Abrir menu principal

Francisco Pereira de Moura

Francisco Pereira de Moura
Nascimento 1925
Lisboa
Morte 1998 (73 anos)
Cidadania Portugal
Alma mater ISEG - Lisboa School of Economics and Management
Ocupação economista, professor
Empregador Universidade Técnica de Lisboa

Francisco José da Cruz Pereira de Moura (Lisboa, 17 de Abril de 1925 — 4 de Abril de 1998) foi um destacado economista e professor universitário português.[1][2]

BiografiaEditar

Licenciado em Finanças, em 1950, pelo Instituto Superior de Ciências Económicas e Financeiras da Universidade Técnica de Lisboa e Doutor em Economia, em 1961, pela mesma Universidade, Pereira de Moura viria a ser professor catedrático no Instituto Superior de Serviço Social de Lisboa, e mais tarde do Instituto Superior de Economia e Gestão, onde foi professor de grandes personalidades da vida económica e política de Portugal, como João Salgueiro, Francisco Louçã, entre outros.[1]

Opositor do regime salazarista, fundou juntamente com outros companheiros de luta antifascista a Comissão Democrática Eleitoral (CDE), que viria a dar origem ao Movimento Democrático Português (MDP/CDE).[1]

Participou na vigilia da Capela do Rato, onde viria a ser preso pela Direcção-Geral de Segurança, a polícia política do regime, e demitido do seu lugar de professor do Instituto Superior de Economia.[2]

Na sequência da Revolução de 25 de Abril de 1974, Francisco Pereira de Moura representou o Movimento Democrático Português (MDP/CDE) como ministro sem pasta no primeiro governo provisório de Adelino da Palma Carlos e no quarto governo provisório, e foi ministro dos assuntos sociais no quinto governo provisório de Vasco Gonçalves.[1][2]

Com a normalização da situação política e económica em Portugal, retirou-se da vida política e regressou ao ensino superior, deixando vasta obra técnica na área da Economia.

TrabalhosEditar

  • Estrutura da Economia Portuguesa (em colaboração);
  • Estagnação ou Crescimento da Economia Portuguesa;
  • Estudo sobre a Indústria Portuguesa (orientação e colaboração);
  • Localização das Indústrias e Desenvolvimento Económico;
  • Problemas Fundamentais da Economia", obra traduzida em França;
  • Lições de Economia;
  • Planeamento Industrial e Desenvolvimento Regional;
  • Análise Económica da Conjuntura;
  • Para onde Vai a Economia Portuguesa?;
  • A Inflação e os Trabalhadores
  • A Banca, Estado Social e a Expansão dos Lucros.

Referências

  1. a b c d Louçã, Francisco (Abril de 1999). «Francisco Pereira de Moura: the founder of modern economics in Portugal - 1925-1998» (em inglês). American Journal of Economics and Sociology. Consultado em 4 de Dezembro de 2010. 
  2. a b c «Biografia de Francisco Pereira de Moura». netsaber.com.br. Consultado em 4 de Dezembro de 2010.