselha supostamente pagou ao Valenciennes para perder uma partida), que os levou a ser despromovidos para a 2ª Divisão e banidos da participação no futebol Europeu na temporada seguinte. Como o escândalo afetou apenas os jogos da liga Francesa, o estatuto do Marselha como Campeão Europeu de 1993 não foi afetado.

A primeira final da Liga dos Campeões acabou sendo o último jogo do atacante holandês Marco van Basten, altamente talentoso, mas atreito a lesões, que tinha 28 anos na época; tendo sido substituido aos 86 minutos devido à fadiga e a mais uma lesão no tornozelo, ele passaria os próximos dois anos em recuperação antes de anunciar a sua retirada em Agosto de 1995.[1]

EquipasEditar

Equipa Aparições em finais anteriores (negrito indica vencedores)
  Marselha 1 (1991)
  Milan 5 (1958, 1963, 1969, 1989, 1990)

Caminho para a finalEditar

  Marselha Fase   Milan
Oponente Total 1º jogo 2º jogo Oponente Total 1º jogo 2º jogo
  Glentoran 8–0 5–0 (F) 3–0 (C) Primeira fase   NK Olimpija Ljubljana 7–0 4–0 (C) 3–0 (F)
  Dínamo de Bucareste 2–0 0–0 (F) 2–0 (C) Segunda fase   Slovan Bratislava 5–0 1–0 (F) 4–0 (C)
Oponente Resultado Fase de grupos Oponente Resultado
  Rangers 2–2 (F) Dia 1   IFK Gotemburgo 4–0 (C)
  Club Brugge 3–0 (C) Dia 2   PSV 2–1 (F)
  CSKA de Moscovo 1–1 (F) Dia 3   Porto 1–0 (F)
  CSKA de Moscovo 6–0 (C) Dia 4   Porto 1–0 (C)
  Rangers 1–1 (C) Dia 5   IFK Gotemburgo 1–0 (F)
  Club Brugge 1–0 (F) Dia 6   PSV 2–0 (C)
Grupo A vencedor
Equipe J V E D GP GC SG Pts
  Marselha 6 3 3 0 14 4 +10 9
  Rangers 6 2 4 0 7 5 +2 8
  Club Brugge 6 2 1 3 5 8 −3 5
  CSKA de Moscovo 6 0 2 4 2 11 −9 2
Classificação Final Grupo B vencedor
Equipe J V E D GP GC SG Pts
  Milan 6 6 0 0 11 1 +10 12
  IFK Gotemburgo 6 3 0 3 7 8 −1 6
  Porto 6 2 1 3 5 5 0 5
  PSV 6 0 1 5 4 13 −9 1

DetalhesEditar

26 de Maio de 1993 Olympique de Marseille   1 - 0   Milan Olympiastadion, Munique

Basile Boli   44' Público: 64,400
Árbitro:   Kurt Röthlisberger
     
 
 
Marseille
     
 
 
Milan
MARSEILLE:
G 1   Fabien Barthez  
LD 2   Jocelyn Angloma   61'
Z 4   Basile Boli  
Z 6   Marcel Desailly
LE 3   Éric Di Meco  
V 7   Jean-Jacques Eydelie
V 11   Didier Deschamps  
M 5   Franck Sauzée
M 10   Abedi Pelé
A 8   Alen Bokšić
A 9   Rudi Völler   78'
Reservas:
G 16   Pascal Olmeta
LD 13   Bernard Casoni
V 14   Jean-Philippe Durand   61'
M 15   Jean-Marc Ferreri
A 12   Jean-Christophe Thomas   78'
Técnico:
  Raymond Goethals
MILAN:
G 1   Sebastiano Rossi
LD 2   Mauro Tassotti
Z 5   Alessandro Costacurta
Z 6   Franco Baresi  
LE 3   Paolo Maldini
V 4   Demetrio Albertini
V 8   Frank Rijkaard
M 7   Gianluigi Lentini  
M 10   Roberto Donadoni   55'
M 11   Daniele Massaro
A 9   Marco van Basten   86'
Reservas:
G 12   Carlo Cudicini
Z 13   Stefano Nava
V 15   Alberigo Evani
M 14   Stefano Eranio   86'
A 16   Jean-Pierre Papin   55'
Técnico:
  Fabio Capello

Ver tambémEditar

Referências