Grande Prêmio do México de 1962

Grande Prêmio do México
extracampeonato de 1962
Autodromo Hermanos Rodriguez 1963.svg
Primeiro GP do México disputado na capital do país
Detalhes da corrida
Data 4 de novembro de 1962
Nome oficial I Gran Premio de México
Local Autódromo Magdalena Mixhuca, Cidade do México, México
Total 65 voltas / 325.000 km
Pole
Piloto
Reino Unido Jim Clark Lotus-Climax
Tempo 2:00.1
Volta mais rápida
Piloto
Reino Unido Jim Clark Lotus-Climax
Tempo 1:57.6 (na volta ?)
Pódio
Primeiro
Reino Unido Trevor Taylor
Reino Unido Jim Clark
Lotus-Climax
Segundo
Austrália Jack Brabham Brabham-Climax
Terceiro
Reino Unido Innes Ireland Lotus-Climax

O I Grande Prêmio do México foi realizado em 4 de novembro de 1962 no circuito de Magdalena Mixhuca, Cidade do México.[1] A prova não era válida pelo campeonato mundial de Fórmula 1 porém foi realizada sob o mesmo regulamento e atraiu alguns dos melhores pilotos e equipes do mundo. A corrida teve 60 voltas e foi marcada pelo acidente que matou o prodígio mexicano Ricardo Rodríguez.[2][3]

ResultadosEditar

Pos. Piloto Inscrito pela Construtor Tempo/Diferença Grid
1   Trevor Taylor / Jim Clark Team Lotus Lotus-Climax 2:03:50.09 3
2   Jack Brabham Brabham Racing Organisation Brabham-Climax + 1:01.01 7
3   Innes Ireland UDT Laystall Racing Team Lotus-Climax + 1 volta 2
4   Jim Hall Jim Hall Lotus-Climax + 1 volta 10
5   Masten Gregory UDT Laystall Racing Team Lotus-BRM + 1 volta 9
6   Rob Schroeder John Mecom Lotus-Climax + 3 voltas 11
7   Carel Godin de Beaufort Ecurie Maarsbergen Porsche + 3 voltas 12
8   Homer Rader Jim Hall Lotus-Climax + 3 voltas 14
9   Jay Chamberlain Ecurie Excelsior Lotus-Climax + 7 voltas 16
Ret   Walt Hansgen Walter Hansgen Lotus-Climax Problemas na ignição 13
Ret   Roger Penske Dupont Team Zerex Lotus-Climax Câmbio 6
Ret   Bruce McLaren Cooper Car Company Cooper-Climax Motor 5
DSQ   Jim Clark Team Lotus Lotus-Climax Queimou a largada 1
Ret   Roy Salvadori Bowmaker-Yeoman Racing Team Lola-Climax Acidente 8
Ret   Alan Connell Alan Connell Cooper-Climax Motor 15
Ret   Wolfgang Seidel Autosport Team Wolfgang Seidel Lotus-BRM Câmbio 17
Ret   John Surtees Bowmaker-Yeoman Racing Team Lotus-Climax Ignição 4
WD   Moises Solana Bowmaker-Yeoman Racing Team Cooper-BRM Muito lento [nota 1]
FAT   Ricardo Rodríguez Rob Walker Racing Team Lotus-Climax Acidente fatal -
DNS   Dan Gurney Porsche System Engineering Porsche
DNS   Jo Bonnier Porsche System Engineering Porsche

Notas

  1. Moises Solana abandonou durante os treinos dizendo que seu carro estava muito lento. Sua volta mais rápida foi melhor do que as dos pilotos Seidel, Connell, Rader, Chamberlain e Hansgen.

Referências

  1. «1962 Mexican Grand Prix | Motor Sport Magazine Database». Motor Sport Magazine (em inglês). 13 de junho de 2017. Consultado em 3 de janeiro de 2019 
  2. Fred Sabino (14 de fevereiro de 2020). «Irmãos Rodríguez tiveram bons resultados na F1 mas acabaram encontrando a morte nas pistas». globoesporte.com. Globo Esporte. Consultado em 14 de fevereiro de 2020 
  3. «Ricardo Rodriguez | Motor Sport Magazine Database». Motor Sport Magazine (em inglês). 12 de junho de 2017. Consultado em 3 de janeiro de 2019 
Precedido por
International Gold Cup de 1962
Corridas de Fórmula 1 extracampeonato da FIA
Ano de 1962
Sucedido por
Grande Prêmio de Rand de 1962
Precedido por
Nenhum
Grande Prêmio do México
1ª edição
Sucedido por
Grande Prêmio do México de 1963