Francisco Noronha

Francisco Noronha (Sevilha, 1748Maurícia, 12 de janeiro de 1788), com o nome também grafado Francisco Noroña, foi um religioso, médico e botânico que se distinguiu na descrição da flora das Filipinas e do arquipélago Indonésio.[1]

Francisco Noronha
Nascimento 1748
Sevilha
Morte 12 de janeiro de 1788
Porto Luís
Cidadania Espanha
Ocupação botânico, eclesiástico, médico, escritor,
Noronhia emarginata, a oliveira-de-madagáscar.

BiografiaEditar

Foi um médico e botânico oriundo de Sevilha que viajou pelo Índico, onde visitou Madagáscar, e explorou as ilhas da actual Indonésia.

Residiu por algum tempo em Manila e em Luzón (Filipinas), onde desenvolveu grandes esforços para organizar um jardim botânico, instalando valiosas espécies. Conhecem-se três conjuntos das suas ilustrações em aguarela da flora de Java, e um grupo de de 108 imagens numeradas.

Em 1786 tomou sob a sua supervisão o "Museo da Sociedade Bataviana de Artes e Ciências de Java", em Batávia hoje Jakarta.

O seu nome serviu de epónimo ao género Noronhia Stadman ex Thouars da família Oleaceae, com a espécie Noronhia emarginata Blume & Reinw., a oliveira-de-madagáscar.[2][3]

PublicaçõesEditar

Entre as suas publicações mis conhecidas contam-se:

  • 1790. Relatio plantarum javanesium. Verh. Batav. Genootsch. Kunst. Wet. 5 (4): 1—28
  • Icones plantarum javanicarum.

Referências

  1. Robert Zander, Zander Handwörterbuch der Pflanzennamen (editado por Fritz Encke, Günther Buchheim, Siegmund Seybold). 13.ª edição. Eugen Ulmer, Stuttgart, 1984 (ISBN 3-8001-5042-5).
  2. Noronhia emarginata.
  3. «Noroña, Francisco». Nationaal Herbarium Nederland. Consultado em 21 de agosto de 2007 

BibliografiaEditar

  • Pinar García, Susana (2000). El sueño de las especias : viaje de exploración de Francisco Noroña por las Islas de Filipinas, Java, Mauricio y Madagascar. Madrid: Consejo Superior de Investigaciones Científicas, Departamento de Historia de la Ciencia, Cuadernos Galileo de historia de la ciencia 21. ISBN 8400078977 
  • Pinar García, Susana (1995). The Scientific Voyages of Francisco Noroña (1748–1788) in Southeast Asia and the Indian Ocean. Itinerario: European Journal of Overseas History. pp. 161–164 
  • Pinar García, Susana (1997). Little-Known Travellers and Natural Systems: Francisco Noroña's Exploratory Voyage through the Islands of the Indian Ocean (1784–1788). Arch. Nat. Hist. pp. 127–144 
  • Pinar García, Susana; Puig-Samper Mulero, Miguel Angel; Pelayo López, Francisco (1995). «Francisco Noroña, un naturalista español en el Océano Índico». In: Mallo Gutiérrez, Tomás; Pacheco Fernández, Daniel; Díez Torre, Alejandro R. De la ciencia ilustrada a la ciencia romántica : actas de las II Jornadas sobre "España y las Expediciones Científicas en América y Filipinas". Madrid: Doce Calles, Ateneo Científico, Literario y Artístico. pp. 109–120. ISBN 9788487111532 
  • Williams, Roger Lawrence (2003). French Botany in the Enlightenment: The Ill-fated Voyages of La Pérouse and His Rescuers. Springer-Verlag. pp. p. 116. ISBN 1402011091 
  • Zuidervaart, Huib J.; Van Gent, Rob H. (2004). A Bare Outpost of Learned European Culture on the Edge of the Jungles of Java. Isis. pp. 1–33. doi:10.1086/423509 

Ligações externasEditar

O Wikispecies tem informações sobre: Francisco Noronha